RIO BRANCO

Política Destaque

Rocha diz que Máfia dos Precatórios foi o 1º indício de corrupção no governo e que Gladson sabia de tudo

Publicados

Política Destaque

“A corrupção no governo Gladson, envolvendo pagamento de R$ milhões em precatórios precisa ser esclarecido, espero não ver o Acre sendo destaque nacional por mais um grande escândalo”, disse Major Rocha.

A notícia que sacudiu os corredores do Palácio Rio Branco e tirou o sono do governador Gladson Cameli (PP), foi publica no site O Acre, pelo Jornalista Victor Farias e trata de um possível esquema nos pagamentos milionários de precatórios.

E um vídeo publicado em seu perfil de uma rede social e que repercute em diversos grupos de whatsapp, o vice-governador falou sobre o caso e disse que foi quem primeiro foi chamado pelo Magistrado que desconfiou dos pagamentos e alertou ao governador que nada fez.

“Os indícios de corrupção nesse governo estão em todas as partes, educação, saúde e tomou de conta do governo, que foi eleito para combater a corrupção, infelizmente caminha na contramão. Eu fui chamado no Tribunal de Justiça e lá o auxiliar do presidente me confessou os fatos e eu levei ao conhecimento do governador que nada fez, pois foram pagos milhões que precisam ser esclarecidos; quanto a sua legalidade”, disse Rocha.

O depoimento do ex-procurador Edmar Monteiro cita o procurador geral do Estado, João Paulo Setti e o presidente da OAB-AC, Erick Venâncio como envolvidos na “Máfia dos Precatórios” No depoimento prestado à Polícia Federal em três de fevereiro de 2021, o ex-Procurador Geral de Justiça do Acre, Edmar Monteiro, afirma que teve conhecimento através de assessores do governador Gladson Cameli (PP), que se encontrava instalado um esquema denominado informalmente de “Máfia dos Precatórios”.

Leia Também:  Na Aleac, Deputado Jenilson Leite disse que Gladson Cameli não cumpriu nem 15% do seu plano de governo

De acordo com o depoimento, o esquema funciona da seguinte forma: um grupo de pessoas dos altos escalões do estado, inclusive membros de todos os poderes, obtendo informações privilegiadas sobre o cronograma dos pagamentos dos precatórios, bem como dos pareceres jurídicos sobre aqueles, estaria procurando os recebedores de direito dos valores e comprando os precatórios por valores irrisórios.

Segundo o depoimento, entre os envolvidos estariam o atual Procurador Geral do Estado, João Paulo Setti, o atual presidente da OAB-Ac, Erick Venâncio, além de diversos advogados ligados a Venâncio.

De acordo com o jornalista Victor Farias, que teve acesso ao depoimento, o esquema envolveria a empresa P&H Contabilidade e Assessoria Empresarial Eirelli, pertencente à esposa do presidente da OAB-AC. Segundo o site O Acre, a esposa do presidente da OAB no Acre, teria a função de receber parte de alguns recursos dos precatórios.

Monteiro registrou uma queixa-crime

Edmar Monteiro teria levado o caso ao conhecimento do governador Gladson Cameli antes de denunciar à Polícia Federal. Na ocasião, o ex-Procurador Geral de Justiça do Acre, teria fornecido um processo cautelar pedindo bloqueio dos honorários de um advogado que também compõe o Conselho da Seccional da OAB-AC, onde a vítima relata que percebeu que foi ludibriada e deveria ser ouvida por reconhecer o suposto grupo criminoso. A vítima teria tido um prejuízo de R$ 1 milhão.

À época já teriam sido pagos mais de R$ 20 milhões em precatórios, atualmente, extra-oficialmente falam em cerca de R$ 120 milhões e de chantagem para obrigar a venda de precatórios.

Leia Também:  Em vídeo de 2019, Gladson promete casa para população, o grande programa habitacional está sendo construído a passo de jabuti

Assim que a matéria foi publicada, membros da chapa “Em Defesa da Ordem”, que luta pela reeleição de Erick Venâncio, acusaram o jornalista Victor Farias de ligações com integrantes da chapa opositora.

“Falácias para descaracterizar o teor da matéria. O site O Acre não possui qualquer ligação ou qualquer outro tipo de interesse em interferir no processo eleitoral, uma vez que nenhum dos responsáveis pelo site tem sequer direito a voto”.

Victor publicou uma nota de esclarecimento sobre essas acusações, que está no site O Acre.

Veja o Vídeo:

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O vereador Jurandir Queiroz tem sido uma pedra no sapato do governador Gladson Cameli, no município de Brasileia, isto porque tem mostrado os desmandos do Governo com seus setores existentes na Cidade, como é o caso do Depasa. Em outro momento, o governo anunciou a “grande” obra que seria o Departamento Estadual de Água e Saneamento do Acre (Depasa) de Brasileia, departamento este que sanaria todos os problemas com a falta de água que estava se tornando corriqueira no município.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política Destaque

Governo compra 400 kg de peixes de frigorifico de Vanda Milani, enquanto o pequeno produtor fica a mercê da própria sorte

Publicados

em

SESACRE compra 400 kg de peixes de frigorifico da deputada Vanda Milan i, para o HOSMAC consumir em novembro – Foto: Reprodução

De sociedade da deputada federal Vanda Milani – PROS e Sylas Pascoal Nogueira, um dos maiores empreendimentos de gêneros alimentícios da região, tem negócios com o governo do estado e fornece peixes e outros itens para unidades de gestão do governo do Acre.

Somente no mês de novembro, o frigorífico da deputada Vanda Milani, forneceu 400 kg de peixes para o Hosmac em Rio Branco.

O atendimento médico no único hospital de psiquiatria do Acre pode até ser ruim, mas pela quantidade de peixes adquiridos, os pacientes e funcionários estão de barriga cheia.

Os 400 kg comprando no mês de novembro, geraram um nota de R$ 9.088,00, quase 10 mil aos cofres do frigopeixe. Pode ser uma compra inexpressiva para uma grande empresa, mas por qual motivo essas aquisições não são feitas de pequenos produtores?

Uma pergunta para o pessoal da secretaria de saúde do governo Gladson Cameli responder.

Leia Também:  Governo envia tubos para recuperação provisória de rodovia que rompeu durante a chuva

A empresa Frigopeixe Monte Castelo Da Amazônia, que tem a razão social FRIGOPEIXE MONTE CASTELO DA AMAZONIA IMP. E EXP. LTDA, foi fundada em 06/01/2009. A empresa está localizada na Rodovia Ac 40, KM 25, : SENADOR GUIOMARD;, no bairro Zona Rural, em Senador Guiomard-AC.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Não vou munda meu voto, tenho costume de orar com minha palavra, diz vereador Jurandir. O clima na Câmara de Vereadores esquentou, após parte dos servidores da prefeitura de Brasileia tumultuar a sessão e descumprirem o Regimento Interno, por esse motivo, os vereadores chamou a atenção da Presidente da Casa, Arlete Amaral, por conta da sua inércia diante da situação vexatória. 

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA