RIO BRANCO

TUDO SOBRE POLÍTICA II

Estado adere à campanha nacional sobre combate à violência contra a pessoa idosa

Publicados

TUDO SOBRE POLÍTICA II

Secretária de Estado, Ana Paula Lima, fala sobre a importância de proteger a pessoa idosa – Foto: Neto Lucena

O número de denúncias e casos de violências domiciliares registradas contra pessoas idosas e outras populações vulneráveis aumentou em 2020, segundo o portal da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos, a partir de informações do Disque 100. 

Diante do aumento dos riscos, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social, Direitos Humanos e Políticas para as Mulheres (SEASDHM), aderiu à campanha Junho Violeta, como estratégia de enfrentamento à violência contra a pessoa idosa e de sensibilização ao cuidado, de combate a qualquer tipo de negligência, discriminação, violência, crueldade ou opressão, e todo atentado aos seus direitos, por ação ou omissão, sob pena de punição, conforme dispõe o Estatuto da Pessoa Idosa.

O dia 15 de junho foi instituído, pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa, em 2006, como o Dia Mundial de Conscientização e Combate à Violência contra a Pessoa Idosa, com a finalidade de sensibilizar a sociedade para o combate à violência contra idosos e a divulgação do entendimento da violência como violação aos direitos humanos.

Leia Também:  Lula: as portas do Brasil estarão abertas para que eu possa percorrer este país

“A data nos sensibiliza sobre o combate da violência contra o idoso, principalmente agora no período de isolamento social, em que muitos se encontram desprotegidos dentro de suas próprias casas”, enfatiza a secretária de Estado de Assistência Social, Direitos Humanos e Políticas para as Mulheres, Ana Paula Lima.

As violências podem ser físicas, sexuais, psicológicas, patrimoniais e financeiras, como também atitudes de negligência e abandono. Geralmente o agressor é residente na mesma moradia, o que caracteriza a violência como doméstica, muitas vezes ocasionada pela dificuldade financeira que a família esteja atravessando.

“A violência contra o idoso deve ser combatida de todas as formas. Vamos proteger os nossos idosos e assegurar que tenham uma vida tranquila e com os cuidados que merecem e precisam”, destaca a diretora de Direitos Humanos, Francisca Brito.

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos lançou nesta segunda-feira, 15, a cartilha “Violência contra a pessoa idosa: vamos falar sobre isso?”.  O material  esclarece dúvidas sobre os tipos de violência praticada contra pessoas idosas.

Acesse: cartilhacombateviolenciapessoaidosa

Leia Também:  Comitiva acreana vai ao Peru discutir integração entre Cruzeiro do Sul e Pucallpa

Como denunciar

Qualquer tipo de violência deve ser denunciado através dos canais: Disque Direitos Humanos 100, portal http://www.disque100.gov.br, pelo aplicativo Direitos Humanos Brasil ou ainda para qualquer tipo de informação ou orientação psicológica: [email protected]

Card da Campanha de divulgação do Dia Mundial de Conscientização e Combate à Violência contra a Pessoa Idosa. Fonte: Secom.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

TUDO SOBRE POLÍTICA II

Prefeito de Assis Brasil, Jerry Correia, visita comunidade e recebe carinho dos moradores

Publicados

em

No último sábado, 22, o prefeito de Assis Brasil, Jerry Correia, visitou a comunidade rural do Jacú, localizada no ramal do Km 88. Correia foi recebido com muitos abraços e palavras de incentivo para continuar o bom trabalho que vem realizando como prefeito.

O líder da comunidade, José Queiroz, mais conhecido como Zé do Jacú, ofereceu um verdadeiro banquete para comemorar seu aniversário de 60 anos e também receber o prefeito e sua comitiva.

“Estou feliz por completar mais um ano de vida e também por receber em minha residência o prefeito Jerry. Nossa comunidade está alegre com sua gestão, pois ele tem se esforçado por nós que moramos longe e sempre fomos esquecidos. Esse prefeito é gente da gente, chega abraçando todo mundo, é atencioso e tem coragem de trabalhar”, testemunhou José.

O prefeito Jerry ofereceu um torneio de futebol pra comunidade e garantiu uma nova máquina beneficiadora de arroz, substituindo uma antiga que já não funciona, obrigando os moradores a percorrerem mais de 20 quilômetros para pelar o arroz produzido.

Leia Também:  Lula: as portas do Brasil estarão abertas para que eu possa percorrer este país

“Vamos voltar aqui na comunidade do Jacú no dia 5 de fevereiro, trazendo alguns equipamentos agrícolas que irão ajudar na produção local. Queremos ajudar na reorganização deste grupo, trazendo os serviços do Sindicato Rural e da Cooperativa de Produtores de Assis Brasil”, disse o prefeito.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Em meio a maior crise do sistema de transporte coletivo dos últimos tempos, a população de Rio Branco vive um dilema e acorda todo dia sem saber se terá ônibus passando em sua região. O prefeito Tião Bocalom tentou amenizar o problema repassando R$ 2 milhões e quatrocentos mil para as empresas quitar os débitos com empregados, acordo não cumprido e que foi um dos motivos para a intervenção no setor.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Leia Também:  Estado e prefeitura criam comissão para reverter sistema de água e esgoto de Rio Branco

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA