Política

Ligeirinho Da Fronteira Filia-Se Ao PSDC E Poderá Ser Candidato A Federal Pelo Alto Acre

Ligeirinho, tem conversado com vários amigos e familiares a cerca da possibilidade de ingressar na politica e tem recebido boas adesões.

Publicados

Política

Ligeirinho, tem conversado com vários amigos e familiares  a cerca da possibilidade de ingressar na politica e tem recebido boas adesões.

Momento em que o jornalista Almir Andrade assina a ficha de filiação – Foto: Alemão Monteiro

Momento em que o jornalista Almir Andrade assina a ficha de filiação – Foto: Alemão Monteiro

FOTO-ALEMÃO MONTEIRO

de Rio Branco-Chiquinho Chaves/Alexandre Lima

Em evento bastante participativo na noite desta sexta-feira 20, em Rio Branco, o repórter Almir Andrade, o Ligeirinho da Fronteira, assinou sua ficha de filiação ao Partido Socialista Democrático Cristão – PSDC, e deverá ser candidato a Deputado Federal nas Eleições de 2014.

Jornalista Almir Andrade   – Foto: Alemão Monteiro

Jornalista Almir Andrade – Foto: Alemão Monteiro

Ligeirinho, tem conversado com vários amigos e familiares  a cerca da possibilidade de ingressar na politica e tem recebido boas adesões. ” Não tenho dinheiro, mas tenho muita força de vontade de ver um representante do Alto Acre na Câmara Federal, destinando recursos para nossa regional. Cada Deputado Federal tem direito a destinar 15 milhões em emendas por ano, e o Alto Acre é órfão desse representante que faça isso por nós”, disse Almir.

No encontro de filiações em Rio Branco, o PSDC fez um balanço de sua história de mais de 70 anos de existencia, e do crescimento do partido a nível estadual (Dois Deputados Estaduais: Edivado Souza e Eber Machado e em Rio Branco tem dois vereadores: Artêmio e Gracinha da Baixada). ” A missão dada pela Nacional, é que nosso quadro seja ampliado e que teremos que eleger um Federal”, disse o presidente do PSDC José Afonso.

Almir Andrade se destaca na regional do Alto Acre e poderá criar uma das maiores chapas regional. O PSDC tem projeto de crescimento em todas as áreas políticas, desde vereadores, deputados estaduais e federais em todo o Estado até 2016, além de todo o País.

O PSDC, segundo o presidente estadual, estará fazendo parte da Frente Popular do Acre e apoiando o nome do atual governador Sebastião Viana, à reeleição nas eleições de 2014.

Também estiveram presentes, o atual presidente do Partido dos Trabalhadores no Acre, Leonardo Brito e o prefeito de Rio Branco Marcus Alexandre, onde demonstraram a satisfação em ter um partido que tem história na política nacional brasileira e vem crescendo a cada eleição, como parceiro num projeto político estadual.

Foto: Alemão Monteiro

Foto: Alemão Monteiro

  Foto: Alemão Monteiro

Foto: Alemão Monteiro

 Foto: Alemão Monteiro

Foto: Alemão Monteiro

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Coluna do Crica

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Política

Com afastamento de Sérgio Petecão e Márcio Bittar, Acre terá dois novos representantes no senado federal

Publicados

em

Das três cadeiras do Acre no senado federal, duas estarão com gente nova no assento. Maria das Vitórias assumirá a vaga do Senador Sérgio Petecão (PSD) e Eduardo Veloso assume a vaga de Márcio Bittar (União Brasil).

Ambos são suplentes dos titulares, que ficarão em média de 4 a cinco meses fora do mandato e assim abrem espaços para as caras novas. Maria das Vitórias tem 79 anos de idade e já foi deputada estadual, secretária de Assistência social e era esposa do falecido Deputado federal João Tota.

A mesma assumirá a cadeira do seu titular Petecão, que se afasta para se dedicar exclusivamente a campanha de governo do Acre. Natural da Paraíba e vivendo a décadas em Cruzeiro do Sul, Maria das Vitórias tem uma grande credibilidade na região do Juruá e pode dar uma grande contribuição na campanha de Petecão, inclusive o o filho João Tota, será o vice na chapa de governo do PSD.

Eduardo Veloso é médico oftalmologista, um dos mais respeitados do estado e de uma família tradicional de Rio Branco. Eduardo foi cotado para ser vice de Gladson Cameli na última eleição e nos 45 do segundo tempo, foi trocado por Werles Rocha. Com tudo ele virou suplente de Márcio Bittar, que vai se afastar para fazer um tratamento de saúde e também se dedicar a campanha da esposa Márcia Bittar (PL), que disputará o senado na chapa de Gladson Cameli (PP).

Leia Também:  Diretor do Hospital de Saúde Mental do Acre, Halisson Oliveira, é denunciado por assédio sexual e moral contra servidores

Sobre o desempenho de ambos, só saberemos quando iniciar os trabalhos de verdade.

A posse dos novos senadores está marcada para ocorrer no final deste mês, dentro de poucos dias

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA