RIO BRANCO

Tudo sobre Política

Presidente francês, afirmou que não assinará acordo comercial com o Brasil caso Jair Bolsonaro saia do acordo climático de Paris

A chanceler alemã, Angela Merkel, também havia dito, nesta quarta-feira (26), que deseja conversar com Bolsonaro sobre o desmatamento no Brasil. Ela se disse preocupada com o posicionamento dele sobre o meio ambiente.

Publicados

Tudo sobre Política

A chanceler alemã, Angela Merkel, também havia dito, nesta quarta-feira (26), que deseja conversar com Bolsonaro sobre o desmatamento no Brasil. Ela se disse preocupada com o posicionamento dele sobre o meio ambiente.

247, com Reuters – O presidente francês, Emmanuel Macron, afirmou nesta quinta-feira que não assinará nenhum acordo comercial com o Brasil caso o presidente Jair Bolsonaro saia do acordo climático de Paris, ameaçando colocar em risco os trabalhos de negociações comerciais entre UE e Mercosul. 

As jornalistas no Japão, antes da reunião do G20, Macron afirmou que, “se o Brasil deixar o acordo de Paris, até onde nos diz respeito, não poderemos assinar o acordo comercial com eles”.

“Por uma simples razão. Estamos pedindo que nossos produtores parem de usar pesticidas, estamos pedindo que nossas companhias produzam menos carbono, e isso tem um custo de competitividade”, disse ele. “Então não vamos dizer de um dia para o outro que deixaremos entrar bens de países que não respeitam nada disso”, acrescentou.

Leia Também:  Câmara de Tarauacá aprova pedido de cassação da Prefeita Marilete Vitorino após denúncia de supostas infrações administrativas

O Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas divulgou, nesta terça-feira 25, um documento sobre o impacto das mudanças climáticas na faixa mais pobre da população mundial. O relator especial Philip Alston chamou Bolsonaro de “fracasso”. “No Brasil, o presidente Bolsonaro prometeu abrir a Floresta Amazônica para a mineração, acabar com a demarcação de terras indígenas e enfraquecer as agências e proteção ambientais”, citou o americano.

As negociações da UE com o grupo do Mercosul, que abarca Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai, o quarto maior bloco comercial do mundo, se intensificaram, com Bolsonaro dizendo este mês que um acordo poderia ser assinado “logo”, enquanto a UE o chamou de “prioridade número um”.

No entanto, a irritação da União Europeia em relação ao aumento de importações de carne e a hesitação do Mercosul sobre abertura de alguns setores industriais, como o automotivo, fizeram prazos anteriores para um acordo serem descumpridos. Se um acordo estiver perto, está além do alcance.

A França em particular está preocupada com o impacto sobre sua vasta indústria de agricultura de importações sul-americanas, que não teriam que respeitar as estritas regulações de meio ambiente da UE.

Leia Também:  Polícia Federal indicia Michel Temer e mais 10 no inquérito dos portos

O país europeu votou contra a abertura de negociações comerciais entre a UE e os Estados Unidos por conta da decisão de Washington de deixar o acordo climático de Paris.

No entanto, a medida francesa não bloqueou a abertura de negociações comerciais porque a maioria necessária de membros da UE a apoiou. Não está claro se a França seria capaz de levar outros países do bloco a votarem contra o acordo do Mercosul.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Tudo sobre Política

PSD de Petecão mostra força, ao realizar encontro com mais de 200 mulheres do Juruá para falar de direitos, igualdade e política

Publicados

em

O PSD – Partido Social Democrata, liderado pelo senador Sérgio Petecão vem mostrando porque é um dos maiores e mais organizados do estado. O segmento de mulheres realizou um grande encontro com mais de 200 lideranças femininas em Cruzeiro do Sul, na tarde deste sábado (4).

O encontro teve a presença das principais lideranças do partido, entre elas o senador Petecão, a vice-prefeita de Rio Branco Marfisa Galvão, o vice-prefeito de Cruzeiro do Sul Henrique Afonso, ex-deputada e atual suplente do senado Maria das Vitórias, o prefeito de Sena Madureira Mazinho Serafim, o vice prefeito de Rodrigues Alves Pastor Nilson e diversas lideranças mulheres de todos os segmentos da sociedade.

Com o tem: ‘Lugar de Mulher é onde ela quiser’, o encontro é uma verdadeira demonstração de força do partido, que vem organizando os segmentos e debatendo um estado e um Brasil melhor, de olho nos embates futuros.

Petecão se disse surpreso com o tamanho da mobilização e agradeceu aquela multidão de mulheres, que em um sábado à tarde decidiram debater o fortalecimento e a emancipação feminina e a participação delas na política do município, estado e país.

“Eu só tenho de agradecer a essa organização do PSD, que nos orgulha muito. Hoje somos o partido mais atuante do estado e não vamos parar por aqui, temos um projeto para esse Acre dar certo e isso só é possível quando conversamos com as pessoas, coisa que estamos fazendo sem parar. Recentemente fizemos encontro de Juventude estadual, de mulheres, agora vamos fazer nas regionais. O Juruá é uma região muito importante e por isso iniciamos por aqui, essa construção de um grande projeto para ganharmos o governo ano que vem e devolver a esperança e a dignidade as pessoas do Acre”, disse o senador.

Leia Também:  Câmara de Tarauacá aprova pedido de cassação da Prefeita Marilete Vitorino após denúncia de supostas infrações administrativas

Petecão agradeceu a direção do PSD Mulher, que vem fazendo um lindo trabalho no Acre e no Brasil, para apresentar perspectivas de inserir ainda mais as mulheres na política.

As mulheres são nossa fortaleza, elas têm uma sensibilidade e se soubessem da força que tem poderiam ocupar mais espaços de poder e decisão na sociedade. Estamos mostrando nosso compromisso com essa pauta na prática, pois temos um plano de desenvolvimento para o Acre e o Brasil e elas, as mulheres são peças fundamentais para ajudar na construção de grandes vitórias. Temos um projeto fazer do senador Rodrigo Pacheco nosso próximo presidente da República e aqui no Acre eu topei o desafio de disputar o governo, mas jamais quero um projeto meu ou para meia dúzia de pessoas. Nós vamos ganhar o governo em 2022 e pode ter certeza, iremos transformar esse estado com todos juntos”, finalizou Petecão.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O Gefron apreendeu dentro de Van do município de Brasileia aproximadamente 150 kg de entorpecente, seria esta a maior apreensão daquela regional. De acordo com informações preliminares, o veículo da prefeitura iria realizar mais um transporte de pacientes que estão fazendo tratamento em Rio Branco quando foi surpreendido pelo policiais, após revistarem os pacientes e o veículo encontraram em uma sacola preta com todo o entorpecente.

Leia Também:  Vídeo: Pré-candidato à prefeito de Rio Branco, Jarbas Soster, inclui em seu plano de governo levar internet à zona rural da Capital

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA