RIO BRANCO

Política

Vereador diz que André Hassem não sabe administrar os repasses feito para o município

Prefeitura de Epitaciolândia reclama de crise mais os repasse estão sendo feito todos os meses tanto do governo do estado como do governo federal.

Publicados

Política

Prefeitura de Epitaciolândia reclama de crise mais os repasse estão sendo feito todos os meses tanto do governo do estado como do governo federal.

 Por Paula Alcântara 3 de Julho Noticias 

Vereador Messias Lopes

Vereador Messias diz que a prefeitura de Epitaciolândia não honra seus compromissos por está enfrentando uma crise: é salário atrasado, falta de benfeitorias no município, falta de combustível para transportar médicos para a vila do Nari (distante apenas oito km do município para atender no posto de saúde Suelen e várias outras demandas.

Mas o que não dá para entender é para onde está indo os repasses constitucionais do governo federal já que a prefeitura no ano de 2013 recebeu mais de vinte milhões, e 2014 foram mais de vinte e oito milhões e neste ano foram vinte e cinco milhões no total soma-se mais de setenta e três milhões que a prefeitura de Epitaciolândia recebeu de repasse do governo do federal.

Não se ver resultado desses repasses do governo federal e muito menos os repasses do governo do estado que a prefeitura diz que o governo do estado não ajuda em nada, mas só de IPVA até o mês de Julho o governo repassou trezentos e noventa e nove mil reais e de ICMS foram mais de 2 milhões isso de acordo com o que é arrecadado e de acordo com a população, isso fora os cinco meses até dezembro.

Leia Também:  Ex-marqueteiro de Bocalom reclama de novo calote em 2014.

São repasses que o governador Tião Viana (PT) tem mandado para o município de Epitaciolândia, ou seja, o governador está fazendo sua parte repassando o IPVA e o ICMS fora os convênios  que foram feitos inclusive o asfaltamento da ruas do município.

O repasse constitucional do governo federal que é obrigado por lei e a prefeitura disse que diminuiu foram mais de quinze milhões de reais só até o mês de Julho fora o restante dos meses até o termino do ano.

O que está faltando é um  administração competente para poder administrar o dinheiro que o município arrecada, se unisse o útil com o agradável as coisas seria diferente do que é na realidade de hoje, e isso não acontece só em Epitaciolândia não é em todos prefeitos da região do Alto Acre.

E a pergunta que fica no ar é onde está esse dinheiro, as pontes dos ramal de Epitaciolândia estão todas com defeitos precisando de trabalhos de paliativo não só na zona rural como também da zona urbana, como  a ponte do Bairro Liberdade, ponte do bairro Vila Vitória que à mais de oito meses está caída e nada foi resolvido, e vários outros problemas infraestruturais que estão por ser resolvidos.

Leia Também:  Governador de Rondônia vem ao Acre tratar sobre ferrovia transoceânica

 Veja o Vídeo Imagem Alemão Monteiro 

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política

Morador grava vídeo denunciando as péssimas condições de rua na atual gestão de Fernanda Hassem

Publicados

em

Um morador da rua Rondônia gravou um vídeo denunciando as péssimas condições da referida Via, segundo ele, os moradores que precisam trafegar pela rua não aguentam mais o abandono por parte da atual gestão de Fernanda Hassem, segundo ele há pelo menos 6 anos que a localidade não recebe manutenção da prefeitura de Brasileia.

Os moradores, revoltados com a situação resolveram tornar público essa situação para que o Poder Público tome providências quanto a esta situação específica. Vale destacar que não só a rua Rondônia encontra-se nesta condição, mas a maioria das vias do município encontra-se em péssimas condições.

Por se tratar de uma rua que dá acesso a escola infantil Menino Jesus e a uma distribuidora de gás os moradores almejam ainda mais uma melhoria, pois segundo eles, no período do inverno, os alunos enfrentam grande dificuldades para chegar a escola, onde saem de casa limpos e chegam na escolas sujos de lama por conta da falta de dignidade no tráfego.

“A cada chuva que cai o açude aumenta mais se jogar tambaqui aqui se cria porque a situação está cada vez pior, tá com mais de 6 anos que essa rua não recebe um tapa buracos, aqui quando as crianças estão indo para a escola elas sofrem”, concluiu um morador.

Leia Também:  Presidente Rogério Pontes e vereadores participam da entrega da ampliação de unidade de Saúde no km 68

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA