RIO BRANCO

Vídeos

Gabinete do ódio! Vice-governador Rocha pagava comunicador para denegrir a imagem do Governador Gladson, diz Silvio em áudio

Publicados

Vídeos

Silvio Santos segurando um quadro do Governador Gladson Cameli e o vice-governador Major Rocha – Foto: Reprodução

Áudio bombástico (Veja abaixo) que relata diretamente a forma como o Vice-governador Major Rocha estava agindo pelas costas do governador Gladson Cameli, vazaram nas redes sociais e estão causando grande polêmica em todo o estado do Acre.

De acordo com o que relata o áudio, o vice-governador Major Rocha estaria agindo juntamente com sua irmã deputada Mara Rocha, como verdadeiro Judas no governo, sem contar que ainda eram considerados como aliados.

O áudio seria uma ligação gravada entre o Silvio Santos e Hedislandes Gadelha, onde Silvio chegou a afirmar durante uma ligação que o vice-governador Major Rocha tinha um trato com ele, onde ele recebia pelo gabinete da deputada Mara Rocha o valor exato de R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) para ele exercer um único papel que seria denegrir a imagem do Governador do Estado do Acre, Gladson Cameli.

Enquanto os irmão Rocha se uniram para atacar o governador, Gladson Cameli teve que se virar para resolver os problemas do Estado bem dizer sozinho, pois não dava para contar com seu vice-governador, que era quem deveria lhe auxiliar nos momentos mais difíceis em que o estado enfrentava.

Leia Também:  Neste vídeo abordamos: possibilidade de uma lei de incentivo à cultura, lockdown, coronavírus e outros

Silvio Santos diz ainda que essa parceria teria acabado devido uma publicação que o Santos fez elogiando o governador e esse teria sido o estopim para que Rocha acabasse de vez com o trato que havia feito com Silvio.

De acordo com Silvio Santos, ao tomar conhecimento da publicação, Major Rocha teria lhe mandado print (da publicação) questionando a situação, porém Silvio afirma ter dito que não iria mais fazer este jogo sujo dos irmão Rocha.

“Eu fiz um elogio ao Gladson, ele (Rocha) printou e jogou para mim, olha aqui Silvio, assim não dá meu irmão, ou tu é meu aliado ou não é! Óh Rocha eu não vou mais bater em ninguém não meu irmão, sinto muito mais eu não vou mais fazer este jogo ai não depois eu pego 10 ou 15 processo aí tu não vai me defender não sou eu quem vou ter que me defender. Sinto muito não vou mais fazer isso! Aí ele disse: é negão não dá para a gente trabalhar não eu quero uma pessoa que eu possa contar e me defender nas redes sociais”, disse.

Silvio que também é locutor afirma ainda que após uma semana, Rocha chegou para ele e disse que não daria mais pois o Gladson estaria exonerando todo o seu pessoal e Mara era quem estava comportando o pessoal em seu gabinete e que era para ele procurar seu rumo, procurar outros políticos para defender.

Leia Também:  Exclusivo: 7 Alunos morrem ao caírem do quarto andar em universidade da Bolívia, veja o vídeo

Daí, Silvio teria ficado defendendo Petecão, Marfisa  e Bocalom para conseguir algo na prefeitura de Rio Branco, porém na hora do “vamos ver”, Marfisa (que vinha bajulada por Silvio) foi contra a sua nomeação na prefeitura.

Em se tratando do vice-governador, além de (segundo os áudios) Rocha fazer este jogo sujo, Rocha ainda estaria afirmando que quem estaria agindo dessa forma pagando gente para lhe atacar.

A redação do site 3 de Julho Notícias tentou contato com o Vice-governador Major Rocha e a deputada Mara Rocha através do número (68) 99946-XX77 mais até a publicação desta matéria não conseguimos resposta, mais caso Rocha e Mara queiram se pronunciar a respeito do assunto, o espaço fica em aberto.

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Vídeos

Veja o Vídeo: Eu já batizei nesta casa que a gestão do governo Gladson Cameli é incompetente, um governo que não tem planejamento, diz vereador Jurandir

Publicados

em

Por

Veja o Vídeo:

O vereador do município de Brasileia, Jurandir Queiroz, se pronunciou contra o governo de Gladson Cameli, durante a sessão que aconteceu na Câmara de Vereadores da Cidade fez algumas explanações acerca do que vem acontecendo no nosso estado sobretudo no tocante ao retorno das aulas presenciais e saúde pública.

Jurandir começou enfatizando que por falta de planejamento por parte do Governo do Estado, nem todas as escolas tiveram condições de receber o público estudantil nas escolas pois os locais não estão oferecendo a menor condição para receber os alunos, boa parte delas encontram-se em reforma que já vem se estendendo por muito tempo e até o momento não foi concluído.

Outro fato importante mencionado pelo vereador Jurandir foi com relação a merenda escolar, onde muitas escolas não receberam a merenda escolar por completo, faltou produtos para que fosse oferecido merenda adequada para os estudantes, pois o governo não teve capacidade de se organizar para tal.

O parlamentar citou ainda a questão da saúde pública no Estado do Acre, e usou o caso de Manoel Urbano como exemplo, onde um enfermeiro foi obrigado a fazer um parto de emergência por não haver médicos no hospital e para evitar problemas para a paciente gestante e para o bebê que estava por vir ao mundo, o enfermeiro realizou o parto sendo orientado por celular por um médico de Cruzeiro do Sul.

Leia Também:  Comissão da Amazônia aprova solicitação de Jesus Sérgio para debater a crise de migração de Assis Brasil

“São situações como estas que gere revoltas pois hoje aconteceu em Manoel Urbano, mas amanhã pode acontecer em qualquer outro município do Estado pois o governo é o mesmo, um governo, irresponsável, sem capacidade de gestão e pior sem políticas públicas que possam de fato gerar bons resultados”, concluiu Jurandir.

Veja o Vídeo:

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O líder do Movimento Social Pró Ponte, Ralf Luiz, frisou que a obra da ponte de Rodrigues Alves é salutar mas, que o governador Gladson Cameli precisa fazer o ‘dever de casa’ primeiro. “Essa Interligação é importante mas, o debate precisa ser mais bem amadurecida pelos dois países. O governador não fez nem o dever de casa. Rodrigues Alves por exemplo, está precisando de uma ponte há anos. A nossa BR-364 até hoje não foi concluída. Portanto, discutir sobre a Interligação de Cruzeiro do Sul com Pucallpa é uma discrepância sem fim”, Concluiu.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Leia Também:  Veja o Vídeo: Prefeito de Rodrigues Alves defende estrada para o Peru durante audiência pública da ALEAC, em Cruzeiro do Sul

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA