RIO BRANCO

Política

61º BIS realiza palestra “Cruzeiro do Sul, passado e presente” em homenagem aos 117 anos do município

Publicados

Política

Durante a tarde da última quarta-feira, 29, o Comando de Fronteira do Juruá/61º BIS fez uma palestra sobre a cidade com a temática “Cruzeiro do Sul, passado e presente”. O prefeito Zequinha Lima junto com representantes da segurança e igreja participaram da ação.

A palestra foi uma cronologia do início do desenvolvimento de Cruzeiro do Sul até os dias atuais, citando nomes importantes como de Marechal Thaumaturgo de Azevedo, que foi um grande defensor das terras acreanas.

A apresentação foi ministrada pelo coronel Carlos Eduardo, comandante do Batalhão, ele ressaltou que essa é uma homenagem do 61º BIS para a cidade.

“A história do exército brasileiro está muito ligada a de Cruzeiro do Sul e temos por obrigação divulgar todo esse legado que foi construído por nossos antepassados para que possamos entender a nossa responsabilidade de defender esse legado, então parabéns Cruzeiro do Sul, essa foi uma forma de homenagear nossa belíssima princesinha do Juruá”, frisou ele.

O prefeito Zequinha Lima, que recebeu uma medalha, destacou que esse é um momento que vai sempre lembrar.

Leia Também:  Gabinete da Primeira Dama gera desperdício financeiro para o município de Assis Brasil

“Esse é um momento que vai ficar para sempre na memória, ver um comandante do exército que não é acreano e deu uma aula sobre a nossa cidade, isso é muito importante para os oficiais pois a maioria vieram de outros locais, e acredito que a partir de dessa palestra eles não serão mais os mesmos, porque agora eles tem um conhecimento mais profundo da nossa cidade”, endossou o prefeito.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados, aprovou por unanimidade, o parecer da Deputada Federal Mara Rocha ao Projeto de Lei 6606/19, que trata da Política Nacional de Economia Solidária. O Projeto de Lei cria o Marco Regulatório da Economia Solidária, implantando o Sistema Nacional de Economia Solidária e o Fundo Nacional de Economia Solidária.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Leia Também:  Governo do Estado recebe plano de reconstrução de Brasileia para análise

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política

Com expectativa de ampliação da cadeia produtiva do açaí no Estado, comitiva acreana vai ao Pará conhecer produção

Publicados

em

Na manhã desta quarta-feira, 1, o deputado Jenilson Leite (PSB), usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Acre para falar sobre a visita técnica que fará ao estado do Pará, onde visita a cadeia de produção do açaí na região. Na comitiva liderada pelo parlamentar, estão ainda outros parlamentares da Aleac, Prefeitos, Vereadores, Secretários e técnicos.

“O açaí no Pará se tornou um dos principais contribuintes na economia paraense, gerando mais de 5 bilhões para o PIB do estado e movimentando mais de 300 empresas”, disse Jenilson. O deputado ainda destacou que houve uma revolução agroindustrial na região, saindo do extrativismo e implementando cultivos do açaí no estado.

“Houve uma ousadia dos paraenses em sair do cultivo extrativista e iniciar plantios em várias regiões, sendo 90% do açaí produzido sendo de cultivo, ao contrário do nosso estado que é 98% sendo extrativista e nisso, os exemplos que estamos vendo devem ser implementados na vida dos acreanos”, destacou.

Jenilson ainda lembrou que o PIB do Acre é composto por 40% sendo de serviço público, agricultura e pecuária apenas com 10% e 2,3% sendo da indústria.

Leia Também:  Herança maldita: Dívida de campanha de Bocalom pode levar PSDB à Justiça

“Essa agenda de trabalho que está sendo conduzida pela Aleac, trará para o Acre a implementação de um forte programa que possa criar trabalho e renda para a população”, finalizou o deputado.

Projetos de Lei

O parlamentar já apresentou na Assembleia Legislativa do Acre projetos de lei voltados à certificação e incentivo. O primeiro PL apresentando foi o Selo do Açaí, instituindo o selo de qualidade do açaí.

E o segundo projeto é o Programa de Incentivo à Cultura do Açaí, que prevê assistência técnica para o plantio, colheita, transporte, comercialização e coleta dos caroços para a destinação de reuso dos resíduos.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: A presidente do SINTEAC Rosana Nascimento, falando sobre o Abono da rede municipal de Rio Branco.. “É o governador Gladson Cameli e suas presepadas…ele não respeita a Educação do Estado, não respeita os professores…ele nem sabe os valores que serão pagos.. nós estamos pedindo esse abano e o governo e a secretaria não nos recebe”, diz presidente do SINTEAC Rosana Nascimento.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Leia Também:  Governo do Estado recebe plano de reconstrução de Brasileia para análise

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA