RIO BRANCO

Tudo sobre Política

Prefeito Bené Damasceno promove baixaria em sessão solene na Câmara de Vereadores de Porto Acre

Publicados

Tudo sobre Política

Prefeito de Porto Acre, Bené Damasceno transformou a sessão comemorativa em uma tremenda baixaria – Foto: Arquivo / Bené Damasceno

A Câmara Municipal de vereadores de Porto Acre votou as diretrizes da Lei Orçamentária Anual (LOA) do município. Quem saiu derrotado e não gostou da aprovação foi o prefeito Bené Damasceno.

O orçamento de Porto Acre é de quase R$ 61 milhões por ano. Damasceno pediu que 30% do valor fosse remanejado sem a necessidade de autorização da Câmara, cerca de R$ 18 milhões.

Com o intuito de acompanhar de perto os gastos dos recursos públicos do município, a comissão de orçamento entendeu que não poderia conceder esse percentual e, por 5 votos a 3, foi dado ao executivo o percentual de 5% para remanejamento do orçamento, equivalente a mais de R$ 3 milhões de reais.

Durante a sessão comemorativa realizada na sexta-feira, 10, Damasceno desrespeitou o Poder Legislativo e transformou a sessão comemorativa em uma tremenda baixaria. Após fazer uso da tribuna por mais de 40 minutos, no momento de ouvir a resposta dos vereadores, Bené pegou seus cargos de confiança e virou as costas para os vereadores de Porto Acre.

Leia Também:  Rocha Loures foi afastado do cargo de deputado pelo Supremo Tribunal Federal

Votaram contra os 30% pedido pelo prefeito na LOA, o vereador Leandro Bezerra (PSD), presidente da Comissão de Orçamento, Arle Souza (Republicanos), vice-presidente da Comissão de Orçamento, professor Luan Luz (DEM), relator do orçamento e vice-presidente da Câmara, Francisco Lindoval, o ‘Gola’ (MDB) e o vereador Leal (PROS).

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: A Assembleia Legislativa do Estado do Acre tem se preocupado em proporcionar mais dignidade para a população acreana, aprovou a lei 3.795 de 27 de outubro de 2021 que trata da obrigatoriedade de incluir os absorventes aos itens de higiene das Unidades de ensino e disponibilizar, gratuitamente , nos banheiros das Escolas públicas Estaduais.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja o Vídeo Abaixo: Em consonância com a Lei Nº 3.7757, de 13 de julho de 2021, a Assembleia Legislativa do Estado do Acre traz uma campanha de conscientização “Dezembro Verde”, há toda a população com relação aos animas, principalmente os que estão em situação de rua, pois os pets são o símbolo de amor ao próximo e o melhor amigo do homem, então ame-o!!

Leia Também:  Deputada Maria Antônia e ex-prefeito Dêda participam da confraternização dos mototaxistas de Brasileia

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Tudo sobre Política

Desportistas do handebol lamentam a falta de apoio da prefeita Fernanda Hassem com a modalidade

Publicados

em

Os jogadores de handebol do município de Brasileia lamentam a falta de apoio e incentivo da prefeitura de Brasileia, que mesmo o time levando o nome do município nas maiores competições e mais importante, não receberam apoio da gestão.

Os desportistas denunciam que na gerência de esportes de Brasileia está havendo favoritismo e que para a gestão não são todas as modalidades que importam e sim aquele onde praticam secretários e vereadores do município, enquanto os jogadores de Handebol fazem cotinha para tentar arcar com as despesas do time.

Além da cota entre os jogadores, o grupo recebe apoio do presidente do clube Ressaca, Clebson Venâncio e de Rodolfo que é da Central de bebidas que tem contribuído significativamente para que o time siga sempre levando o nome de Brasileia e até mesmo conquistando títulos.

Nos foi repassado também que a deputada estadual Maria Antônia e o ex-prefeito Dêda sempre ajudam, mas o time sequer pode anunciar pois causa sérios transtornos na região de fronteira. O que o grupo busca é apenas ajuda nos custos para participar de torneios e campeonatos de forma descente e não apenas no sufoco.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Deputado Edvaldo Magalhães pede suspensão do Decreto 536: “Não é ilegal, mas injusto”
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA