RIO BRANCO

Variedades

No Acre, obras da Casa da Mulher Brasileira têm início este ano

A obra faz parte das metas previstas no programa “Mulher, Viver Sem Violência”, do governo federal.

Publicados

Variedades

A obra faz parte das metas previstas no programa “Mulher, Viver Sem Violência”, do governo federal.

Por Maria Meirelles 

Projeto da Casa (Imagem: internet)

Projeto da Casa (Imagem: internet)

A Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM/PR) divulgou em nota, na última segunda, 26, a construção da Casa da Mulher Brasileira no Acre, em 2015. 

O prédio da instituição será construído em Rio Branco e reunirá os serviços das delegacias especializadas de atendimento à mulher (Deam), juizados, varas, defensorias, promotorias, equipe psicossocial (psicólogas, assistentes sociais, sociólogas e educadoras) e equipe para orientação ao emprego e renda.

O espaço físico contará ainda com uma brinquedoteca e espaço de convivência. Serviços de saúde (institutos médicos legais, hospitais de referência e unidades básicas) e de abrigamento serão acessados por meio da logística de transporte gratuito, vinculada ao Ligue 180 e à Casa.

A Secretaria de Estado de Políticas para as Mulheres (SEPMulheres) está em processo de identificação do terreno para a obra. “O governo do Estado e a Presidência da República estão unindo esforços para que as obras iniciem o mais rápido possível, uma vez que a Casa da Mulher Brasileira será mais um mecanismo de enfrentamento à violência doméstica”, destacou a titular da SEPMulheres, Concita Maia.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Frigorífico do Complexo de Piscicultura inicia fase de testes na quinta

Propaganda

Política

Governo entrega mais de 300 novas vagas na Unidade Penitenciária de Sena Madureira

A área de convivência familiar e o alojamento dos agentes penitenciários também foram melhorados.

Publicados

em

Por

A área de convivência familiar e o alojamento dos agentes penitenciários também foram melhorados.

Por Samuel Bryan

O governador Tião Viana entregou na manhã desta quinta-feira, 1, dois novos blocos de convivência para reeducandos da Unidade Penitenciária Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, que agora, com 312 novas vagas, zera o déficit prisional do município.

Foram investidos R$ 5 milhões. Além dos blocos, o espaço também teve uma ampliação da muralha, com novas guaritas elevadas, calçamento e todo o cercamento do alambrado em torno da unidade. 

A entrega faz parte das três mil novas vagas em unidades prisionais de todo o Acre abertas pelo governador Tião Viana durante sua gestão, num investimento que chega a R$ 70 milhões no sistema prisional do estado, com obras de reforma e ampliação em todos os presídios.

“Com mais essa entrega, as regionais de Sena Madureira, Tarauacá, Cruzeiro do Sul e Rio Branco estão completamente reestruturadas e com os agentes valorizados com plano de carreira. E o problema da violência não é falta de vagas nas escolas, onde aqui no Acre elas estão sobrando. É mais complexo, com a pressão do narcotráfico destruindo gerações porque as fronteiras da Amazônia estão abertas”, conta o governador Tião Viana.

Leia Também:  Vagas para a área fiscal em 2015 o maior destaque é a Receita Federal

Os novos blocos entregues seguem o padrão composto por circuito interno de videomonitoramento, cela com acessibilidade, alojamentos para agentes penitenciários, solário, guarita e alambrado.

O diretor-presidente do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), Aberson Carvalho, completa: “Aqui no presídio de Sena Madureira nós triplicamos o número de vagas. Isso reflete uma qualidade na ressocialização e na atividade laboral dos agentes penitenciários. Aumentamos o conforto dos nossos servidores, o que leva à melhoria da qualidade do trabalho.”

Veja o Vídeo da Prefeita Fernanda Hassem que está em Brasília em busca de recursos para Brasiléia.

A Prefeita, Fernanda Hassem, está em Brasília em busca de mais recursos para o município de Brasiléia. E para isso está participando de audiências com os parlamentares da bancada acreana mostrando as necessidades da cidade, e de sua população. Esse é um momento decisivo para aqueles que querem ajudar Brasiléia, e seus moradores.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA