Política

Vereadores Jurandir e Arlete se descontrolam e atacam a imprensa por denunciarmos ações suspeitas de ambos

Publicados

Política

Vereadores de Brasileia, presidente da Câmara Arlete Amaral e o vereador Jurandir Queiroz – Foto: Alemão Monteiro / Assessoria Câmara de Brasileia

Durante a sessão que aconteceu nesta terça-feira (15), os vereadores Jurandir Queiroz e a presidente da Câmara de Brasileia, Arlete Amaral, mostraram o quanto são despreparados e incapazes de representar uma população por meio do Poder Legislativo, devido a dificuldade de aceitar ser contrariados por conta de suas ações imorais.

Enquanto a população esperava ouvir reivindicações e pedidos de melhoria para a cidade, Arlete e Jurandir resolveram dedicar seus tempos na tribuna (mesmo sem ter a capacidade de fazer um pronunciamento decente) para atacar a redação do site 3 de Julho Notícias por motivos banais se descontrolaram e tentaram defender o indefensável.

Vale destacar que, tudo que esta redação de notícias publicou com relação aos referidos vereadores nós mostramos prova de que é verdade inclusive para deixar claro o compromisso com a verdade dos fatos, porém os vereadores almejavam deixar certos assuntos debaixo do tapete.

Quanto ao vereador Jurandir

O parlamentar fez duras críticas após ficar incomodado pelo fato do jornal 3 de Julho Notícias ter levado ao conhecimento da população de Brasileia e revelado o jogo por debaixo dos panos que vêm acontecendo entre o parlamentar e a prefeitura para barganhar benefícios financeiros para parte de sua família com emprego.

Na semana passada, foi noticiado e desde já esta redação reafirma o que foi publicado anteriormente sobre os privilégios financeiros em cima do salário da esposa do vereador e outros cargos que Jurandir usou do mandato para conseguir.

Esperava-se que o vereador Jurandir Queiroz negassem o que foi denunciado onde sua esposa recebe uma gratificação superior ao valor do seu salário e o enteado do vereador e alguns nomes indicados por ele também estão fazendo parte do cabide de emprego na prefeitura de Brasileia.

Vale destacar ainda que, antes de receber um cala a boca, Jurandir por diversas vezes procurou esta redação para denunciar descasos e possíveis irregularidades tanto da prefeita Fernanda Hassem bem como da Presidente da Câmara Arlete Amaral, a respeito de uma obra supostamente irregular que aconteceu na Câmara de Brasileia que à época mostrou que não aceita ser contrariada e chamou a atenção do parlamentar na tribuna, comportamento reprovável por parte de Arlete que acredita ser dona da verdade.

Mas ao invés de negar o que foi denunciado por esta redação, o vereador Jurandir achou mais fácil agredir a imprensa pois sabia que não podia negar, haja vista que nós provamos aquilo que publicamos, jogou palavras ao vento sem justificar para a população os motivos que lhe tornaram um vereador covarde que em seu mandato só diz amém e sim senhora, (Um vereador conhecido na cidade como um traíra).

Veja o Vídeo:

Quanto a vereadora Arlete Amaral

Por algumas veze a redação do site 3 de Julho Notícias chamou a atenção dos órgãos fiscalizadores para o que vem acontecendo na Câmara de Brasileia sob o comando de Arlete Amaral que não é aquilo que se diz ser. A princípio Arlete contratou uma empresa para assumir uma obra da Câmara, porém ao mesmo tempo que ela pagou a empresa, ela com recursos públicos comprou o material que era para a empresa comprar.

Leia Também:  Everaldo Gomes e seu guru Aldemir Lopes estão brigados.

Mas este é só um dos atos imoral praticados pela Srª. Arlete, em outros momento a mesmo recebeu diárias para ir à Brasília acompanhar a prefeita Fernanda Hassem com a justificativa de que ela enquanto vereadora foi em busca de garantir recursos para o município, o que ela não sabe é que esta é função do prefeito e não de vereador.

Arlete apesar das mazelas citadas acima, ainda durante o recesso no início do ano, chegou a mais de R$ 10.000,00 (dez mil reais) sozinha, haja vista que os demais parlamentares não pegaram requisição de combustível, onde desmoralizadamente, Arlete foi acusada por uma funcionária da própria Câmara de que estava se aproveitando do cargo de presidente para tirar vantagens e abastecer o seu veículo e dos seus chegados com dinheiro do Povo.

Por estas inúmera denúncias que só o 3 de Julho Notícias tem coragem para denunciar, ambos os vereadores atacaram a imprensa para tentar intimidar este jornal, mas desde já afirmamos que essas prática fajuta não surte efeito quanto a este meio de comunicação.

Vereador Jurandir questiona a lisura da obra de reforma da Câmara de Brasileia, feita na gestão da Presidente Arlete Amaral, foram gastos mais de R$ 50 mil

O vereador Jurandir em outro momento procurou a redação do 3 de Julho e denunciou supostas irregularidades referente na obra de reforma da Câmara feita no início da gestão da Presidente Arlete Amaral este foi um questionamento que foi bastante falado e questionado a cerca das informações trazidas pelo Portal da Transparência da Câmara referente a obra de reforma.

Reforma da Câmara de Brasileia feita na gestão da Presidente Arlete Amaral, foram gastos mais de R$ 50 mil.

Jurandir disse a esta redação que se fazia necessário que a presidência da Casa trouxesse as informações a respeito do processo licitatório, empresa prestadora de serviço e qual o valor da referida obra, sobretudo, a vigência deste contrato, pois o povo queria saber e os vereadores precisam responder a esses questionamento quando feito, mas Arlete nunca esclareceu esta situação.

Reforma da Câmara de Brasileia feita na gestão da Presidente Arlete Amaral, foram gastos mais de R$ 50 mil.

Mesmo tendo um processo licitatório envolvido onde a empresa responsável responde pela Razão Social Construtora Maciel Com. E Rep. LTDA recebeu duas notas que no total correspondem ao valor de R$ 23.910,00 (vinte e três mil novecentos e dez reais), mas além dos gastos com esta empresa, a Câmara de Vereadores gastou mais R$ 26.805,67 (vinte e seis mil oitocentos e cinco reais e sessenta e sete centavos) em material de Construção adquiridos na empresa Ronsy Comercial de Ferragens LTDA.

Com apenas um veículo na câmara de Brasileia, presidente Arlete Amaral já gastou mais de 52 mil em combustível em 2021.

Em acompanhamento ao Portal da Transparências da Câmara de Vereadores de Brasileia, nota-se que está havendo uma grande diferença no consumo de combustível do Poder Legislativo, representado pela atual presidente Arlete Amaral, entre um mês e outro sempre com a mesma justificativa, aquisição de combustível para atender as demandas da Câmara.

Leia Também:  Vereadores de Brasiléia aprovam dois projetos de lei durante a 13ª Sessão Ordinária do Município

No mês de maio de 2021, a Câmara de Brasileia gastou R$ 2.802,04 (dois mil oitocentos e dois reais e quatro centavos) com aquisição de combustível para atender as demandas da Câmara Municipal. Já no mês de junho, esse consumo aumentou significativamente saltando para R$ 5.296,42 (cinco mil duzentos e noventa e seis reais e quarenta e dois centavos) também com a mesma justificativa.

No recesso, Arlete Amaral gastou mais de R$ 3 mil em combustível e R$ 10 mil em menos de dois meses.

Combustível na Câmara de Brasileia não é problema sob a presidência da Vereadora Arlete Amaral, pois mesmo com a Câmara de vereadores estando de recesso, Arlete gastou o valor exato de R$ 3.389,00 (três mil trezentos e oitocentos e nove) somente em combustível. Usados aonde ninguém sabe!

Segundo informações repassadas por uma servidora da Câmara de vereadores de Brasileia que não quis se identificar por motivo de represália, desde que Arlete assumiu a presidência do Poder Legislativo “ela e os seus” (termo usado pela servidora) não precisaram mais se preocupar com dinheiro para abastecer seus veículos particulares e que por esse motivo é que o gasto da Câmara com combustível é alto se comparado com a realidade.

Presidente da Câmara Arlete Amaral recebe diárias pagas pelo povo para ir a Brasília bajular Fernanda Hassem e o amor da gestora.

Acredita-se que a presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Vereadora Arlete Amaral, foi eleita e não se dedicou a aprender o seu ofício enquanto parlamentar mirim. Dentre as muitas funções de um vereador, correr atrás de assegurar emenda parlamentar para o município não é uma delas (esta função cabe ao prefeito, acho que Arte que ser a manda chuva do município).

Mas para justificar o desnecessário gasto do dinheiro público em diárias, vale tudo, inclusive afirmar que se deslocou a Brasília – DF cumprindo agenda em busca de emendas parlamentares a serem destinado ao município de Brasileia, e foi o que a presidente Arlete Amaral fez, usou uma alegação que não lhe compete para tentar justificar quatro diárias que recebeu, o que corresponde ao valor de R$ 1.774,12 (um mil setecentos e setenta e quatro reais e doze centavos).

Veja a documentação sobre o salário da esposa do vereador Jurandir Queiroz

E Veja Também no 3 de Julho – Acre 24 Horas

Veja o Vídeo Abaixo: O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre, SINTEAC vem a público, REPUDIAR a fala nojenta e desrespeitosa da senhora Márcia Bittar, pré-candidata a senadora da república. Na ocasião, a mesma em um canal de televisão em Cruzeiro do Sul, afirma que: “Os professores em sala de aula ensinavam aos filhos fazerem sexo com os pais”.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página: Facebook 3 de Julho Notíci

Portal: 3dejulho.com.br Rio de Janeiro

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política

Com afastamento de Sérgio Petecão e Márcio Bittar, Acre terá dois novos representantes no senado federal

Publicados

em

Das três cadeiras do Acre no senado federal, duas estarão com gente nova no assento. Maria das Vitórias assumirá a vaga do Senador Sérgio Petecão (PSD) e Eduardo Veloso assume a vaga de Márcio Bittar (União Brasil).

Ambos são suplentes dos titulares, que ficarão em média de 4 a cinco meses fora do mandato e assim abrem espaços para as caras novas. Maria das Vitórias tem 79 anos de idade e já foi deputada estadual, secretária de Assistência social e era esposa do falecido Deputado federal João Tota.

A mesma assumirá a cadeira do seu titular Petecão, que se afasta para se dedicar exclusivamente a campanha de governo do Acre. Natural da Paraíba e vivendo a décadas em Cruzeiro do Sul, Maria das Vitórias tem uma grande credibilidade na região do Juruá e pode dar uma grande contribuição na campanha de Petecão, inclusive o o filho João Tota, será o vice na chapa de governo do PSD.

Eduardo Veloso é médico oftalmologista, um dos mais respeitados do estado e de uma família tradicional de Rio Branco. Eduardo foi cotado para ser vice de Gladson Cameli na última eleição e nos 45 do segundo tempo, foi trocado por Werles Rocha. Com tudo ele virou suplente de Márcio Bittar, que vai se afastar para fazer um tratamento de saúde e também se dedicar a campanha da esposa Márcia Bittar (PL), que disputará o senado na chapa de Gladson Cameli (PP).

Leia Também:  Solicitada por Nicolau Junior, Márcio Bittar repassa emenda de R$ 10 milhões para reduzir fila de espera na Fundhacre

Sobre o desempenho de ambos, só saberemos quando iniciar os trabalhos de verdade.

A posse dos novos senadores está marcada para ocorrer no final deste mês, dentro de poucos dias

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA