RIO BRANCO

TUDO SOBRE POLÍTICA II

Vereadora Lene Petecão fala sobre a falta de segurança nas unidades de saúde e faz duras críticas ao governador Gladson, não tem sensibilidade

Publicados

TUDO SOBRE POLÍTICA II

A vereadora Lene Petecão (PSD), debateu nessa terça-feira (24), na tribuna da câmara municipal de Rio Branco, sobre a falta de segurança pública nas unidades básicas de saúde. A parlamentar postou em sua rede social duras criticas ao governo do estado.

“Amigos, hoje na tribuna da Casa do Povo debati sobre a falta de segurança pública nas Unidades de Saúde: Upa 2° distritos, Pronto Socorro, SAMU e Hospital da Criança.”. Destacou a parlamentar em sua postagem.

Segundo a vereadora o debate vem acontecendo desde o encerramento do contrato da segurança pública com a Secretaria de Estado de Saúde, onde foram demitidos 180 pais de família. 

“Além desse governo não ter a menor sensibilidade de prezar pela garantia do emprego ainda deixa os hospitais desassistidos diante da violência que assola nossa cidade. Absurdo”. Criticou a vereadora.

Invasões em unidades de saúde

Na semana passada, três unidades de saúde foram alvos de criminosos em Rio Branco. Na noite de quinta-feira, 19, bandidos em posse de armas branca invadiram o Pronto-Socorro, foram até a cozinha, comeram e em seguida fugiram do local.

Leia Também:  Viatura da Polícia Civil é usada para encontro político com vereadores em sítio de secretário de Educação de Porto Walter

Vários funcionários apavorados saíram correndo do local e acionaram a Polícia Militar, que fez patrulhamento na região e não conseguiu encontrar os criminosos.

Toda alimentação que foi mexida pelos bandidos teve que ser jogado fora devido o risco de infecção aos pacientes internados.

Já na noite de sexta-feira, 20, a Polícia Militar foi acionada para averiguar disparos de arma de fogo em frente a Unidade de Pronto Atendimento (UPA segundo distrito). Durante a ação criminosa, vários funcionários ficaram apavorados. Os autores do crime, não foram encontrados.

Por fim, na madrugada de sábado, 21, o alvo dos criminosos foi Hospital da Criança localizado na rua José de Melo no bairro Bosque. Os bandidos conseguiram entrar na unidade e levaram algumas televisão.

A SESACRE nem assessoria do Palácio Rio Branco se manifestou sobre o ocorrido e deram silêncio como resposta.

Matéria Relacionada:

Por falta de segurança por parte do Governo Cameli, 4ª unidade de saúde é invadida por bandidos na capital em menos de 15 dias e servidores trabalham apavorados

Veja a postagem:

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O empresário do ramo da construção civil, Candiru, transmitiu uma live para fazer alguns questionamentos semelhantes aos que o vice-governador Major Rocha fez recentemente, como por exemplo, os que tem vez no governo de Gladson Cameli que segundo Candiru e o vice são os parentes, os amigos mais próximos e as empresas de Manaus.

Leia Também:  Ministro de Minas e Energia, afirmou que Bolsonaro decide liberar mineração em terras indígenas

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

TUDO SOBRE POLÍTICA II

Pré -candidato ao governo do Acre Jenilson Leite dialoga com produtores e comerciantes de Capixaba

Publicados

em

No sábado (24), o pré-candidato ao governo do Acre, Jenilson Leite (PSB) cumpriu agenda no município de Capixaba para dialogar com os produtores da região e com os comerciantes da cidade. O deputado tem buscado ouvir as demandas do setor produtivo para organizar um plano de governo capaz de atender as demandas de quem produz e gera renda no estado.

O parlamentar visitou a plantação de café clonal do produtor Eronildo Batista. Ele cultiva seis hectares de café , além disso, é o responsável pelo abastecimento do comércio local com hortifrutas.

Além de visitar o produtor de café, Leite conversou com a presidente da Coopervida, Maria Soares. A cooperativa fundada em 2011, atende cerca 140 produtores do município, com a compra da produção agrícola. Depois revende para o comércio local e fornece produtos para a merenda escolar.

Segundo Jenilson Leite, iniciativas como essa precisam ser ampliadas além dos limites de Capixaba. “Temos que cada vez mais investir na produção agrícola, com assistência técnica especializada, melhorar os logradouros para escoar, além disso, precisamos assegurar que essa produção seja comprada. As escolas precisam desses alimentos, por isso, o governo e as prefeituras precisam ser os principais responsáveis pela compra. Com isso, vamos assegurar renda ao homem do campo e a permanência dessas famílias nas suas terras”, diz o deputado. “Exemplos dessa cooperativa de Capixaba tem que ser levada para outras regiões. O governo tem que construir meios de gerar renda e a melhor forma é incentivar a produção”, afirma.

Leia Também:  Governador Gladson Cameli busca parceria com a Rússia contra o Coronavírus no Acre

O pré-candidato também conversou com os comerciantes da cidade. O clima é de muita preocupação devido a situação econômica do país.

Jenilson também visitou o PA Campo Grande. No local, o deputado conheceu a história de superação da dona Elandia. Mãe de sete filhos, ela trocou a vida na cidade repleta de dificuldades para viver no assentamento, na zona rural. Com a mudança de vida, Elandia conseguiu uma melhorar qualidade vida, graças o cultivo de frutas.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti solicita do secretário de Ação Social providências sobre as crianças Haitianos que fica na ponte todo os dias pedindo dinheiro, e que o Poder Público proporcione dignidade para essas crianças. Neiva solicita também que seja encaminhado um oficio para a gerente do hospital para saber se chegou algum saco funerário doado pela prefeitura, comprado com o dinheiro do covid, e que solicita que seja agendado novamente a reunião com a secretaria de segurança pública do estado, para se tratar sobre o IML, pois a mais de 20 anos o problema se arrasta e até o momento nada foi resolvido.

Leia Também:  Ministro de Minas e Energia, afirmou que Bolsonaro decide liberar mineração em terras indígenas

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA