Política

Câmara de Cruzeiro do Sul tem 14 vereadores, mais paga salario para 15

Os vereadores de Cruzeiro do Sul estão em recesso, mas foram convocados a participar de uma sessão extraordinária na manhã dessa quarta-feira

Publicados

Política

Os vereadores de Cruzeiro do Sul estão em recesso, mas foram convocados a participar de uma sessão extraordinária na manhã dessa quarta-feira

camara de cruzeiro do sul

Foi para atender ao requerimento do afastamento do vereador o José Mauri, mais conhecido por “Sinhor”, que foi convidado pelo prefeito do município, Vagner Sales, a substituir o Secretário Municipal de Obras Osmar Bandeira, que foi afastado de suas funções recentemente.

Com a saída do vereador Sinhor, o Legislativo acredita poder agora corrigir, na opinião do vereador Valdemir Neto, um erro cometido pela casa que está pagando quinze salários de vereador ao invés de quatorze apenas.

No lugar do vereador Marcos Lima Verde, do PMDB (que foi preso no ano passado acusado de cometer abusos contra menores) está o vereador Carlos Alves que assumiu a vaga, como primeiro suplente. Dois meses depois, a Justiça determinou que o salário do vereador Marcos Verde deveria continuar sendo pago pela Câmara.

De acordo com a atual presidência da Câmara de Vereadores de Cruzeiro do Sul, essas temáticas serão debatidas somente após o recesso. Antes mesmo de assumir o cargo de Secretário de Obras do município, Sinhor já leva uma enxurrada de reivindicações dos colegas do legislativo quanto à questão de ruas esburacadas e lixo na cidade.

Foto: Blog do Panthio
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em visita a comunidade do km 52, prefeita Fernanda Hassem anuncia melhorias e recuperação de 50 quilômetros de ramais

Propaganda

Política

Temos ex-secretário milionário, compra de bois, fazenda na Bolívia e apartamento fora do Acre, está escandalizada a corrupção em Brasileia, diz Marinete

Publicados

em

Veja o Vídeo:

A vereadora Marinete Mesquita não poupou palavras para enfatizar que a corrupção no município de Brasileia por meio da gestão da prefeita Fernanda Hassem está escandalizada, quando na verdade milhões de recursos foram aprovados para 2022 e não se sabe onde foram empregados.

Essa fala da parlamentar voltada para os casos de corrupção na gestão da prefeita Fernanda se deu devido o poder executivo enviar um projeto de lei solicitando crédito adicional suplementar, mesmo após a Câmara de Vereadores ter aprovado R$ 120.000.000,00 (cento e vinte milhões de reais) e mais 30% de remanejamento para o orçamento anual e o município está um caos.

Marinete cita que R$ 12 milhões foram destinados para a agricultura e os serviços não estão chegando para os produtores, sobretudo, os pequenos produtores. Mesquita questiona ainda com qual moral, com qual justificativa chega um projeto do executivo solicitando crédito suplementar e aonde foram gastos os R$ 120 milhões para que venham pedir mais dinheiro?

“Estão ignorando a nossa existência aqui e estão fazendo com propriedade porque quando chegam esses projetos imorais tem como resultado a aprovação. Então tem como fazer isso porque boa parte dos senhores não se prestam ao devido respeito que esta Casa deve ter e não adianta um ou dois vereadores ficarem aqui clamando, nós queremos as prestações de contas. Me diga em que foram dispensados esses 120 milhões para ter o poder de pedir crédito adicional”, destacou.

Leia Também:  Onda azul e o pagamento atrasado: Everaldo joga sua pá de areia em cima do caixão azul

Marinete afirma ainda que a falta de zelo de gestores com o erário públicos está feio! O escândalo está feio! A cara de pau desta gestão está feia! A falta de respeito com a população está demasiada, passou da conta.

“Eu não quero acreditar que este projeto será aprovado nesta Casa. Aí, sim! Eu vou utilizar-me do meu poder, das redes sociais e vou desmascarar esse município que inclusive a Federal está batendo nas portas aí, senhoras e senhores. Temos secretários aí, “ex-secretário” milionários, temos denúncias graves, de compra de bois com dinheiro na mão, com dinheiro na bolsa. É muito escândalo! Fazendas na Bolívia, apartamentos fora do Acre, casas reformadas é tanta coisa que eu não conseguiria fazer se eu ganhasse R$ 50 mil por mês, eu não conseguiria! Está escandalizada a questão da corrupção no município de Brasileia”, concluiu a vereadora Marinete Mesquita.

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA