Tudo sobre Política

Mara Rocha anuncia a execução de emenda de R$ 300 mil , de sua autoria, para modernização do Embrapa/Acre

Publicados

Tudo sobre Política

Na manhã dessa quarta-feira (27/04), a Deputada Federal Mara Rocha, anunciou que uma emenda de sua autoria, no valor de R$ 300 mil, para a EMBRAPA/ACRE foi executada.
A emenda visa modernizar o trabalho da EMBRAPA, através do Projeto Vitrines Tecnológicas, para fomentar o uso de energia solar no campo. As primeiras células fotovoltaicas já estão prestes a serem instaladas.

A partir a implementação do projeto os produtores rurais, agroindústrias e associações poderão conhecer a metodologia construtiva de modelos de usinas com características compatíveis às suas propriedades, tanto no porte quanto nas condições físicas. A economia gerada pela usina solar possibilitará, ainda, que a Embrapa redirecione os recursos, que hoje são gastos com energia elétrica, para as atividades fim da empresa, beneficiando de forma direta toda a cadeia de produtores atendida pelas tecnologias da Embrapa no estado do Acre.

“Apoiei, desde o primeiro momento, esse pedido da Embrapa, pois sei a importância das pesquisas da Empresa para os pequenos produtores rurais. Há, sempre, uma enorme transferência de tecnologia para nossos agricultores, e isso é de extrema importância na nossa região”, explicou a parlamentar.

Leia Também:  Rio Branco não deve poupar titulares no Torneio do Povo e da Imprensa

“A perspectiva é que as pesquisas promovidas a partir dessa Emenda vão integrar lavoura, pecuária, aquicultura, floresta e geração de energia limpa, usando os módulos solares nos campos da Embrapa. Isso poderá permitir, inclusive, a geração de renda em áreas não agricultáveis, áreas em vazio sanitário ou em áreas em pousio. Essa emenda permite investir diretamente em novas formas de renda para o produtor, inclusive com o barateamento da produção”, finalizou Mara Rocha

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Tudo sobre Política

Senador Petecão promove audiência pública para discutir reativação do campus da Ufac em Brasileia

Publicados

em

Atendendo a uma demanda da região do Alto Acre, em meio às comemorações dos 112 anos de emancipação política de Brasileia, o senador Sergio Petecão (PSD-AC) promoveu uma audiência pública para discutir a reativação do campus da Universidade Federal do Acre (Ufac).

O tema foi discutido com vários segmentos da população e contou com a presença de diversas autoridades, de representantes da universidade, além de estudantes que já concluíram o ensino médio e têm grande interesse na concretização do projeto.

O debate ganhou relevância após o gabinete do senador Petecão viabilizar a oferta de cursos de nível superior, pela Ufac, nas cidades de Acrelândia e Plácido de Castro e, pelo Ifac, em Santa Rosa do Purus. Diante da iniciativa do senador, os prefeitos da região do Alto Acre também buscaram apoio para estender o benefício aos seus respectivos municípios.

“Nesta audiência pública, nós já demos um passo importante, já existe um núcleo da Ufac aqui na região, que não oferece nenhum curso. Então, nós vamos buscar os recursos para dotar a universidade das condições necessárias para se estabelecer aqui essa oferta de cursos também. Estamos encaminhando à Ufac as sugestões e propostas que foram colhidas aqui e esperamos para breve uma definição da instituição sobre essa demanda”, declarou o senador Petecão.

Leia Também:  Prefeitura de Epitaciolândia recebe micro-ônibus escolar para a rede municipal de ensino

Segundo o vice-reitor da Ufac, professor Josimar Ferreira, que na ocasião representou a reitora Guida Aquino, “De imediato, já saímos com uma nova proposta daqui, que é trabalhar no sentido de oferecer um curso de engenharia agrícola. Vamos depender de uma ação de toda a nossa bancada federal, do Ministério da Educação (MEC) e do Ministério da Economia. Agora nós vamos levar à mesa da reitoria tudo o que foi discutido aqui para dar os encaminhamentos”, explicou.

A deputada federal Wanda Milani (Pros) parabenizou a iniciativa do senador. “Louvável a atitude do senador Petecão em convocar essa audiência. Fizemos aqui um compromisso de, conjuntamente com os demais integrantes da bancada federal do Acre, buscar em Brasília as condições para reestruturar o campus da Ufac aqui de Brasileia e conseguir iniciar, o mais breve possível, a oferta de ao menos um curso para essa região, suprindo assim essa carência de formação de mão de obra especializada que nosso estado tanto precisa”, defendeu.

Durante os últimos 3 anos, o senador Petecão já destinou à Ufac cerca de R$ 3,5 milhões em emendas, que possibilitaram a reforma e ampliação do restaurante universitário de Rio Branco e de Cruzeiro do Sul, aquisição de equipamentos e veículos para a instituição, o custeio de cursos oferecidos no interior do estado, além de outras obras que fortalecem o ensino superior do Acre. “Como coordenador da bancada federal do Acre, eu me sinto no dever de abraçar essa causa. Investir na educação é uma das alternativas para o desenvolvimento desses municípios”, enfatizou Petecão.

Leia Também:  Com medo de Mara Rocha, Gladson oferece cargos ao MDB, vaga de senado para Jéssica Sales e assim se livrar de Bittar

Todos os anos, centenas de jovens que concluem o ensino médio nos municípios do Alto Acre são forçados a parar de estudar por não terem nenhuma opção de curso de nível superior pela qual possam obter uma formação acadêmica. Diante do problema, a população desses municípios tem cobrado das autoridades a oferta de cursos superiores alinhados com a vocação econômica da região.

Além da deputada federal Wanda Milani (PROS) e do vice-reitor da Universidade Federal do Acre (Ufac), Josimar Ferreira, também compareceram à audiência a prefeita de Brasileia, Fernanda Assem (PT); o prefeito de Xapuri, Bira Vasconcelos e representantes da sociedade civil.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA