RIO BRANCO

Saúde

Navio-hospital da Marinha deve atender 22 mil ribeirinhos no AC

Equipe oferece testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites. Atendimentos ocorrem no Juruá pelo 15º ano consecutivo.

Publicados

Saúde

Equipe oferece testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites. Atendimentos ocorrem no Juruá pelo 15º ano consecutivo.

Navio hospitalar vai oferecer exames rápidos durante atendimento no interior do Acre (Foto: Vanísia Nery/ G1)

Navio hospitalar vai oferecer exames rápidos durante atendimento no interior do Acre (Foto: Vanísia Nery/ G1)

O Navio de Assistência Hospitalar (NAsH) Doutor Montenegro, da Marinha do Brasil, atracou no porto de Cruzeiro do Sul (AC), no início deste mês. A embarcação, responsável por oferecer serviços de saúde médico e odontológico, deve atender mais de 22 mil moradores às margens do Rio Juruá neste ano. Desde 2001, a missão é realizada na região, e pelo 15º ano atende ribeirinhos de localidades de difícil acesso.

O navio saiu de Manaus (AM) no dia 12 de janeiro. A previsão de retorno é para o dia 6 de abril. Até lá, a embarcação deve percorrer os municípios de Marechal Thaumaturgo, onde iniciam as ações, seguindo para Porto Walter, Rodrigues Alves, Mâncio Lima e Cruzeiro do Sul, onde encerram os atendimentos.

“Estamos planejando subir o rio esta semana, mas isso também vai depender da vazante, tem que ter água suficiente para chegar até Marechal Thaumaturgo. Por outro lado, o rio não pode estar tão elevado para conseguir passar a embarcação por baixo da ponte do Rio Juruá”, explicou o comandante do navio, capitão de corveta André Teixeira.

Leia Também:  Cecon realizará mamografia sem agendamento na próxima terça

Desde a saída de Manaus até Cruzeiro do Sul, já foram atendidas 14 localidades do Amazonas, com 6.670 procedimentos médicos e odontológicos em mais de 1.400 ribeirinhos.

O navio conta com uma tropa de 73 militares, tendo uma equipe de 20 profissionais de saúde, entre médicos, farmacêuticos e enfermeiros. Neste ano, a inovação são os testes rápidos de HIV, sífilis e hepatite. Ao longo da viagem, os profissionais identificaram um paciente com sífilis, que fez o tratamento com medicamentos que também são distribuídos após as consultas.

“São testes muito rápidos, que dão o resultado em poucos minutos. Nós já tivemos um caso de sífilis positivo, os médicos entraram com a intervenção de antibióticos e com certeza salvaram a vida dessa pessoa”, ressaltou.

O comandante alerta que os atendimentos são priorizados para os ribeirinhos, que na maioria das vezes não tem condições ao longo do ano de procurar os serviços de saúde.

“A prioridade é o atendimento aos ribeirinhos sempre. Nós tentamos fazer um trabalho preventivo. Fazemos palestras preventivas também. Essa parte preventiva é a maior ajuda para os ribeirinhos, pois ajuda-os a cuidar da sua saúde”, destacou.

Navio reforça atendimento principalmente a ribeirinhos no Acre  (Foto: Vanísia Nery/ G1)Navio reforça atendimento principalmente a ribeirinhos no Acre (Foto: Vanísia Nery/ G1)
g
Vanísia Nery Do G1 AC
COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Saúde

Cruzeiro do Sul completa um ano de vacinação contra covid-19 com mais de 125 mil doses aplicadas

Publicados

em

Há exatamente um ano atrás a prefeitura de Cruzeiro do Sul iniciou a aplicação das primeiras doses de vacina contra a Covid 19.

Logo de início, a secretaria municipal de saúde percebeu que tanto a doença, quanto a vacinação, apresentam peculiaridades que exigiram inovação e criatividade para atingir os públicos alvo de cada etapa de vacinação.

As primeiras ações, destinadas ao publico de maior idade, foram realizadas por meio de drive thru, reduzindo o tempo de espera e o desconforto a que seriam submetidos em longas filas de espera.

Pensando no horário de trabalho do público adulto, as ações se concentraram em oferecer horários e locais alternativos. Foi o caso da campanha ‘Bota no 12’ que manteve o serviço de vacinação até meia-noite e resultou na vacinação de 3.183 pessoas.

Com a temática de festa junina, a ação ‘Trintou da Vacinação’ representou um marco na campanha, vacinando 3.725 pessoas na Praça do Centro Cultural. A partir daí, a tematização das campanhas deu o tom da vacinação em Cruzeiro do Sul.

Leia Também:  Doações de sangue em Brasileia tem queda de 50% e faz campanha

Assim houve: “O que você espera de um sábado a noite”, para maiores de 25, o ‘Happy Hour da Vacinação” – para maiores de 18 – e o Tik Tok da vacinação para maiores de 12. Os locais de vacinação também buscaram agradar diferentes públicos: quadras , shopping e igrejas foram alguns dos locais em que ocorreu a vacinação.

Mas as ações não pararam por aí. A secretaria de saúde realizou as vacinações móveis diretamente nos comércios da cidade e na zonal rural. Em um ônibus preparado, profissionais da parte do TI lançavam os dados no sistema em tempo real, já no local de vacinação, para possibilitar um melhor controle das doses.

Hoje, Cruzeiro do Sul tem um total de 126.293 doses aplicadas, sendo 65.042 de primeira dose, 52.635 de segunda dose. Além de de 8.616 de terceira dose.

“Entendemos que as estratégias de vacinação da secretaria foram um sucesso, resultando em uma das melhores coberturas vacinais do país em proporção à população. E isso só foi possível mediante ao empenho dos nossos servidores que trabalharam em horários fora do expediente nas campanhas”, explica a secretária Valéria Lima.

Leia Também:  Palhaço doa esperança a crianças em tratamento contra o câncer

“Conseguimos avançar muito com a vacinação em Cruzeiro do Sul, o que é muito positivo, já que é o meio mais eficaz que temos para combater a pandemia. Hoje o município de Cruzeiro do Sul é lembrado no Acre com um caso de sucesso e isso se deve em grande parte à resposta da nossa população, que atendeu ao nosso apelo”, explica o prefeito Zequinha Lima.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA