Política

Petecão lamenta pedido de vista ao projeto que pretende devolver horário antigo do Acre

O senador ressaltou que o retorno do horário é a correção de injustiça cometida contra o povo do Acre

Publicados

Política

O senador ressaltou que o retorno do horário é a correção de injustiça cometida contra o povo do Acre

O senador Sérgio Petecão (PSD-AC) disse que foi “no mínimo estranho” o pedido de vistas feito pela senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), ao PLC nº 43, 2013, de autoria da Presidência da República, que altera no Decreto nº 2.784 a fim de restabelece os fusos horários do Estado do Acre e de parte do Estado do Amazonas. A matéria esteve na pauta da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) na manhã desta terça-feira (20).

Petecão afirmou que não quer acreditar quer as mesmas forças que atrapalham o retorno do fuso no Acre possam estar articulando também no estado do Amazonas, e disse que já passou da hora de ser efetivada a decisão que a população expressou no referendo. “Não existe instrumento mais democrático que o referendo”, disse.

O senador relembrou que o horário acreano foi alterado por Projeto de Lei apresentado pelo então senador Tião Viana (PT-AC) sem qualquer consulta ao povo. “Não perguntaram se queriam ou não mudar o horário em que o povo vivia; a mudança repentina trouxe muito prejuízo à população”, afirmou Petecão.

Leia Também:  Moradores de Assis Brasil estão sendo “lesados” pelo o prefeito Betinho

Sérgio Petecão agradeceu ainda a sensibilidade de Aníbal Diniz (PT-AC) em apresentar relatório favorável ao retorno do horário. “Ele [Aníbal Diniz], conhece essa situação como todos os acreanos”, afirmou Petecão.

O presidente da CAE, senador Sérgio Souza (PMDB/PR), concedeu vistas coletivas ao projeto com o pedido feito também pela senadora Kátia Abreu (PSD-TO).

(Foto: assessoria/Petecão)

(Foto: assessoria/Petecão)

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Política

Com afastamento de Sérgio Petecão e Márcio Bittar, Acre terá dois novos representantes no senado federal

Publicados

em

Das três cadeiras do Acre no senado federal, duas estarão com gente nova no assento. Maria das Vitórias assumirá a vaga do Senador Sérgio Petecão (PSD) e Eduardo Veloso assume a vaga de Márcio Bittar (União Brasil).

Ambos são suplentes dos titulares, que ficarão em média de 4 a cinco meses fora do mandato e assim abrem espaços para as caras novas. Maria das Vitórias tem 79 anos de idade e já foi deputada estadual, secretária de Assistência social e era esposa do falecido Deputado federal João Tota.

A mesma assumirá a cadeira do seu titular Petecão, que se afasta para se dedicar exclusivamente a campanha de governo do Acre. Natural da Paraíba e vivendo a décadas em Cruzeiro do Sul, Maria das Vitórias tem uma grande credibilidade na região do Juruá e pode dar uma grande contribuição na campanha de Petecão, inclusive o o filho João Tota, será o vice na chapa de governo do PSD.

Eduardo Veloso é médico oftalmologista, um dos mais respeitados do estado e de uma família tradicional de Rio Branco. Eduardo foi cotado para ser vice de Gladson Cameli na última eleição e nos 45 do segundo tempo, foi trocado por Werles Rocha. Com tudo ele virou suplente de Márcio Bittar, que vai se afastar para fazer um tratamento de saúde e também se dedicar a campanha da esposa Márcia Bittar (PL), que disputará o senado na chapa de Gladson Cameli (PP).

Leia Também:  PSB, PSDB, Rede, DC e PPL devem anunciar nesta terça-feira apoio no segundo turno

Sobre o desempenho de ambos, só saberemos quando iniciar os trabalhos de verdade.

A posse dos novos senadores está marcada para ocorrer no final deste mês, dentro de poucos dias

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA