Política

Prefeitura e Senac Oferecem Cursos Profissionalizantes

A realização dos cursos acontecerá em dois períodos na sede dos Creas, um a partir das 8h e outro depois das 14h. O curso de corte costura

Publicados

Política

A realização dos cursos acontecerá em dois períodos na sede dos Creas, um a partir das 8h e outro depois das 14h. O curso de corte costura 

WILIANDRO DERZE, assessoria PMB

prefeito everaldo gomes-foto assessoria PMB

prefeito everaldo gomes-foto assessoria PMB

O Centro Cultural de Brasiléia foi palco da abertura dos cursos de corte costura, confeiteiro e auxiliar de cozinha realizado pela prefeitura de Brasiléia em parceria com o Senac. O evento contou com a presença do prefeito Everaldo Gomes, representantes do Senac e da Secretaria de Ação Social.

A realização dos cursos acontecerá em dois períodos na sede dos Creas, um a partir das 8h e outro depois das 14h. O curso de corte costura começa na próxima semana com a participação de vários inscritos que foram selecionados.

O programa visa proporcionar uma qualificação profissional no objetivo oportunizar a geração de emprego e renda as famílias carentes. Abrindo as portas para as empresas contratarem profissionais qualificados nas áreas especificas de produção. Assim, como propiciar aos alunos a abri seu próprio negócio.

Para o prefeito Everaldo Gomes o curso vai ampliar os conhecimentos profissionais dos participantes e gerar mão de obra qualificada para o ingresso no mercado de trabalho. “Essas famílias muitas vezes só precisam de uma oportunidade para aprender uma profissão. Esperamos que todos possam depois do curso garantir mais uma renda para o sustento de suas famílias”, destacou.

O representante do Senac, Rodrigo Damasceno destacou a importância da prefeitura de Brasiléia para a realização dos cursos e do Governo Federal, pelas iniciativas de garantir as condições dos cursos chegarem a todo o Brasil.

A representante da Secretaria de Ação Social, Antônia Tecla disse que os cursos vão ajudar na formação profissional e garantir uma renda melhor às famílias que estão cadastradas nos programas sociais.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Prefeitura de Brasiléia, irá apresentar Plano Municipal de Saneamento Básico

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Política

“Cadê os R$ 1 milhão da creche e onde está os mais de R$ 900 mil do Ginásio? Cadê a ordem de serviço?”, cobra vereadora Marinete Mesquita

Publicados

em

A vereadora do Município de Brasileia, Marinete Mesquita trouxe alguns questionamentos importantes a serem esclarecidos pela prefeitura de Brasileia, durante a sessão desta terça-feira (24). Dentre esses questionamentos estão a situação da construção de uma creche para atender a demando do município.

De acordo com a parlamentar, em 2019, o deputado federal Leo de Brito destinou uma emenda parlamentar no valor de R$ 800.000,00 (oitocentos mil reais) para a realização da obra, passado o período extremo de pandemia a gestão da prefeita Fernanda Hassem afirmou que a emenda destinada não era mais suficiente para a construção da creche.

Diante da situação, a vereadora Marinete afirmou que o deputado Leo de Brito complementou a emenda com mais R$ 200.000,00 (duzentos mil reais) totalizando assim o valor de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) para a concretização das obras da creche. As emenda já estão disponíveis para a execução e até o momento nem a ordem de serviço foi dada, e a pergunta que fica é: Por que?

O deputado Leo de Brito também destinou uma emenda no valor de R$ 965.000,00 (novecentos e sessenta e cinco mil reais) para a ampliação do Ginásio Poliesportivo de Brasileia, mas até agora essa ampliação não aconteceu e nem se tem previsão para acontecer.

Leia Também:  Vereadora Tereza Xavier denuncia aluguel de uma Amarok e dos taxista

Marinete falou também sobre dois pedido que ela encaminhou para a secretaria municipal de saúde. Ao secretário Francélio, Marinete solicitou que analisassem “gentilmente” a possibilidade de estender o horário de atendimento nas Unidades. Na oportunidade Mesquita justificou a problemática com o Hospital Regional, mas até o momento a parlamentar afirma que não recebeu nenhuma resposta.

Já na sessão anterior, Marinete reforçou o pedido e usou como exemplo os mutirões que estão acontecendo no município de Epitaciolândia. Para a sua surpresa a vereadora Marinete descobriu que há um programa que está disponível para os municípios. O referido programa busca ampliar o acesso aos serviços de atenção primária à saúde por meio do funcionamento da Unidades Básicas ou Unidade de Saúde da Família com horário estendido e para facilitar ainda mais há recursos disponíveis bastando apenas o município aderir, basta somente querer.

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA