RIO BRANCO

Tudo sobre Política

Deputada Perpétua Almeida solicita informações sobre recursos utilizados por Bolsonaro no 7 de Setembro

Publicados

Tudo sobre Política

Após os atos políticos, com ares de pré-campanha eleitoral, convocados e promovidos pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, a deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) solicitou através de requerimento informações sobre a utilização de equipamentos e recursos públicos pelo presidente nos atos ocorridos no último 7 de Setembro.

O documento requer ao Ministro-Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Ciro Nogueira, informações sobre as despesas totais utilizadas por Bolsonaro nos atos do feriado de Independência.

Tanto em Brasília quanto em São Paulo, antes de discursar, Bolsonaro fez sobrevoos pelas concentrações na Esplanada dos Ministérios e Avenida Paulista, respectivamente.

Segundo a parlamentar, os atos de Bolsonaro são considerados de “pré-campanha eleitoral”.

“Foi pública e notória a utilização de um helicóptero, que o Presidente, assessores, seu filho e ministros acenavam para os manifestantes presentes na Esplanada dos Ministérios num verdadeiro ato de pré-campanha eleitoral. A manifestação é permitida de forma pacífica, a utilização de recursos públicos para financiá-la não”, disse a parlamentar.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Leia Também:  Ele é um Traíra!! Vereador Jurandir deixa de fazer parte do grupo político da Deputada Maria Antônia e do ex-prefeito Dêda

Veja o Vídeo Abaixo: Daniel Zen, diz que os atos antidemocráticos realizado no dia 7 por apoiadores de Bolsonaro. Sobre a pauta da alta dos combustíveis no País e no Acre, o deputado afirmou que falta informações para esclarecer as pessoas e culpabilidade. “O governo Bolsonaro é principal culpado pelo caos no País, só ver o perfil da maioria dos que saíram as ruas no dia de ontem. Homens brancos, ricos e que estavam ali porque mesmo? Lutando por emprego, moradia e dignidade que não era! Quem aumenta a Energia e o combustível e maltrata o povo, é o Bolsonaro”, disse.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Tudo sobre Política

Depois de pagar o maior abono da educação no Acre, Isaac Piyãko deposita mais auxílio na conta dos servidores da educação de Marechal Thaumaturgo

Publicados

em

O prefeito de Marechal Thaumaturgo Isaac Piyãko (PSD), município localizado na última fronteira do Brasil com Peru e com maior salário de professor do Acre, mostra como é que se valoriza um professor.

No final de 2021, Isaac Piyãko concedeu aos professores o maior valor em abono do FUNDEB pago por todos os 23 prefeitos Acreanos. Foi depositado R$25.558,19 na conta de cada professor, além de quase R$ 4 mil para servidores de apoio, injetando quase 9 milhões na economia local e movimentando o final de ano.

Para surpresa dos servidores da educação, a equipe econômica da prefeitura de Marechal, deu uma boa notícia no dia de hoje, quando anunciou o depósito de mais R$1.374,19 na conta de cada professor e R$912,96 para cada servidor de apoio.

Vale ressaltar que, o município de Marechal Thaumaturgo, mesmo sendo um dos mais isolados do Acre, paga o melhor salário para professor da rede municipal no estado, um exemplo de como valorizar a educação.

Isaac Piyãko é hoje bem avaliado entre os munícipes, faz uma administração planejada e colocou as políticas públicas do município em um patamar elevado, ganhando inclusive reconhecimento nacional em diversas áreas da gestão.

Leia Também:  Lyra Xapuri: “Você vota nos vereadores e quem tem poder é o conselho tarifário”

Que o compromisso do prefeito Isaac, contamine outros gestores.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Em meio a maior crise do sistema de transporte coletivo dos últimos tempos, a população de Rio Branco vive um dilema e acorda todo dia sem saber se terá ônibus passando em sua região. O prefeito Tião Bocalom tentou amenizar o problema repassando R$ 2 milhões e quatrocentos mil para as empresas quitar os débitos com empregados, acordo não cumprido e que foi um dos motivos para a intervenção no setor.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA