Moradores de Mâncio Lima, no interior do Acre, ficam mais de 8 horas sem energia elétrica

Consumidores alegam prejuízo durante noite de apagão. Galho de árvore caiu sobre a rede e prejudicou o serviço, diz Eletrobras.

Um apagão de energia elétrica, em Mâncio Lima, interior do Acre, deixou os moradores por mais de 8 horas no escuro e, além de uma noite de muito calor, os consumidores reclamam que tiveram prejuízos com o apagão. A queda no sistema da Eletrobras ocorreu por volta de meia-noite de sábado (5) e só foi restabelecido às 8h.

O apagão afetou praticamente todos os bairros da cidade e, assim que as luzes se apagaram, os moradores começaram a ligar para os números da Eletrobras à procura de informações, pois não houve nenhum aviso prévio por parte da empresa que o fornecimento seria suspenso. No entanto, não tiveram explicações para o ocorrido.

O radialista Fagner Nascimento conta que ficou com uma expectativa muito grande pelo restabelecimento do sistema, pois sua preocupação maior era com a segurança de sua família.

“Ficamos a noite toda sem saber de nada, não tivemos nenhuma nota explicando sobre a falta de energia e ficamos aqui à espera, preocupados devido à violência aqui no município que já acontece com a cidade estando com luz, imagine no escuro”, reclamou Nascimento.

O servidor público Elson Filho, que mantém uma pequena criação de galinhas em seu quintal, disse que estava com mais de 100 ovos em uma chocadeira e, com a interrupção da energia, a incubação foi prejudicada. “Faltavam três dias para nascer os pintos e, como está gerando, com a falta de energia na chocadeira perde tudo, mas eu vou procurar a justiça na segunda-feira [7]”, disse Filho.

O fornecimento de energia para o município só foi reativado às 8h15 deste sábado. Os moradores reclamaram ainda que o apagão aumenta o risco de doenças como a malária e a dengue, já que a ação dos mosquitos que transmitem essas doenças se torna mais intensa em noite de escuridão.

“Já vivemos uma situação complicada com um grande número de casos de dengue e, sem energia, pode aumentar, pois os mosquitos invadem as casas”, disse o Nascimento.

O gerente da Eletrobras na região, Marcos Cavalcante, informou que um galho de árvore que caiu sobre a rede de energia no Centro da cidade provocou o apagão. Segundo ele, a empresa só tomou conhecimento às 5h12, quando foi registrada a ocorrência. Segundo Cavalcante, logo que teve conhecimento, uma equipe de plantão foi para o local e teve que cortar os galhos para resolveu o problema.

Por Mazinho Rogério, G1