Política

Bocalom volta ao tempo das cavernas e vai gastar mais de R$ 6 milhões da saúde para comprar mosqueteiros

Publicados

Política

Prefeito Bocalom vai gastar mais de R$ 6 milhões do SUS com a compra de mosqueteiros – Foto: Reprodução / Arte Alemão Monteiro

O descaso com os recursos públicos no Acre chega a ser gritante, como é o caso da prefeitura de Rio Branco, que por determinação do prefeito Tião Bocalom, vai adquirir 300 mil unidades de mosqueteiros para rede e cama, sem que haja uma justificativa plausível para tal fim.

A aquisição vai acontecer por meio do pregão eletrônico SRP nº 013/2022, que já foi assinatura no dia 30 de março do corrente ano, mas o mais intrigante de tudo é que o valor para custear essa compra trata-se de R$ 6.196.000,00 (seis milhões cento e noventa e seis mil reais) verba esta proveniente do Sistema Único de Saúde (SUS).

Este gasto exorbitante foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta segunda-feira (4), sem tratar no que esses mosqueteiros serão usados, pois até o momento a prefeitura não anunciou nenhuma campanha de distribuição de mosqueteiros para as famílias que mais precisa.

Leia Também:  Produtor rural preso por receptar gado furtado é solto após pagar R$ 10 mil de fiança

Vale destacar que essa grande quantidade de mosqueteiros daria para a tender todas as famílias de baixa renda e ainda sobraria. Bocalom poderia perfeitamente está usando o dinheiro do SUS para proporcionar dignidade da as famílias que buscam atendimento na rede de saúde municipal, mas ao invés disso prefere brincar com o dinheiro do povo.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política

Com afastamento de Sérgio Petecão e Márcio Bittar, Acre terá dois novos representantes no senado federal

Publicados

em

Das três cadeiras do Acre no senado federal, duas estarão com gente nova no assento. Maria das Vitórias assumirá a vaga do Senador Sérgio Petecão (PSD) e Eduardo Veloso assume a vaga de Márcio Bittar (União Brasil).

Ambos são suplentes dos titulares, que ficarão em média de 4 a cinco meses fora do mandato e assim abrem espaços para as caras novas. Maria das Vitórias tem 79 anos de idade e já foi deputada estadual, secretária de Assistência social e era esposa do falecido Deputado federal João Tota.

A mesma assumirá a cadeira do seu titular Petecão, que se afasta para se dedicar exclusivamente a campanha de governo do Acre. Natural da Paraíba e vivendo a décadas em Cruzeiro do Sul, Maria das Vitórias tem uma grande credibilidade na região do Juruá e pode dar uma grande contribuição na campanha de Petecão, inclusive o o filho João Tota, será o vice na chapa de governo do PSD.

Eduardo Veloso é médico oftalmologista, um dos mais respeitados do estado e de uma família tradicional de Rio Branco. Eduardo foi cotado para ser vice de Gladson Cameli na última eleição e nos 45 do segundo tempo, foi trocado por Werles Rocha. Com tudo ele virou suplente de Márcio Bittar, que vai se afastar para fazer um tratamento de saúde e também se dedicar a campanha da esposa Márcia Bittar (PL), que disputará o senado na chapa de Gladson Cameli (PP).

Leia Também:  Fernanda Hassem usa comunicação da prefeitura para publicar matéria falsa e atacar vereadora Marinete Mesquita

Sobre o desempenho de ambos, só saberemos quando iniciar os trabalhos de verdade.

A posse dos novos senadores está marcada para ocorrer no final deste mês, dentro de poucos dias

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA