Política

Governo do Estado entrega quartel da Polícia Militar na região da baixada da Sobral

A solenidade ocorreu no pátio externo da unidade e contou com a presença de autoridades civis, militares, além de familiares do policial militar que dá o nome ao quartel.

Publicados

Política

A solenidade ocorreu no pátio externo da unidade e contou com a presença de autoridades civis, militares, além de familiares do policial militar que dá o nome ao quartel.

Um sonho construído e idealizado por muitas pessoas, assim pode ser definida a manhã deste sábado, 25 de agosto, que marcou a inauguração do Quartel Alexandro Aparecido dos Santos, unidade policial responsável pelo policiamento ostensivo dos mais de 30 bairros, que compõem a região da baixada da Sobral, além da Comunidade Transacreana. 

Com um investimento do Governo do Estado na ordem de um milhão de trezentos mil reais, a nova unidade recebeu o nome do Cabo Alexandro Aparecido, que em agosto de 2015 veio a óbito em atendimento de uma ocorrência no bairro Novo Horizonte. Para o governador Tião Viana a escolha do nome do batalhão é uma homenagem a quem dedicou a vida em prol da sociedade.

“O nome Alexandro é uma homenagem verdadeira que a Polícia Militar faz a sua família, é um ato de reverência, de oração, de respeito e de um significado importante, onde o policial militar deixou um exemplo para cada policial que aqui está. Foi uma sugestão dada pelos policiais, que chegou até o meu acolhimento e aceitei no mesmo instante”, contou o governador.

Leia Também:  Gladson Cameli deve adotar toque de recolher no Acre por causa da pandemia

Criado no bairro Palheiral, uma das 30 comunidades que compõem a baixada da Sobral, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marcos Kinpara, destacou a importância da obra para o policial militar e para a comunidade. “É uma vitória muito grande tanto para Polícia Militar que tem agora instalações adequadas para seus policiais trabalharem, sendo um quartel considerado hoje o mais moderno da corporação, mas também para população, que com o policial mais motivado, ele vai prestar um serviço de melhor qualidade a sociedade”.

Tenente-coronel Edener Franco, comandante do 3º Batalhão, destacou a alegria de ter uma nova sede para seus policiais militares. “É um sonho antigo a construção da nossa casa, que é fundamental para a autoestima do nosso policial militar e para comunidade da Baixada da Sobral, pois agora temos um espaço adequado para atender e receber a população”, disse o oficial agradecido.

Homenagens

A solenidade foi marcada por homenagens aos familiares do Cabo Alexandro Aparecido do Santos, na pessoa da sua mãe Maria Aparecida dos Santos, que esteve presente na solenidade e recebeu uma placa das mãos do governador Tião Viana e do coronel Marcos Kinpara. “Agradeço a todos pelo carinho e o amor que vocês tem com ele [Cabo Alexandro], que ele possa servir de exemplo para todos”, disse emocionada.

Leia Também:  Senado Delcídio do Amaral é casado por 74 dos 81 senadores

Outras homenagens foram estendidas aos ex-comandantes que tiveram à frente da unidade operacional e aos 24 policiais militares, que no ano de 2007 foram os pioneiros do batalhão. Eles receberam um certificado pelos serviços prestados no fortalecimento e construção da unidade.

Telejornal 3 de Julho Noticias 15ª Edição

Veja nesta edição do Telejornal 3 de Julho noticias, as prisões e apreensões que aconteceram na Fronteira, Prefeita de Brasiléia Fernanda Hassem e Vereadores participaram de reunião em comunidade rural, Vereador Alcione pedindo providências quanto aos caos infraestrutural em Epitaciolândia e outros.

Telejornal 3 de Julho Notícias 14ª Edição

Veja mais uma edição do Telejornal 3 de Julho e saiba tudo o que anda acontecendo na nossa região e no estado do Acre, dentre os acontecimentos estão prisões, morte alheia de animal, denúncias do Vereador Alcione de Epitaciolândia e outros.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política

Após votar no orçamento de 1%, vereador Pantico vota contra o complementação de recursos, sua esposa está descumprindo a legislação ao acumular cargos público

Publicados

em

O vereador do município de Epitaciolândia, Francisco das Chagas Santos de Melo, mais conhecido como Pantico da água, não perde a oportunidade quando o assunto é se dar bem, o mesmo tem desenvolvido um trabalho familiar com o intuito de cuidar somente de seus próprios interesses e deixar a população largada a própria sorte. Prova disso é sua falta de posição na Câmara de Vereadores.

Desde que assumiu, o vereador Pantico tem demonstrado que não tem opinião própria e de fácil manipulação, em um momento diz que trabalha pelo povo e luta pelo povo, mas foi um dos parlamentares que votou favorável para que o gestor do município trabalhasse com apenas 1% do orçamento.

Pantico com todo o seu falso moralismo tem apresentado um comportamento no Poder Legislativo, diferente do que costuma dizer, pois todos os projetos enviados pelo Poder Executivo para votação na Câmara, o nobre vereador vota contra. Como pode um vereador dizer que trabalha pelo povo, mas veta todos os projetos que beneficiariam o povo? Sem dúvidas é no mínimo contraditório.

Leia Também:  Gladson Cameli se preocupa em trocar o nome do Hospital de Brasileia, mas não dá a minima para a saúde que está um caos

Recentemente, a prefeitura de Epitaciolândia enviou um projeto que trata-se de uma emenda para abertura de crédito adicional, ou seja, permitiria que o Poder Executivo tivesse mais recursos para trabalhar em benefício para a população, porém, nesta votação, Pantico era o responsável por desempatar a votação diante dos vereadores de oposição, inclusive chegou a afirmar que votaria a favor para que o prefeito tivesse condições de trabalhar, mas na hora de votar, Pantico votou contra o projeto.

O parlamentar que fala muito em moral esqueceu de levar ao conhecimento da população que suas esposa, a Srª. Antônia Arleth Cordeiro de Moura, está descumprindo a legislação ao acumular cargos público. Antônia é servidora efetiva da prefeitura de Epitaciolândia, onde atua na área de serviços gerais, na secretaria municipal de educação, lotada na escola Pequeno Príncipe.

Vale destacar que, Antônia foi nomeada em maio de 2022, o que mostra claramente que o governo de Gladson Cameli está usando os empregos do estado para angariar votos para o processo eleitoral deste ano.

Leia Também:  Senado Delcídio do Amaral é casado por 74 dos 81 senadores

Segundo informações colhidas pela redação do site 3 de Julho Notícias, a mesma recentemente foi nomeada para ocupar um Cargo Em omissão – CEC 1 no Instituto de Meio Ambiente do Acre – IMAC com remuneração no valor de R$ 3.224,01 (três mil, duzentos e vinte e quatro reais e um centavo), mas ainda de acordo com informações, Antônia não comparece ao seu local de trabalho, caracterizando como mais um caso de funcionário fantasma no governo de Gladson Cameli e por já ser servidora pública efetiva, a esposa do vereador Pantico não pode exercer um cargo em comissão. Isso e muito mais, mostra que Pantico não passa de um falso moralista.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA