RIO BRANCO

Política

Vídeo: Sindicalistas e servidores invadem a ALEAC, chamam Gehlen de Traidor e são contidos pela segurança da Casa que usou spray de pimenta

Publicados

Política

Na manhã desta quarta-feira (6), sindicalistas e servidores do estado do Acre se reuniram em frente a Assembleia Legislativa para protestarem contra a reforma imposta pelo governador Gladson Cameli no Acreprevidencia que basicamente copiou e colou quase tudo que estabelece a reforma da previdência do governo federal, já aprovada.

O Sindicato da Saúde, Sindicato da Educação, Central dos Trabalhadores do Brasil, Movimento Popular (que luta pelas causas sociais), Policiais Civis, Trabalhadores do Tribunal de Justiça, SINTECRAF, SIFAC e outros sindicatos se fizeram presentes no manifesto contra o que eles denominaram de “pacote de maldade” do Governo Gladson.

Os manifestantes produziram várias faixas, onde uma deles transmitia a seguinte mensagem: “Governador Gladson Cameli falar da reforma da previdência em coletiva, *Não é debate *Não é democracia. Ouça os servidores”.

Após se concentrarem na praça Memorial dos Povos Acreanos, os manifestantes invadiram a assembleia Legislativa onde começaram a chamar o Líder do Governo na ALEAC, Deputado Gehlen Diniz, de traidor.

Ao adentrarem na ALEAC, os manifestantes receberam apoio dos deputados que são contra essa reforma da previdência como está ocorrendo e a favor dos servidores, os parlamentares eram: Daniel Zen (PT), Maria Antônia (PROS), Jenilson Leite (PSB), Roberto Duarte (MDB), Edvaldo Magalhães (PCdoB), Fagner Calegário (PL).

Leia Também:  “Vamos trabalha em sintonia”, Diz Leila Galvão em visita à secretária Andréa Zílio

Momentos após entrarem na ALEAC  um grande tumulto de formou, os manifestante não permitiram que a sessão iniciasse Ao som de “Gehlen Traidor”, os manifestantes foram contido pela segurança da Assembleia Legislativa, houve resistência, spray de pimento foi usados nos presentes, alguns dos manifestantes passaram mau. 

Muito objetos foram quebrados na assembleia, a grande quantidade de manifestantes no local fez com que a situação piorasse. Este manifesto foi devido que, por conta da pressão dos sindicalistas nesta terça-feira, a votação da PEC da Maldade foi adiada para esta quarta-feira para ser apreciada e votada.

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política

Morador grava vídeo denunciando as péssimas condições de rua na atual gestão de Fernanda Hassem

Publicados

em

Um morador da rua Rondônia gravou um vídeo denunciando as péssimas condições da referida Via, segundo ele, os moradores que precisam trafegar pela rua não aguentam mais o abandono por parte da atual gestão de Fernanda Hassem, segundo ele há pelo menos 6 anos que a localidade não recebe manutenção da prefeitura de Brasileia.

Os moradores, revoltados com a situação resolveram tornar público essa situação para que o Poder Público tome providências quanto a esta situação específica. Vale destacar que não só a rua Rondônia encontra-se nesta condição, mas a maioria das vias do município encontra-se em péssimas condições.

Por se tratar de uma rua que dá acesso a escola infantil Menino Jesus e a uma distribuidora de gás os moradores almejam ainda mais uma melhoria, pois segundo eles, no período do inverno, os alunos enfrentam grande dificuldades para chegar a escola, onde saem de casa limpos e chegam na escolas sujos de lama por conta da falta de dignidade no tráfego.

“A cada chuva que cai o açude aumenta mais se jogar tambaqui aqui se cria porque a situação está cada vez pior, tá com mais de 6 anos que essa rua não recebe um tapa buracos, aqui quando as crianças estão indo para a escola elas sofrem”, concluiu um morador.

Leia Também:  “O governo vendeu uma falsa ilusão sobre a segurança pública”, diz deputado Calegário

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA