RIO BRANCO

Tudo sobre Política

Advogados afirmam que Bolsonaro cometeu crime de responsabilidade ao pedir impeachment de Moraes

Publicados

Tudo sobre Política

Bolsonaro afirmou também que pedirá o impeachment do ministro do STF Luís Roberto Barroso – Foto: ABr | Pedro Gontijo/Senado Federal

Brasil 247 – Jair Bolsonaro cometeu crime de responsabilidade ao encaminhar ao Senado o pedido de impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). 

A avaliação é dos advogados e professores Lenio Streck e Georges Abboud que, em entrevista à CNN nesta sexta-feira (20), também questionaram a pouca fundamentação do documento.

“Ele [Bolsonaro] não descreve nenhum indício, materialidade ou conduta que poderia ser enquadrada como crime político por parte de Alexandre de Moraes”, disse Abboud. “O que ele faz é tão somente uma pressão política.”

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), já afirmou na noite desta sexta-feira (20) que não antevê fundamentos que justifiquem o andamento do processo na Casa. Pacheco antecipou que terá “muito critério” ao examinar a questão. 

O presidente do Senado reafirmou que impeachment é algo “grave e excepcional”, que pode, inclusive, ser “mal usado” e, portanto, não pode ser banalizado. Além disso, ele garantiu que não se renderá a “nenhum tipo de investida que seja para desunir o Brasil”.

Leia Também:  Vídeo: "Não podemos ter uma secretaria de planejamento que se comporta como papagaio de barreiro", diz vereador Jurandir

Pacheco afirmou que encaminhará o pedido de Bolsonaro à área técnica do Senado para depois decidir se dará, ou não, seguimento ao caso. 

Segundo o advogado Georges Abboud, “o único caminho para esse pedido é o arquivamento”.

Bolsonaro afirmou também nesta sexta-feira que pedirá o impeachment do ministro do STF Luís Roberto Barroso nos próximos dias.

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O município de Bujari se Limita ao norte com o Amazonas, ao sul com o município de Rio Branco, a leste com o município de Porto Acre e a oeste com o município de Sena Madureira. Sua área é de 3.467,681 km², com uma densidade demográfica (hab/km²) de 3,00 , sendo que em 2010 possuía um IDHM de 0,589.

O município de Bujari originou-se no início de 1968/1969, por remanescentes indígenas que se integraram a sociedade ali instalada, com a construção da BR 364, trecho Rio Branco/Sena Madureira. Povoado elevado à categoria de Vila, em 1986. Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de Bujari, pela Lei Estadual nº 1031, de 28 de abril de 1992, alterado pela Lei Estadual nº 1066, de 9 de dezembro de 1992, que o desmembrou de Rio Branco, assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Leia Também:  Em enquete, Carlinhos Farias é nome ideal para presidência do Rio Branco

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Tudo sobre Política

Deputado Jesus Sérgio se reúne com Dom Flávio e visita instituições em Cruzeiro do Sul

Publicados

em

Após finalizar suas atividades desta semana em Brasília, o deputado federal Jesus Sérgio (PDT) desembarcou em Cruzeiro do Sul para uma extensa agenda de visitas no município.

O parlamentar se reuniu com o bispo Dom Flávio, com coordenadores da Pastoral da Criança e visitou ainda o Educandário, o Ceanom e o Lar dos Vicentinos. Jesus Sérgio envia emendas parlamentares desde 2019 para que essas instituições possam realizar uma política social voltada para as crianças, jovens e idosos de Cruzeiro do Sul.

E para o Orçamento de 2022, também estão previstas emendas parlamentares de autoria do deputado Jesus Sérgio para que a Pastoral da Criança continue realizando cursos de capacitação e ajudando a primeira infância e também para o Educandário permanecer amparando famílias que estão abaixo da linha da pobreza. Além disso, o deputado enviou ainda emendas para que o Ceanom prossiga oferecendo cursos de informática aos jovens e para que o Lar dos Vicentinos possa seguir acolhendo os idosos de Cruzeiro do Sul.

“Sempre defendi uma política social mais justa, por isso, desde o primeiro ano do meu mandato envio recursos federais para essas instituições em Cruzeiro do Sul. E não poderia ser diferente no orçamento do próximo ano, onde destinei novamente emendas parlamentares para que essas instituições possam ajudar cada vez mais a população do município”, afirmou Jesus Sérgio.

Leia Também:  Vídeo: "Não podemos ter uma secretaria de planejamento que se comporta como papagaio de barreiro", diz vereador Jurandir

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Muitas são as dúvidas, e eu esclareço algumas. Quem tem direito a receber o abono pago com a sobra do recurso do Fundeb, anunciado pelo Governo do Acre? Uma grande manifestação foi realizada durante todo dia pela manhã em frente à casa civil e a tarde na sede da PGE – Procuradoria Geral do Estado.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA