RIO BRANCO

Tudo sobre Política

Cruzeiro do Sul: A expressão popular se torna tema de outra campanha de vacinação feita pelo município e atrai população local

Publicados

Tudo sobre Política

A partir do ditado popular “botar no 12”, Cruzeiro do Sul convocou a população e seguiu vacinando contra a covid-19. O município da região do Juruá – que largou na frente ao vacinar profissionais de educação e pessoas na faixa etária dos 40 anos – mais uma vez é um dos primeiros do país a vacinar, pessoas entre 35 e 39 anos.

Neste sábado, dia 19, a prefeitura de Cruzeiro do Sul, através da secretária municipal de saúde, lançou a campanha: “Botando no 12 – 12 horas seguidas de vacinação contra covid-19”. O mutirão de vacinação aconteceu na praça central e reuniu uma multidão de cruzeirenses cheios de esperança na imunização contra o coronavírus.

Laceildo Ribeiro, uma das pessoas vacinadas, comentou sobre a ação da prefeitura: “A vacina é a única esperança que a gente tem. Eu fico muito feliz de ver que moramos em uma cidade onde a gestão faz tudo que pode para vacinar de forma rápida a população”. E seguiu: “Vacina não é uma questão política, é uma questão de vida”, disse o munícipe.

Leia Também:  Em nota de pesar, Prefeito César Andrade diz que Alan deixará um legado de admiração e respeito por todos os Portowaltenses

O secretário municipal de saúde, Agnaldo Lima, se mostrou satisfeito com a procura por vacina: “Não existe prioridade maior para nosso prefeito e para toda gestão, do que vacinar nossa gente. Fico muito feliz de ver que estamos conseguindo imunizar muita gente. Mas ainda falta muita coisa”. E continuou: “Nos próximos dias lançaremos mais campanhas como essa, não vamos descansar enquanto toda nossa população não estiver imunizada”, disse Agnaldo.

Zequinha Lima, prefeito de Cruzeiro do Sul, também falou da campanha do “Botar no 12”: “Nosso maior foco é a vida, e vacina é o caminho para tudo que queremos. Sonhamos com uma cidade mais forte economicamente, mais desenvolvida, que possa voltar a ter alegria, a fazer festa e a abraçar sem medo. E tudo isso só vai ser possível com a vacina”, disse o gestor.

A campanha de Cruzeiro do sul “botando no 12” , vacinou ao todo 3.123 pessoas entre 35 e 39 anos, a atividade começou meio-dia de sábado, 19, e terminou meia-noite – totalizando 12 horas de vacinação – envolveu mais de 100 profissionais. Os números são oficiais e foram divulgados pela secretaria de saúde do município logo após o encerramento da ação.

Leia Também:  Cruzeiro do Sul está entre os 10 finalistas na 4º Ação de reconhecimento do Conviva

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Seringal urbano – Localizado no bairro Seis de Agosto, região central de Rio Branco, o Parque Capitão Ciríaco é o único seringal urbano do mundo. Pertenceu ao capitão Ciríaco Joaquim de Almeida, que esteve envolvido no movimento político conhecido como Revolução Acreana (1899 – 1903). Por seu valor histórico e ambiental, o espaço foi transformado em atração turística de Rio Branco em agosto de 1994. 

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Tudo sobre Política

Vídeo: Empresário de Epitaciolândia Everton Soares deixa a política por obediência a Deus e a seus pais

Publicados

em

Everton se emociona durante pronunciamento de sua saída do meio político para se dedicar a Deus e a família – Foto: Alexandre Lima / oaltoacre

Oaltoacre – O jovem empresário do município de Epitaciolândia que se destacou no último pleito eleitoral, chamou a equipe do jornal oaltoacre em sua casa nesta semana, para fazer um pronunciamento aos munícipes.

O administrador de empresas Everton Soares, ficou em segundo lugar faltando pouco mais de 600 votos para se eleito prefeito por Epitaciolândia em sua primeira candidatura, mas, acredita que recebeu uma mensagem que essa não seria o caminho a ser seguido.

Muitos acreditavam que Everton seria um nome forte para o pleito de 2022, concorrendo a uma cadeira estadual ou federal e esperavam esse pronunciamento em breve, podendo ser um dos mais votados pela regional do Alto Acre.

Everton é de família tradicional e disse que, sem o apoio familiar, já estava com uma ‘derrota’ por não seguir os conselhos de seus pais na época, para não entrar na política. Mas, também acredita que foi uma experiência por acreditar que seria uma forma de agradecer tudo que o município lhes proporcionou.

Leia Também:  Cruzeiro do Sul está entre os 10 finalistas na 4º Ação de reconhecimento do Conviva

“Ainda quero acreditar na política, mas estou parando por aqui. Fui tocado pelo Espírito Santo que deveria abandonar e continuar minha vida normal. Da mesma forma que entrei, saio de mãos limpas e cabeça erguida”, disse.

Everton confirmou que está abandonando a vida pública para fica do lado da família e de Deus a partir de agora. Pede perdão caso tenha ferido alguém e que todos respeitem sua decisão a partir de agora.

Ao mesmo tempo, desabava com lágrimas por ter visto uma desigualdade social muito grande. Pede que as pessoas vejam em quem estará votando, pois, serão eles que vão cuidar do povo que precisam demais atenção por parte da política, tanto local, quanto nacional.

Agradece a confiança de quem esteve ao seu lado e àqueles que sequer o conhecia, mas acreditou no projeto político. “Recebi abraços de pessoas humildes, mensagens de fora do estado que viram em mim, uma ascensão política na minha região. Obrigado aos epitaciolandenses, povo do Acre e do Brasil, fiquem com Deus!”, finalizou.

Veja vídeo.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti solicita do secretário de Ação Social providências sobre as crianças Haitianos que fica na ponte todo os dias pedindo dinheiro, e que o Poder Público proporcione dignidade para essas crianças. Neiva solicita também que seja encaminhado um oficio para a gerente do hospital para saber se chegou algum saco funerário doado pela prefeitura, comprado com o dinheiro do covid, e que solicita que seja agendado novamente a reunião com a secretaria de segurança pública do estado, para se tratar sobre o IML, pois a mais de 20 anos o problema se arrasta e até o momento nada foi resolvido.

Leia Também:  Governador Gladson atende apelo do deputado Edvaldo Magalhães e manda suspender cortes de água por 90 dias; pedido foi feito à Energisa também

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA