RIO BRANCO

Geral

Presidente do madureira sofre acidente na BR-364 AC

ACIDENTE NA BR-364 AO RETORNAR DE JOGO EM TARAUACÁ

Publicados

Geral

ACIDENTE NA BR-364 AO RETORNAR DE JOGO EM TARAUACÁ

PRESIDENTE DO MADUREIRA

PRESIDENTE DO MADUREIRA

Na manhã deste domingo 24, a camionete do presidente do Madureira Futebol Club Antônio Almeida, que estava sendo conduzida pelo seu filho Otalício Almeida perdeu o controle na altura do Km 27 sentido Feijó a Sena Madureira, chegando encapotar e sair da estrada.

No veiculo viajavam o presidente, sua esposa dona Francisca, o atleta gotinha. Eles retornavam da cidade de Tarauacá, onde estavam participando do jogo entre Madureira e Verona pelo campeonato acreano de futsal.

Segundo informações o condutor do veiculo sofreu leves escoriações no braço esquerdo e um pequeno impacto na cabeça, mas nada grave segundo avaliação medica. Os demais ocupantes saíram todos ilesos.

Os atletas do Madureira e parte de torcida retornaram em um ônibus para o município de Sena Madureira, acompanhado do Vereador Valdimar Jardim.

Ao presidente do Madureira e a todos os envolvidos no acidente. recebam nossa solidariedades e o reconhecimento  a um desportista que faz esporte, superando todas as dificuldades  e a falta de estrutura, tem representado muito bem o município de Sena Madureira, tanto no estado como e em outras regiões do pais.

Leia Também:  Imac inspeciona frigoríficos do Acre, sobretudo o de Rodrigues Alves que segue fechado por decisão da justiça

No Jogo o Madureira perdeu  para o Verona da cidade de Tarauacá, como havia vencido o primeiro jogo da semi-final em casa, o Verona com melhor campanha passa  a final e enfrenta a equipe da AABB.

FONTE-AC PURUS

030405

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Geral

Poder Judiciário do Acre retoma plantão extraordinário com 30% da força de trabalho

Publicados

em

Portaria Conjunta Nº 5/2022 institui novas medidas administrativas para afastar a propagação do vírus neste momento – Foto Reprodução

Nesta segunda-feira, 17, a presidência do Tribunal de Justiça juntamente com a Corregedoria-Geral da Justiça tornou pública a Portaria Conjunta n° 5/2022, determinando a redução do quantitativo de servidores e colaboradores em regime presencial da instituição até o dia 24 de janeiro.

Deste modo, está autorizada a retomada do trabalho remoto e atuação, por meio de escala de revezamento, do trabalho presencial com no máximo 30% dos integrantes de cada setor, excetuando os casos em que se observe prejuízos aos serviços prestados pela unidade.

A medida considerou o aumento progressivo no número de casos de Covid-19 em todo o estado, principalmente nas últimas semanas, assim como o teor da Portaria GDG Nº 4, de 08 de janeiro de 2022, em que o Supremo Tribunal Federal autoriza a adoção do regime de teletrabalho excepcional ou, na impossibilidade, que se promova escala de revezamento para os servidores e colaboradores.

Leia Também:  Imagens de suposto vazamento Enem circulam pelas redes sociais

Assim, a gestão decidiu manter a política instaurada desde o início da pandemia para o resguardo e segurança à saúde dos magistrados e magistradas, servidores e servidoras, estagiários e estagiárias, todas e todos terceirizados e público externo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA