RIO BRANCO

Saúde

Uma luta antiga da vereadora Neiva Badotti, hospital de Brasileia já conta com o Serviços Especializado em Infectologia

Publicados

Saúde

A especialidade em Infectologia já vinha sendo oferecida no hospital apenas uma ou duas vezes ao mês, mas agora conta com médico especialista na área com carga horária.

O médico Infectologista Dr. Aldo Damian se diz muito feliz em poder contribuir com os pacientes da regional do Alto Acre, pois alguns desses pacientes já vinham sendo atendidos por ele na capital Rio Branco, e sabendo das dificuldades no deslocamento desses pacientes, o mesmo solicitou sua transferência para o hospital de Brasiléia.

Hoje o Hospital Regional do Alto Acre oferece serviços de laboratório, exames de carga viral através do LAFRON, dispensação de medicamentos para portadores de hepatites virais (critério Médico), através da UDM/SICLON.

A Coordenadora dos Serviços de Infectologia no Hospital de Brasiléia, Neiva Badotti, disse que é uma luta antiga, desde o ano de 2011 que travou essa batalha, pois acompanha de perto as dificuldades de acesso desses pacientes ao tratamento fora do domicilio, e diz que é um verdadeiro calvário, pois na maioria dos casos, são pessoas que necessitam de acompanhamento para toda sua vida.

Leia Também:  'Creed: nascido para lutar' estreia no cinema de Rio Branco nesta quinta

Fica aqui nossos agradecimentos ao Governo do Estado, SESACRE, Dr Aldo que se disponibilizou a estar aqui conosco, a gestão do hospital e todos que de forma direta ou indiretamente contribuíram para melhorar a vida desses pacientes, destacou Neiva Badotti.

A SESACRE também vem disponibilizando exames de ultrassonografia uma vez por mês com médico especialista em Radiologia, para os pacientes da Infectologia, e logo irá disponibilizar também exames de endoscopia para atender esses pacientes.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Deputado Edvaldo Magalhães lamentou que as escolas estão pedindo açúcar emprestado na taberna do bairro”, as três escolas situadas na cidade de Feijó não iniciaram o ano letivo por falta de organização da Secretaria de Estado de Educação (SEE) do governo Gladson Cameli. As Escola de Ensino Médio José Gurgel, por exemplo, ficou sem iniciar as atividades por falta de energia elétrica. Além disso, está faltando merenda. “Aonde tem merenda, estão servindo bolacha com ki-suco. O governo anunciou um programa que deixaria todos os alunos bem alimentados, mas não tem merenda. Não conseguiram contratar e entregar merenda para iniciar o ano letivo, diz deputado

Leia Também:  Prefeitura de Rio Branco gastou mais de R$ 710 mil com auxílio-funeral. Quase R$ 400 mil em menos de um ano

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Saúde

População no município de Xapuri recebe atendimentos do programa Saúde Itinerante Especializado

Publicados

em

A coordenadora do programa Saúde Itinerante, Rosemary Ruiz, destaca a proximidade do serviço de saúde à população – Foto: Cedida

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), realizou nos dias 22 e 23 de outubro, no município de Xapuri, atendimentos à população pelo programa Saúde Itinerante, na Escola Estadual Madre Gabriela Nardi, no bairro Sibéria.

Foram oferecidos os seguintes serviços: consultas médicas de medicina da família, pediatria, ginecologia, obstetrícia, geriatria, além da realização de exames laboratoriais, de apoio diagnóstico, ultrassonografias e preventivo do câncer do colo do útero (PCCU).

Além disso, a população contou com atendimentos odontológicos e serviço social, enfermagem, entrega de medicamentos e vacinas do contra a Covid-19 e de rotina. Madalena Maia, de 45 anos, aproveitou para fazer o PCCU e atualizar a carteira vacinal dos filhos.

“É muito importante esse serviço para a população. Eu me sinto muito grata porque é um serviço que fica próximo de nós, então é mais fácil para a gente”, destacou Madalena Maia.

A coordenadora do programa Saúde Itinerante, Rosemary Ruiz, destaca a proximidade do serviço de saúde à população: “A preocupação do Estado é levar esse tipo de ação onde a população reside, fazendo o caminho inverso, devido à dificuldade que muitos encontram para procurar os serviços médicos”.

Leia Também:  Terceirizados da Prefeitura de Cruzeiro do Sul estão com salários atrasados desde novembro do ano passado

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti – “Não me manda recado, mais! Este tipo de recado é de quem deve, é de quem está com medo, eu vou continuar fiscalizando, denunciando doa a quem doer. Eu tenho certeza que essas denuncias não vão passar despercebidas, eu confio plenamente no Poder Judiciário na Policia Federal que não vão usar dois pesos e duas medidas para ninguém. Ninguém está acima da Lei, nem a senhora prefeita, nem o Governo do Estado e nem o presidente da República interfere na PF, não me mande mais recado!!”, concluiu a parlamentar.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA