RIO BRANCO

Saúde

Acre tem 13 novas vagas para o programa Mais Médicos

Desde 2013, 160 médicos trabalham no Acre. agora tem 13 novas vagas para o programa Mais Médicos

Publicados

Saúde

Desde 2013, 160 médicos trabalham no Acre. agora tem 13 novas vagas para o programa Mais Médicos

Por Álefe Souza com informações da Agência Saúde

11141738793_d67bc6bc23_o-300x175Acrelândia, Cruzeiro do Sul, Feijó, Rio Branco e Tarauacá aderiram ao programa de provisão lançado pelo Ministério da Saúde (MS) no dia 15 de janeiro e que disponibiliza 4.146 novas vagas para profissionais que desejarem atuar no programa Mais Médicos, em 1.294 municípios e 12 Distritos Especiais Indígenas (DSEIs) do país. Para os municípios acreanos que aderiram ao programa, foram disponibilizadas 13 vagas, nove das quais para a capital.

Tiveram prioridade no programa municípios com dificuldade de contratar médicos na atenção básica e os que dispunham de vagas para o Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab).

Atualmente, o Mais Médicos conta com 14.462 médicos, atuando em 3.785 cidades, o que beneficia cerca de 50 milhões de pessoas em todo o país. Com a expansão, a previsão do MS é de que 4.058 municípios brasileiros e 34 DSEIs sejam beneficiados com 18.247 médicos atuando na atenção básica. Com isso, cerca de 63 milhões de pessoas serão favorecidas.

Leia Também:  Um orgasmo por dia reduz risco de câncer de próstata em 22%

No Acre, trabalham aproximadamente 160 médicos do programa. Um levantamento realizado pelo MS em 2014 demonstrou que, após a chegada dos profissionais ao estado, houve um aumento de 969,2 % no número de atendimentos de pequenas urgências.

“Esse programa é essencial para a manutenção das condições de saúde da nossa população, no que se refere à prevenção e promoção de saúde. O foco é levar uma saúde de mais qualidade para a população, e isso vem ao encontro do que o governador Tião Viana pensa, ao trazer mais médicos para o estado”, disse o secretário de Estado de Saúde, Armando Melo, sobre a nova etapa do programa Mais Médicos.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Saúde

Em uma semana, nova gestão realiza mais de 90 cirurgias ortopédicas no Pronto Socorro de Rio Branco

Publicados

em

Empresa se dispôs a assumir a unidade do Pronto Socorro de Rio Branco antes do prazo determinado em contrato – Foto: Reprodução

Quem passa pelo Pronto Socorro de Rio Branco hoje não irá reconhecer o cenário de caos flagrado na unidade no início do mês de novembro. As longas filas na ala de ortopedia, que se formaram após a antiga empresa responsável pela unidade encerrar o atendimento aos pacientes, foi praticamente zerada e o atendimento segue normalizado. Atualmente, mais de vinte ortopedistas atuam no local.

A nova contratada para gerir o setor no Pronto Socorro, a Medtrauma Centro Especializado em Ortopedia, interveio antes do período determinado pelo contrato firmado com a Secretaria de Estado de Saúde do Acre, para auxiliar os pacientes que estavam aguardando por atendimento médico. Em uma semana, foram realizados cerca de noventa e três procedimentos cirúrgicos, além de 430 visitas médicas e 57 atendimentos ambulatoriais destinados aos pacientes do pós-operatório. 

O coordenador da empresa, Dr. Régis Castro, pontua que quando a equipe médica assumiu a unidade, na quinta-feira (11), o cenário era preocupante. “Não cabe a nós discutir o que houve com a antiga contratada, mas nos dispusemos a auxiliar, pois sabemos que a população não pode esperar. Desde então, temos trabalhado focados e conseguimos colocar em pouco tempo, os atendimentos em dia”, pontua.

Leia Também:  Navio-hospital chega ao Juruá para atender populações ribeirinhas

Ainda de acordo com o coordenador, quando a Medtrauma chegou à unidade, quase noventa pessoas aguardavam internadas para serem operadas. É nesse cenário que o Sindicato dos Médicos do Acre (Sindimed – AC) interveio e protocolou uma denúncia relatando que a antiga gestora, suspendeu os atendimentos e chegou a retirar os equipamentos e materiais cirúrgicos do local, provocando reclamações. 

“Quanto entramos aqui, o cenário era de terra arrasada. Eram pessoas com fraturas, amputações e outros traumas necessitando urgentemente de amparo. Trouxemos imediatamente nosso corpo médico e toda nossa expertise na prestação de assistência complementar à saúde e em tempo recorde estruturamos toda a equipe de enfermagem de instrumentação cirúrgica e apoio administrativo”, reforça o coordenador. Somente nas primeiras 24 horas de atendimento, foram realizados treze procedimentos cirúrgicos, trinta e oito consultas ambulatoriais e 100 atendimentos na porta de entrada da urgência e emergência. 

O Conselho Regional de Medicina (CRM) do Acre já realizou vistorias no Pronto Socorro e conversou com médicos, enfermeiros e chefes de setores para constatar a atuação. “O CRM tem acompanhado de perto esse momento de transição para assegurar que os pacientes sejam atendidos da melhor forma possível”, declarou a presidente da entidade, Dra. Leude Dávalos.

Leia Também:  Um orgasmo por dia reduz risco de câncer de próstata em 22%

Assessoria: Dialum

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Muitas são as dúvidas, e eu esclareço algumas. Quem tem direito a receber o abono pago com a sobra do recurso do Fundeb, anunciado pelo Governo do Acre? Uma grande manifestação foi realizada durante todo dia pela manhã em frente à casa civil e a tarde na sede da PGE – Procuradoria Geral do Estado.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA