RIO BRANCO

Tudo sobre Política

Wesles e Mara Rocha acusam site de divulgar Fake News contra o irmão Pang Rocha, mas ao consultar lista do TCU, confirmamos que ele recebeu Auxílio Emergencial

Publicados

Tudo sobre Política

O vice-governador gravou um vídeo junto com sua irmã, deputada Mara Rocha (PSDB) onde condenam uma matéria veiculada em um site local, afirmando que um dos irmãos; Pang Rocha, que disputa a eleição de vereador teria recebido auxílio emergencial

Weverton Fernandes da Rocha (Pang Rocha), disputa a eleição pelo PSDB em Rio Branco e teve seu nome veiculado a uma matéria do site ContilNet, onde a mesma afirma que o candidato estaria na lista dos que receberam auxílio emergencial do governo federal.

Mesmo com o repúdio e negação por parte de Mara e do irmão Wesles Rocha, a lista do TCU – Tribunal de Contas da União confirma o recebimento do auxílio emergencial por parte do candidato Pang Rocha do PSDB.

Rocha condena veemente a notícia, assim como sua irmã Mara que afirmam ser uma Fake News coordenada por um gabinete do ódio, que é financiado com dinheiro público para atacar a honra de sua família e de adversários políticos.

“Não é de hoje que esse site vem nos atacando, a gente sabe de onde vem isso. Não podemos admitir que um jornal que era para ser de credibilidade, venha sendo usado para nos atacar, atacar meu irmão Pang que é candidato a vereador de maneira covarde. , desabafou Mara Rocha.

Leia Também:  Árbitro argentino se cansa de cartão amarelo e só usaria o vermelho

O vice-governador Werles Rocha (PSL) não escondeu suas críticas contra o governo, afirmando ter um gabinete do ódio dentro da estrutura do estado para financiar pessoas e alguns veículos de comunicação para atacar adversários políticos.

“Essa não é a primeira vez que somos atacados pelo site, por um gabinete do ódio, que recebem CEC’s no governo e recursos públicos para tentar denegrir a imagem das pessoas.

Eu, a Mara, minha mãe, agora o Pang, fomos atacados por mercenários pagos com recursos públicos. Tanto o governo do estado, quanto a prefeitura e Assembleia Legislativa estão patrocinando esses ataques e vamos denunciar na justiça”, disse Rocha.

Veja o link com os nomes de todos os candidatos com patrimônio acima de 300 mil, que foram contemplados com auxílio emergencial do governo federal.

Candidatos com patrimônio acima de 300 mil recebendo auxilio

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Tudo sobre Política

Jenilson Leite cobra retorno do Auxílio Covid e antecipação da Etapa Alimentação aos servidores da Saúde

Publicados

em

O Acre registrou somente esta semana, entre segunda-feira (17) e quinta (20), 1.679 novos casos de Covid-19, segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde. Além destes dados oficiais do Estado, a Secretaria Municipal de Saúde de Rio Branco, disse que nesta quinta, o drive-thru montado na Arena da Floresta positivou 724 casos, apenas na Capital.

O deputado estadual e médico infectologista Jenilson Leite (PSB), divulgou um vídeo nesta sexta-feira (20), onde pontua ações que podem ser adotadas pelo Estado para mitigar a situação da população e dos servidores da Saúde diante desta terceira onda do coronavírus.

Entre as ações propostas pelo parlamentar estão o retorno do pagamento do Auxílio Covid, que começou a ser pago aos servidores em julho do ano passado e foi encerrado em dezembro. Ele pede também que o Governo antecipe o pagamento da Etapa Alimentação.

“Com aumento de internações, vamos precisar novamente dos nossos servidores de saúde que estão enfrentando uma terceira onda, e o Governo precisa retomar com o Auxílio Covid, precisa trazer para fevereiro aquela Etapa Alimentação que tínhamos pactuado e que seria para março, e precisa anunciar o reajuste linear para todos os servidores, inclusive os da saúde que mais uma vez se expõem diante da pandemia, e precisa ainda anunciar o concurso público para saúde”, pontua Jenilson.

Leia Também:  No duelo dos lanternas, Andirá e Alto Acre ficam no empate sem gols.

O parlamentar levanta outra questão: a necessidade de ampliação da vacinação no estado. O Acre continua no topo entre os estados que menos vacinaram contra a covid-19. Segundo dados nacionais, o estado imunizou 47,09% da população com duas doses, ficando atrás apenas de Amapá e Roraima, com 38,73% e 38,64%, respectivamente.

Com este cenário, Jenilson pede que o Governo ajude os municípios a traçar e desenvolver estratégias. “Em tese a responsabilidade direta da vacinação é dos municípios, mas em um momento como esse não podemos deixar isso só na mão das prefeituras. Precisamos criar estratégias para ampliar essa capacidade”, destacou.

O avanço da vacinação é a estratégia fundamental para evitar um colapso na rede pública de saúde e mortes, pois garante que o paciente não desenvolva um quadro grave da doença em que precise de oxigênio e ser internado em uma unidade de terapia intensiva (UTI).

“Quando estão com duas doses, essas pessoas evoluem de forma tranquila, mas temos aquelas que não tomaram nenhuma ou só tomaram uma dose e estamos vendo elas adoecerem e precisar de internação hospitalar”, alerta.

Leia Também:  Ex-empregado afirma que ex-mulher de Bolsonaro forjou roubo de Land Rover para receber seguro

O deputado acredita que estas medidas demonstraram o comprometimento do Governo no enfrentamento de mais uma onda de covid-19 no Acre.

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA