RIO BRANCO

Política

Saúde do Acre é obrigada a fazer cirurgia de hérnia em criança que espera procedimento há mais de um ano

Publicados

Política

A família de um menino de 4 anos autista precisou entrar na Justiça para conseguir que a Saúde do Acre faça uma cirurgia de hérnia nele. O menino espera pelo procedimento desde junho do ano passado.

Sem resposta da direção Fundação Hospitalar do Acre (Fundhacre), onde o procedimento deve ser feito, a família buscou a Justiça em novembro para relatar o caso. Em fevereiro deste ano saiu a primeira decisão do Tribunal de Justiça (TJ-AC), que determinou que a Saúde fizesse o procedimento. Porém, a Saúde recorreu e o caso foi parar na segunda instância.

O processo foi avaliado pela 2ª Câmara Cível do TJ-AC e o resultado foi o mantimento da tutela de urgência para que a criança seja submetida ao procedimento.

A decisão ainda cabe recurso. A Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) informou que ainda não foi notificada do resultado e tão logo seja vai avaliar a situação para saber as medidas que deve tomar.

A defensora pública Juliana Marques Cordeiro, que representa a família, disse que o pedido de cirurgia foi registrado no dia 3 de junho de 2019. Em novembro, a defensora deu entrada na ação e o juiz concedeu uma liminar com o pedido de urgência para o Estado realizar a cirurgia.

Leia Também:  Dia dos pais em Assis Brasil só tinha a primeira Dama e os funcionários da prefeitura

“O Estado entrou com agravo, mas foi negado e tem que cumprir essa decisão de fazer a cirurgia”, disse.

No processo, uma das justificativas para a não realização seria a concentração dos serviços de saúde e equipes para atender pacientes infectados pela Covid-19. Porém, a defensora destacou que a criança aguarda há mais de um ano e que na época que foi dado entrada no procedimento não havia pandemia.

“A decisão do juiz saiu em fevereiro quando não tinha pandemia ainda e recorreram. As cirurgias eletivas estão voltando aos poucos”, frisou. Do G1 Acre

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política

Vereado Chico Batista, contesta em nota a versão de seu ex-funcionário que atribui à politicagem

Publicados

em

O presidente da Câmara de Vereadores de Tarauacá, Chico Batista, PDT, enviou nota com seus esclarecimentos a respeito das acusações imputadas pelo ex-funcionário dele, Francisco da Silva. Veja matéria completa no 3 de Julho Notícias

Leia a íntegra da nota:

Em resposta aos Ataques sofridos pelo Presidente da Câmara Municipal de Tarauacá

Infelizmente, em meio a nossa população, composta em quase sua totalidade por pessoas íntegras e de bons princípios, surgem pessoas do mal para disseminar injúrias, calúnias e ódio e principalmente para atacar a minha reputação perante a sociedade.

Durante esta semana, fui surpreendido mais uma vez, por notícias inverídicas publicadas em redes sociais e na imprensa contra minha pessoa numa tentativa desesperada de um grupo de adversários politiqueiros..

Vamos aos fatos:

Francisco da Silva Gomes tratava-se de um cidadão desempregado, que através de indicação se tornou meu caseiro, trabalhou comigo por anos demonstrando ser confiável e conquistando meu ambiente familiar, até ser induzido por adversários políticos gananciosos pelo poder a tomar pra si o que não lhe pertencia, ou seja, minha propriedade, que foi adquirida por minha pessoa através do meu suor e trabalho. Por este motivo, procurei meus direitos de forma legal, o que desencadeou algumas ações judiciais que tem percorrido seus trâmites e já condenou o Sr. Francisco em 2 destes processos por seus feitos ilegais, inclusive a justiça determinou a retirada do vídeo publicado e pagamento de indenização por danos morais.

Leia Também:  Ação Humanitária Itinerante leva educação ambiental, saúde e cidadania a mais de 2 mil pessoas na Floresta do Rio Liberdade

Em relação ao financiamento citado, foi adquirido em nome da minha propriedade que foi dada como garantia e eu era o avalista que arquei com o pagamento total do débito, comprovado e julgado perante a Justiça. Portanto, não é verdadeira a versão apresentada pelo réu.

Essa falácia repetida e defasada vem sendo manipulada por irresponsáveis desde 2015. Mais uma vez quero conscientizar e deixar claro que os autores que tem promovido esse alvoroço irão responder pelos seus atos irresponsáveis perante a justiça, assim como alguns deles já estão respondendo judicialmente. Aconselho que procurem antes, saber a veracidade dos fatos e não compartilhem mentiras que comadres e compadres, talvez por necessidade ou insuficiência intelectual, propagam inconsequentemente, ou talvez submetidas a fazer pelo mando de seu pagador que são, invariavelmente, covardes que se escondem sob o manto da ignorância cultural de leitura e interpretação de texto, que na verdade são lobos escondidos sob a pele de cordeiro”.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O ex-deputado federal, Sibá Machado, gravou um vídeo polêmico onde fez um desabafo contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, o Juiz Sérgio Moro e o governador do Acre, Gladson Cameli. Sibá não perdeu a oportunidade de alfinetar o gestor em se tratando do escândalo de corrupção no qual para a Polícia Federal, Cameli é tido como o chefe de uma organização Criminosa que desviou quase R$ 1 bilhão de reais dos cofres públicos do Estado.

Leia Também:  Deputada Maria Antônia solicita que DERACRE faça convênio com a Prefeitura de Rodrigues Alves para realização de tapa buracos

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA