RIO BRANCO

Política

Vereadores de Brasiléia apresentam indicações em quarta sessão ordinária

A Câmara Municipal de Brasileia realizou na noite desta terça-feira (24),a quarta Sessão Ordinária

Publicados

Política

A Câmara Municipal de Brasileia realizou na noite desta terça-feira (24),a quarta Sessão Ordinária

Assessoria – CMB

VEREADORES DE bRASILEIA

Em virtude da ida à Brasília do Presidente da Câmara,Mário Jorge(SDD) juntamente com o primeiro secretário da Casa, Vereador Joelson Pontes (PP), o Vice-Presidente Marcos Tibúrcio presidiu a Sessão,acompanhado do Vereador Carlos Armando.

Em Tribuna o Vereador Carlos Armando (PSB) apresentou indicação para que a direção do H.C.R.C tome providências em relação a falta de ambulância em Brasiléia. “ A falta de ambulância tem causando transtornos no município,pois na hora de necessidade às vezes não tem nenhuma”, enfatizou Carlinhos.

Apresentou indicação para que o Deputado Federal César Messias aloque recursos para a compra de uma ambulância para o município.Que a bancada federal também aloque recursos para a compra de um equipamento para o município e que seja providenciada melhoria na Travessa Belém,no centro da cidade,pois após a saída dos maquinários ficaram entulhos no local.E que ali também seja feito trabalho de reposição das lâmpadas,bem como iluminação na praça Hugo Poli. O vereador também solicitou trabalho paliativo no quilômetro 35,para dar acesso aos produtores rurais,já que o ramal não dispõe de condições. E que o Governo do Acre intervenha junto ao DNIT para que providencie,em caráter de urgência,trabalho de melhoramento no sentido Brasileia- Assis Brasil e Brasileia-Rio Branco, já que essas BR’s encontram-se com trechos em condições praticamente intrafegáveis.

Leia Também:  Sem obras para mostrar Everaldo se apossa das atividades dos outros

A vereadora Erizete Lima (PT) solicitou que a Gerência do Bradesco informe a previsão para funcionamento da agência em Brasileia. Que a Prefeitura de Brasileia providencie trabalho de limpeza nas ruas de Brasileia. “O certo é que a limpeza precisa ser realizada.Não somente na Rua Geni Assis,mas em todas as ruas de Brasileia”,disse a vereadora. Erizete falou a respeito do Plano de cargos e salários da educação. E solicitou que o Executivo informe como está o andamento do referido plano,bem como a situação da jornada de trabalho dos servidores. Sobre o FGTS, a vereadora solicitou que seja enviado documento para o Ministério Público para que seja averiguada a situação do FGTS que é descontado dos servidores e não é repassado ao banco.

Marivaldo Rodrigues (PMDB) iniciou seu pronunciamento solicitando trabalho de iluminação na quadra do bairro Ferreira Silva e praça dos Seringueiros. Que a prefeitura de Brasileia notifique a empresa Cilte Engenharia para que a mesma informe a Câmara sobre a data do retorno dos trabalhos na Avenida Manoel Marinho Monte. Que o Executivo,através da Secretaria de Obras realize trabalho de melhoria no ramal do caipira.

Leia Também:  Prefeito Betinho não reconhece, mas obra do Centro do Idoso em Assis Brasil

O vereador Rosildo de Freitas (PT) apresentou indicação referente ao transporte escolar. De acordo com o vereador em alguns ramais os alunos estão sem ir à escola, pois os ramais estão intrafegáveis. “ Quero pedir o apoio da minha bancada para ir ao Ministério público resolver essa situação”,disse Rosildo. Apresentou indicação para que o Governo do Acre amplie o Silo graneleirode Brasileia. O vereador reapresentou indicação solicitando Moção de Aplauso a Presidente Dilma Roussef. Solicitou também Moção de Aplauso ao Governador Sebastião Viana e a Doutora Diana Tabalippa. Solicitou Nota de pesar a família do senhor Ernesto Rodrigues dos Santos.

A vereadora Tereza Xavier (PT), em seu pronunciamento, solicitou que a prefeitura providencie trabalho de limpeza do barro nas laterais da Avenida José Rui Lino e providencie lixeiras para a referida avenida,bem como trabalho de limpeza nas calçadas.

Sobre os trabalhos paliativos nos ramais, Tereza se associou ao pedido do vereador Rosildo. ‘ Todos os alunos tem o mesmo direito e a gente não observa muito esforço por parte do Poder público”,afirmou Tereza.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política

Deputado Leo de Brito, diz que vale-gás começa a ser pago e deve beneficiar 51 mil famílias no Acre

Publicados

em

A partir desta terça-feira, 18, começa a ser pago o “vale-gás”, auxílio que garante aos beneficiados o recebimento de 50% do valor de uma botija de gás de 13 quilos.

A lei do vale-gás se tornou possível depois que o deputado federal Leo de Brito (PT-AC) e os demais parlamentares que compõem a bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) na Câmara dos Deputados apresentaram o Projeto de Lei 1374/21 para que se instituísse o benefício para famílias de baixa renda, tendo em vista que o país registra no último ano altas consecutivas no valor da botija de gás, levando milhões de pessoas a buscar meios alternativos e em muitos casos, que colocam suas vidas em risco, para cozinhar alimentos.

“Estou muito feliz que o auxílio gás, que foi criado por meio de um projeto de lei de minha autoria, esteja chegando agora na casa de cinco milhões e meio de brasileiros. Só no Acre, são 51 mil famílias atendidas por esse auxílio. São famílias que precisam dessa ajuda diante da grave situação de insegurança alimentar registrada no Estado atualmente. Dados apontam que cerca de 60% das famílias acreanas enfrentam a insegurança alimentar atualmente”, afirma Leo de Brito.

Leia Também:  Prefeita Fernanda Hassem participa de reunião no ramal do 59 na BR-317

Como ter acesso ao vale-gás

O deputado federal acreano destaca que para ter acesso ao auxílio para compra do gás de cozinha, as famílias devem procurar a unidade de Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua residência e realizar o cadastro.

Têm direito ao benefício às famílias inscritas no CadÚnico com renda familiar mensal, por pessoa da família, menor ou igual a meio salário mínimo. Também têm direito as famílias com integrantes do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Mulheres chefes de família têm prioridade para receber o benefício, assim como as mulheres vítimas de violência. Para isso, foi feito convênio com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

“Esse meu projeto é uma ação no combate à fome que assola nosso país e, principalmente, milhares de famílias do Acre. As pessoas estão sofrendo com a alta inflação que eleva todos os dias os preços do alimentos, dos combustíveis, na conta de luz e eu, pelo nosso mandato, sigo trabalhando para buscar alternativas para ajudar quem mais precisa, que sofre com a falta de emprego, de oportunidades”, acrescenta Leo de Brito.

Leia Também:  Prefeito Betinho não reconhece, mas obra do Centro do Idoso em Assis Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA