Política Destaque

Eládio Cameli recebeu R$ 420 milhões nos oito primeiros meses de mandato de Gladson

Publicados

Política Destaque

Entre fevereiro e março de 2019, o saldo de uma conta de Eládio Cameli na Caixa passou de R$ 525 mil para R$ 50 milhões – Foto: Arquivo da Família

Um relatório do Coaf indica que Eládio Cameli, pai do governador do Acre, Gladson Cameli (PP), movimentou R$ 420,4 milhões em uma conta na Caixa Econômica, entre janeiro e agosto de 2019, diz o Estadão.

O período coincide com os oito primeiros meses de mandato de Cameli. Em dezembro, o governador foi alvo de uma operação da PF por um suposto esquema de corrupção. Sua chefe de gabinete chegou a ser presa.

Como mostramos, o relatório do Coaf apontou vinte comunicações de movimentações financeiras suspeitas envolvendo Cameli. As transações notificadas ultrapassam a marca de R$ 828 milhões.

O volume de dinheiro na conta do pai do governador chamou atenção das autoridades por causa do crescimento vertiginoso em relação ao mês anterior.

Entre dezembro de 2018 e janeiro de 2019, a conta recebeu R$ 107 mil. O maior salto, no entanto, acontece de fevereiro para março de 2019, quando o saldo bancário passa de R$ 525 mil para R$ 50 milhões.

Leia Também:  Prefeitura de Rodrigues Alves e Marinha firmam parceria no atendimento médico às comunidades ribeirinhas

O irmão do governador, Gledson Cameli, também está sendo investigado. Isso porque o governador tentou usar uma empresa registrada no nome dele para comprar um apartamento de R$ 5 milhões em São Paulo.

O outro lado

A nota:

O empresário Eládio Cameli, em razão do noticiário, vem a público esclarecer que:

• Ele e as empresas das quais é sócio não participaram de processos licitatórios ou de contratações diretas com o governo do Acre na atual gestão;

• Inexiste a movimentação de R$ 420 milhões em sua conta corrente;

• Todo seu patrimônio é fruto de décadas de trabalho, tendo como comprovar a origem lícita da integralidade do patrimônio;

• Ele confia na Justiça brasileira e espera que, ao final da investigação, seja verificada sua total isenção com relação a qualquer fato tratado na investigação.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O ex-deputado federal, Sibá Machado, gravou um vídeo polêmico onde fez um desabafo contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, o Juiz Sérgio Moro e o governador do Acre, Gladson Cameli. Sibá não perdeu a oportunidade de alfinetar o gestor em se tratando do escândalo de corrupção no qual para a Polícia Federal, Cameli é tido como o chefe de uma organização Criminosa que desviou quase R$ 1 bilhão de reais dos cofres públicos do Estado.

Leia Também:  Gladson Cameli diz que secretários que não quiserem apoiar Socorro devem sair do governo

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política Destaque

No governo Gladson Cameli, gestores do hospital de Brasileia estão tentando traficar órgão para a Bolívia, denuncia vereadora Neiva Badotti

Publicados

em

A vereadora do município de Brasileia, Neiva Badotti, fez uma revelação assustadora, na manhã desta terça-feira (16), sobre os gestores que foram nomeados pelo governador Gladson Cameli na Regional do Alto Acre, precisamente no município de Brasileia.

Em tribuna, a parlamentar afirmou e afirma ter prova de que na regional tem autoridades de saúde tentando traficar órgão para a Bolívia. Neiva destaca ainda a gravidade que é essa situação e que as autoridades competentes devem intervir.

A vereadora Neiva relata ainda que muitas outras situações graves estão acontecendo naquela regional e que ninguém faz nada. A mesma cita ainda que diante do que vem acontecendo no governo de Gladson Cameli, ele deveria pedir perdão para a população pelos gestores que ele tem colocado naquela regional.

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Gladson Cameli diz que secretários que não quiserem apoiar Socorro devem sair do governo
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA