Tudo sobre Política

Governo inicia Plano Agrícola de Capixaba e Senador Guiomard investindo R$ 4,7 milhões

Só este ano, o Plano prevê um investimento de R$ 101 milhões em todo o Acre, sendo R$ 22 milhões só para a região do Baixo Acre.

Publicados

Tudo sobre Política

Só este ano, o Plano prevê um investimento de R$ 101 milhões em todo o Acre, sendo R$ 22 milhões só para a região do Baixo Acre.

 Por Samuel Bryan 

Tião Viana

Só este ano, o Plano Agrícola do governo prevê um investimento de R$ 101 milhões em todo o Acre, sendo R$ 22 milhões só para a região do Baixo Acre (Foto: Sérgio Vale)

Foi uma manhã de grandes anúncios para a população rural do Baixo Acre quando o governador Tião Viana se dirigiu nesta sexta-feira, 14, a Capixaba e Senador Guiomard, onde lançou o Plano Agrícola dos dois municípios, num investimento de R$ 4,7 milhões, beneficiando 904 famílias diretamente na região.

O Plano Agrícola é um instrumento de gestão da Secretaria de Estado Agroflorestal e Produção Familiar (Seaprof), que reúne todos os investimentos e ações programados para 2017, em cada município.

Para Tião Viana, a apresentação do Plano Agrícola em todos os municípios, reunindo produtores e cooperativas, faz parte de um leque de conquistas do setor em sua gestão, como o avanço no preço de produtos extrativistas como castanha e borracha, a indústria de Granulado Escuro Brasileiro (GEB) em Sena Madureira, mais de 15 mil colmeias distribuídas para famílias da cadeia do mel, a expectativa de chegar a cinco milhões de pés de açaí plantados até 2018 e a safra recorde de milho este ano.

“Esse é um esforço do governo e, sobretudo, uma confiança na classe trabalhadora rural, mesmo num momento de crise nacional, porque é dela que vem o futuro do Acre. Nosso estado está entrando num processo de aceleramento de sua agroindustrialização e o resultado é uma grande expectativa. É esse Acre que temos que unir para prosperar na vida das pessoas”, disse o governador.

Leia Também:  STF tire de Moro trechos da delação da Odebrecht sobre Lula

Produtores confiantes

“Agora vamos dar sequência a esse sistema. Estamos numa situação boa, já dá pra se alegrar”, conta José Marques (Foto: Sérgio Vale/Secom)

Em ambos os anúncios, dezenas de produtores e representantes de associações rurais se reuniram para ouvir do governador as novidades do Plano Agrícola para este ano.

Em Capixaba, o governo do Estado vai injetar R$ 3,4 milhões no fortalecimento das cadeias produtivas da borracha, mel, horticultura, suinocultura e fruticultura, contemplando 538 agricultores familiares.

José Marques, de 67 anos, produtor da Baixa Verde, com mais 55 associados, vê o momento como oportuno. “A gente está feliz, porque hoje estamos vendo a agricultura tomando forma e força. O milho este ano teve um plantio grande, consegui fazer um plantio de feijão a altura, que fazia tempo que não conseguíamos, e agora vamos dar sequência a esse sistema. Estamos numa situação boa, já dá pra se alegrar”, conta.

Já em Senador Guiomard, o governo vai potencializar, por meio do plano agrícola, 366 famílias de produtores com o investimento de R$ 1,3 milhão. No município serão trabalhadas as cadeias produtivas da borracha, mel, fruticultura e horticultura.

Para Roberto da Graça, o Robertinho, 59, assentado numa região do município junto com mais 115 famílias produtoras, esse é um momento de comemorar. “Mesmo num momento de crise, estamos sendo contemplados com esse investimento. Isso vai alavancar a nossa cadeia produtiva”, ressalta.

Fortalecimento das cadeias

Segundo o secretário Neto Thaumaturgo, os recursos do Plano Agrícola também abrangem os investimentos destinados ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), o Plano de Desenvolvimento Comunitário (PDC), ações de mecanização agrícola e aquisição de veículos.

Leia Também:  Prefeita Socorro Neri entrega composto orgânico para melhorar rendimento de produtores rurais de Rio Branco

“Só no Baixo Acre serão beneficiadas mais de 4.500 famílias. Isso vai contemplar as cadeias desde a criação de animais, extrativismo e mecanização. O que nós queremos é que esses recursos cheguem a todos os produtores para melhorar suas vidas e alavancar a produção”.

O senador Jorge Viana esteve nas solenidades de início do Plano nos dois municípios e como grande apoiador do desenvolvimento rural do Acre completou: “Nesses tempos de extrema dificuldade que o Brasil e sua população vivem, só com notícias ruins de cortes no orçamento e desemprego, a gente poder fazer um anúncio de investimento desses pelo governo do Acre é um presente. Eu fico contente porque era isso que o Brasil era para estar vivendo”.

O que disseram

“A gente tem participado de todos os lançamentos do Plano Agrícola nos municípios junto com o governador Tião Viana. São recursos significativos para nossa produção, gerando uma série de instrumentos para geração de emprego e renda no maior princípio da nossa economia”
Daniel Zen, deputado estadual

“Fico muito feliz com a determinação do governador Tião Viana de continuar investindo no setor produtivo. Isso mostra que o governo é parceiro do produtor rural e dá uma resposta para a população rural que precisa de muito apoio”
Lourival Marques, deputado estadual

“Sabemos que a maior parte do alimento que está na nossa mesa vem da agricultura familiar e o governador Tião Viana está sempre de parabéns por ter esse olhar para o pequeno produtor como faz agora com esses planos”
André Vale, deputado estadual

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Tudo sobre Política

Na Expoacre, Sergio Petecão se reúne com empresários, concede entrevistas e recebe apoio da população

Publicados

em

O candidato a governador do Acre pela coligação “Com a Força do Povo”, Sérgio Petecão (PSD), esteve na noite desta sexta-feira (5) no Parque de Exposições Marechal Castelo Branco, visitando a edição da Expoacre deste ano. Acompanhado do candidato a vice-governador Tota Filho (PSD), Petecão se encontrou com autoridades, conversou com empresários, e recebeu cumprimentos da população presente ao evento.

O primeiro compromisso do candidato no local foi um encontro com a diretoria da Federação do Comércio do Estado do Acre (Fecomércio-AC) para apresentar a proposta de plano de governo e discutir com a entidade a atual situação social e econômica do Acre. Uma das principais demandas que o futuro governo do Acre terá que atender é o estímulo ao desenvolvimento econômico e bem estar social, já que pelo menos 43% da população do estado vive em estado de pobreza ou abaixo dessa linha.

“Eu tenho dito que o Acre não pode mais errar, nós temos que encontrar formas de gerar trabalho e renda para a população desse estado. Todos os dias eu me deparo com pessoas me pedindo emprego, outras indo embora do estado, alguns levando a família, porque aqui ninguém encontra oportunidade, nós temos que nos unir para reverter essa situação, e nós temos o compromisso de trabalhar muito para melhorar a vida das pessoas”, enfatiza Petecão.

Leia Também:  A 10 dias da estreia na Copa Verde, Plácido goleia por 9 a 0 em amistoso

Durante o encontro com o presidente da Fecomércio, o empresário Leandro Domingues, Petecão e Tota Filho entregaram a ele uma cópia da proposta de plano de governo. “Você pode ter certeza que qualquer um que assumir esse governo e quiser fazer parceria com as nossas instituições, as nossas ações poderão se alargar muito mais, porque o nosso objetivo é sempre o mesmo. Nós trabalhamos sempre para criar melhores condições de vida para o nosso povo”, garantiu Domingues.

A Federação do Comércio do estado do Acre é uma entidade ligada ao Sistema S, e desenvolve inúmeras ações sociais na área de saúde e educação, muitas delas oferecidas pelo Sesc, instituição ligada a Fecomércio e mantida pela contribuição de trabalhadores do comércio e do setor de serviços do Acre.

Após a reunião com a diretoria da Fecomércio, Petecão e Tota Filho concederam entrevistas aos veículos de comunicação que fazem a cobertura da Expoacre. Um dos stands visitados foi o do site de notícias Contilnet, onde os candidatos participaram de uma transmissão ao vivo e puderam falar sobre a candidatura e as propostas de governo.

Leia Também:  Ministro do STF Teori dá cinco dias para Cunha se manifestar sobre pedido de prisão

“Penso que este espaço do Parque de Exposições pode ser melhor aproveitado durante o ano inteiro, e nossa proposta é fazer isso em nosso governo, criar eventos aqui e oferecer atividades que possam movimentar mais a nossa economia”, defendeu o candidato Tota Filho ao fazer uma avaliação do evento.

Depois de atender a imprensa, Petecão e Tota Filho caminharam por todo o Parque de Exposições, onde conversaram com empresários, microempreendedores e o povo em geral. Durante a caminhada, por diversas vezes, os candidatos foram abordados por populares, que manifestaram apoio à chapa e fizeram questão de posar para fotos com os dois candidatos.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA