RIO BRANCO

Política Destaque

Nomeada pelo governador Gladson Cameli, esposa de Minoru Kimpara foi aposentada da UFAC por invalidez, ganhou um cala boca

Publicados

Política Destaque

Minoru Kimpara, Degmar Ferreti, Gladson Cameli e Correinha – Imagem: Reprodução de arquivo pessoal

O rompimento do ex-reitor Minoru Kimpara (PSDB), para o grupo de aliados do governador Gladson Cameli (PP), continua repercutindo na imprensa e nas mídias sociais. O dia de segunda-feira foi de polêmicas, acusações entre a deputada Mara Rocha (PSDB), seu irmão Werles Rocha (PSL), contra a cúpula Tucana no Acre.

Minoru que foi trazido pelos irmãos Rocha para o PSDB, onde disputou e perdeu a eleição para prefeito de Rio Branco, teve sua esposa nomeada para um cargo de primeiro escalão no governo do Estado, o IMC – Instituto de mudanças Climáticas.

Acontece que a esposa de Minoru Degmar Ferreti, foi aposentada das funções de professora da UFAC, isso no ano de 2014 quando o próprio esposo Minoru assinou a portaria regulamentando o ato em questão.

No mundo jurídico, o tema divide especialistas, mas a grande maioria entende que, por receber a aposentadoria por invalidez a pessoa se mostra através de laudos legais, a incapacidade permanente para exercer qualquer tipo de atividade profissional.

Leia Também:  Os come quieto das diárias da Câmara de Rio Branco, Railson Correia e Raimundo Neném

Por isso ao ser aposentado dessa modalidade e deseja retornar a trabalhar, entende-se que o mesmo não necessita mais do benefício. Aposentada por invalidez não poder lecionar, mas pode ser secretária de estado?

Segue a portaria editada em 2 de maio de 2014

PORTARIA Nº 1.052, DE 2 DE MAIO DE 2014 O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE, no uso das atribuições legais que lhe conferem o Art. 80, Inciso III, do Regimento Geral, e o que consta no processo nº 23107.005532/2014-54, resolve: CONCEDER Aposentadoria por Invalidez, com proventos integrais, a servidora DEGMAR APARECIDA FERRETI, Professora do Magistério Superior, Classe Adjunto, Nível 601, Matrícula SIAPE n.º 2308492, Identificação Única nº 013084925, Grupo/Cargo 705/001, Código de Vaga nº 323973, lotada no Centro de Ciências Jurídicas, Sociais e Aplicadas, com fundamento no Art. 186, inciso I da Lei n.º 8.112/90.
DECLARAR vago, em decorrência, o cargo acima citado.
MINORU MARTINS KINPARA

Nossa reportagem tentou falar com a porta voz do palácio Rio Branco, mas até o fechamento da matéria não obtivemos êxito.

Leia Também:  Leila Galvão e mais 10 prefeitos estão impedidos de concorrer à reeleição deste ano. Todos tiveram a prestações de contas reprovada pelo Tribunal de Contas

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O empresário do ramo da construção civil, Candiru, transmitiu uma live para fazer alguns questionamentos semelhantes aos que o vice-governador Major Rocha fez recentemente, como por exemplo, os que tem vez no governo de Gladson Cameli que segundo Candiru e o vice são os parentes, os amigos mais próximos e as empresas de Manaus.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política Destaque

Gladson e assessores vão embarcar para Escócia recebendo mais de R$ 32 mil em diárias para participar da COP-26 Conferência das Nações Unidas para mudanças Climáticas

Publicados

em

Enquanto Pacientes do TFD viajam sem ajuda de custo na conta, as diárias do governador e assessores caem 4 dias antes das viagens – Arte Alemão Monteiro

Uma delegação do Acre vai embarcar nos próximos dias para Europa para acompanhar o governador Gladsom Cameli em mais uma viagem internacional, o destino é nada menos do que a capital da Escócia, local que sediará a COP-26 Conferência das Nações Unidas para mudanças Climáticas. Além do governador Gladson Cameli (PP), cada assessor embolsará quase 33 mil em diárias pela viagem.

Os pagamentos de alguns dos integrantes da delegação já foram lançados no Portal Transparência do estado, o que significa que o dinheiro público já está na conta para se manter durante a estadia na bela Europa. De acordo com informações repassadas a redação do site 3 de Julho Notícias, vindas direto do palácio Rio Branco, o montante poderá alcançar o valor total de quase R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) isso que todos que estão cotados para ir forem.

O que chama atenção, não é só a ida da delegação acreana (pessoas que não influenciam em nada, para ir a um evento internacional), com exceção do Governador que deve sim se fazer presentes em eventos como este, afinal, o Acre deve sim estar atento ao debate ambiental, por ser local onde a floresta está presente em grande quantidade. O que intriga também é a rapidez com que são pagas as diárias tanto para o governador como para os que lhe acompanham, sendo eles: secretários e assessores que se deslocam para agendas institucionais, seja no estado ou fora.

Leia Também:  Manifesto Solidariedade: Não foi um ataque por divergências políticas, mas uma ofensa à honra da prefeita Socorro Neri

O bom seria se esse mesmo tratamento fosse dado a um paciente que se desloca pelo TFD – Tratamento Fora de Domicílio, que viaja do interior para Rio Branco, ou para fora do estado a tratamento de saúde que apesar da pouca condição tem que se virar para arcar com as despesas, pois só depois e com muita dificuldade este mesmo paciente consegue um pequeno reembolso.

Muitas pessoas são obrigadas a embarcar para tratamento em outros centros do País, onde a família realiza bingos e rifas beneficentes ou até mesmo pedidos de ajuda nas redes sociais para arcar com os custos, sem um centavo de ajuda de custo por parte do Governo do Estado. Quando nos deparamos com uma onda de privilégios e dinheiro públicos pagos em diárias adiantadas gera grande revolta, pois quem realmente precisa quase não tem assistências.

O dinheiro pago a essa delegação deveria ser garantido para assistência do doente e seu acompanhante, ou quem sabe ser empregado na educação, onde escolas estão sendo obrigadas a realizar eventos para arrecadar fundos para se manter é sem dúvidas uma vergonha o que está acontecendo no Estado do Acre durante a gestão de pessoas despreparadas e sem competência.

A situação da casa de apoio para quem vem do interior fazer tratamento em Rio Branco é precária, pois já não comporta mais tanta demanda e as pessoas se viram para conseguir um amigo ou familiar que possa dar abrigo e apoio.

Leia Também:  Documento produzido pela Sefaz confirma que dinheiro tem, o que falta é gestão no governo Gladson Cameli

Como o valor de R$ 32.877,70 já está na conta dos integrantes da delegação acreana que irão a Escócia, estes podem fazer as malas felizes, preparar a câmera do celular para altas fotos, realidade diferente de quem viaja em busca de tratamento para a saúde.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti – “Não me manda recado, mais! Este tipo de recado é de quem deve, é de quem está com medo, eu vou continuar fiscalizando, denunciando doa a quem doer. Eu tenho certeza que essas denuncias não vão passar despercebidas, eu confio plenamente no Poder Judiciário na Policia Federal que não vão usar dois pesos e duas medidas para ninguém. Ninguém está acima da Lei, nem a senhora prefeita, nem o Governo do Estado e nem o presidente da República interfere na PF, não me mande mais recado!!”, concluiu a parlamentar.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA