RIO BRANCO

Tudo sobre Política

Dois lutadores do Acre participam de seletiva de MMA amador no Nordeste

Sem apoio, eles contaram com a ajuda de amigos para se inscrever na competição.

Publicados

Tudo sobre Política

Sem apoio, eles contaram com a ajuda de amigos para se inscrever na competição. 

ictor vai lutar na categoria meio médio na seletiva em Fortaleza Victor e Lucas estão treinando intensivamente para a seletiva no Nordeste (Foto: Nathacha Albuquerque)

Victor vai lutar na categoria meio médio na seletiva em Fortaleza Victor e Lucas estão treinando intensivamente para a seletiva no Nordeste (Foto: Nathacha Albuquerque)

Os atletas acreanos Lucas Gomes e Luiz Victor Romero embarcam na madrugada deste sábado (7) para participar de uma seletiva regional para aSeleção Brasileira de MMA amador. A etapa do Nordeste ocorre a partir das 14h, no ginásio Aécio de Borba, em Fortaleza, neste sábado e no domingo (8).

Luiz Victor Romero pratica jiu-jítsu e judô desde os quatro anos e já participou de diversas competições nacionais. Atualmente, dá aula de artes marciais para quase 50 crianças em um projeto social, em Rio Branco. O lutador participará da disputa na categoria peso meio médio (de 70,3 kg até 77,1 kg).

Victor explica que a popularidade que o MMA alcançou nos últimos anos lhe chamou a atenção e que as táticas que aprendeu nas modalidades que pratica lhe garantem mais confiança na eliminatória. Ele treinou boxe e muai thay durante seis meses para desenvolver a parte superior durante as lutas.

Leia Também:  Jorge Viana: “eu paguei a conta dos outros”

– A parte de solo e queda tenho muito domínio, até pela experiência, pois são mais de 20 anos de esporte. Vi que tinha condições de encarar o MMA. Treinei bastante e estou indo para ter experiência também, então os resultados são lucros – ressalta.

Lucas Gomes já luta na categoria peso galo há um ano. Ele participou do Selva MMA na Expoacre 2013, mas acabou perdendo o duelo contra o boliviano Kevin ‘El Destructor’. Apesar da derrota na estreia, o atleta, também chamado de ‘Spider’, agora lutará na categoria peso mosca e diz que sua intenção é seguir a carreira profissional na modalidade.

– Pretendo mostrar toda determinação que faltou. O nervosismo atrapalhou um pouco. Sei que lá fora o nível de competitividade é grande, mas tenho treinado intensamente para melhorar cada vez mais minhas técnicas e alcançar bons resultados – afirma.

Os atletas são os únicos acreanos na competição e, apesar da falta de apoio, conseguiram se inscrever e viajar com ajuda de amigos. Victor diz que abriu mão da seletiva da região Norte por falta de recursos.

Leia Também:  Áudio: Gilberto Diniz desmente deputado Gehlen e diz que primo tentou mata-lo

– Em Manaus seria até mais próximo e fácil, mas sairia caro por conta de hospedagem, alimentação e afins. Preferi lutar em Fortaleza, porque tenho parentes que moram na cidade. O Lucas fará testes no Mato Grosso, ele tem muito potencial e com certeza pode crescer muito. O esporte aqui é assim, ou por conta própria ou ajuda de parceiros – lamenta.

A etapa final da Seletiva será realizada em abril de 2014, na cidade do Rio de Janeiro (RJ).

Rio Branco

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Tudo sobre Política

Jenilson Leite realiza consultas médicas na Urap Claúdia Vitorino: “A cada 10 testes para Covid, 8 são positivos”

Publicados

em

Deputado e médico, Jenilson reforçou a importância da vacinação para evitar agravamento da doença – Foto: Jardes Lopes

O deputado e médico infectologista Jenilson Leite (PSB) esteve durante esta quarta-feira (19) na Unidade de Referência em Atenção Primária (Urap) Cláudia Vitorino, no bairro Taquari, onde realizou consultas médicas aos pacientes que buscam a unidade referência para pacientes com síndrome gripal, em Rio Branco.

Com o aumento dos casos de Covid-19 e gripe no Acre, o parlamentar decidiu reforçar o time de profissionais de saúde que atendem na Urap. Com funcionamento das 7h da manhã até as 22h, lá é possível realizar exame para detecção de Covid-19 e em caso de resultadoo positivo, consultar-se com médicos e receber a medicação necessária para realizar o tratamento em casa.

“Nós estamos percebendo que há uma crescente elevação dos casos de doenças respiratóris e hoje observamos que a cada 10 pessoas que fazem o teste rápido para Covid-19, cerca de 8 testam positivo, isso significa que daquelas pessoas que estão por aí nas suas casas achando que estão com gripe, há uma possibilidade muito grande de a maioria estar com Covid”, alerta Jenilson.

Leia Também:  Em Feijó Condutores enfrentam atoleiros para chegar até o Aeroporto do município

O médico destacou ainda que as pessoas que testam positivo para Covid-19 e estão com o esquema vacinal completo, apresentam sintomas leves com poucas chances de evolução da doença para sua forma mais grave. “Aquelas que estão vacinadas, elas evoluem com sintomas leves, sem inflamação do pulmão e sem necessidade de oxigênio ou internação. Apenas as pessoas que tem uma dose ou nenhuma, estão em situações mais graves. Temos visto ainda que as pessoas falam que nas suas casas tem outras pessoas que também estão com os mesmos sintomas e elas também devem fazer o exame e, em caso de positivo, fazer o tratamento para Covid-19”, observou.

Após apresentar sintomas junto com o filho, Vanusa Batista buscou a unidade de Saúde que fica na entrada do bairro Taquari, no Segundo Distrito da Capital, para que pudessem fazer o teste e os dois tiveram resultado positivo. Eles foram atendidos por Jenilson Leite e seguiram para casa, onde vão começar o tratamento e o isolamento necessário para evitar a disseminação da doença.

Leia Também:  Áudio: Gilberto Diniz desmente deputado Gehlen e diz que primo tentou mata-lo

“Fui atendida pelo Dr Jenilson após testarmos positivo e fomos muito bem atendidos. Ele nos passou toda a medicação, já pegamos os remédios e agora vamos fazer o tratamento”, concluiu Vanusa.

Oliria Sousa, gestora da Urap Cláudia Vitorino, disse que a unidade dispõe de “três médicos, cinco salas de coleta e seis de registro, além da farmácia. O Dr Jenilson tem nos dado uma grande apoio com os atendimentos, sempre que chamamos ele vem nos ajudar e ajudar a população nesse momento tão difícil, só temos a agradecer”, disse Sousa.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA