Política Destaque

Enquanto acreanos sofrem com enchentes, Cameli e assessores passeiam nos EUA com dinheiro público

Publicados

Política Destaque

É impressionante como o governo de Gladson Cameli (Progressista) se mostra sem rumo e alheio as questões de interesse do povo acreano que clama por socorro por saúde, educação, e emprego mas o que Cameli oferece para a população e o seu desgoverno.

Enquanto cidades do estado sofrem efeitos com a cheia dos rios e igarapés, o líder que ao menos deveria estar a frente das ações de socorro as milhares de famílias, resolveu dar um rolê pelos Estados Unidos da América.

Entre estar perto do povo de Jordão no momento de dor e sofrimento e visitar feiras no Arizona e descansar em Maiame, advinha qual opção o governador escolheu? A segunda claro. O mais curioso é que para justificar os gastos com passagens e diárias dele e dois assessores, Gladson fez fotos em uma feira de armas no Arizona, aquela mesma feira que ele foi em 2020 e prometeu adquirir armamentos para a segurança do estado.

Enquanto PM e Bombeiros estão nas ruas manifestando e cobrando a promessa da titulação não cumprida, Gladson paga para um Policial de sua segurança R$12 mil e para o Coronel da reserva Ulisses Araújo mais de R$20 mil em diárias para que os mesmos o acompanhe na luxuosa viagem.

Leia Também:  Diz alguma coisa Nandinha!! Palácio Rio Branco quer definição de Fernanda Hassem. Ou sai ou fica no PT de uma vez por todas!

Por falar nisso, Ulisses se prepara para pedir voto dos colegas de farda nas eleições deste ano, pois ele deve ser candidato a deputado federal no palanque de Cameli. O difícil é ganhar votos quando se ignora a luta da própria categoria.

Os gastos total ainda não foram disponibilizados no portal Transparência, mas pela logística dos custos altos das passagens, não sairá menos de R$100 mil, dinheiro que daria para comprar milhares de itens e ajudar as famílias que sofrem com efeitos da alagação.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política Destaque

Governo determina que as máquinas sejam retiradas de Epitaciolândia, moradores não deixam e funcionários saem levando só as chaves

Publicados

em

Governador Gladson Cameli ordena ao DERACRE a retirada imediata do maquinário que estavam no município de Epitaciolândia – Foto: 

Gladson Cameli parece que está brincando de ser governador, pois a instabilidade nas decisões governamentais vem causando transtornos a população acreana. Prova disso é que após o maquinário do Departamento de Estradas de Rodagens do Acre (Deracre) ser levados para o município de Epitaciolândia, com a permissão no governador segundo informações, agora, Gladson (que é conhecido por não cumprir sua palavra) mudou de ideia e determinou que as máquinas fossem retirados do município por pura vaidade politica e deixa comunidades rurais a mercê, uma vez que a prefeitura depende desses maquinário para abertura e melhorias de ramais.

De acordo com denúncias dos moradores de Epitaciolândia, por volta de 12:00 horas, servidores do governo, por determinação do governador, chegaram no local para retirar as máquinas do município, mas houve resistência por parte da população para que o maquinário não fosse retirado, em virtude desta situação, os servidores não retiraram as máquinas, mas saíram levando as chaves de todo o maquinário para que não sejam usados.

Leia Também:  Enquanto Ordean Silva pede para o povo de Guajará ter cuidado com a Civid-19, Secretária de Assistência Social faz arraial clandestino em sítio

O fato das máquinas do DERACRE estarem no município de Epitaciolândia é que no dia 26 de Junho de 2021, o Governador Gladson assinou um convênio com as prefeituras da região do Alto Acre para a implementação do programa Ramais Acre, e agora chegou a vez de Epitaciolândia ser contemplada, mas segundo informações, por motivos políticos, Gladson resolveu descumprir o convênio celebrado anteriormente, comprometendo o direito de ir e vir do produtores rurais do referido município.

A população de Epitaciolândia agora irá pagar um preço muito alto por ter um governador que não tem palavra, falta com a verdade corriqueiramente e não cumpre com os compromissos governamentais como é o caso do convênio que ele resolveu descumprir pelo fato de estar preocupado somente com a sua reeleição, embora que isso cause prejuízos para a população.

O programa Ramais Acre visa a abertura e recuperação de estradas vicinais (ramais e estradas municipais), que pretende criar condições necessárias para o fortalecimento e consolidação do agronegócio como nova alternativa de desenvolvimento econômico e social, mas com essa decisão do governador Gladson em retirar o maquinário do DERACRE, derruba o discurso fajuto de Cameli sobre o fortalecimento do agronegócio.

Leia Também:  Pista inaugurada no sábado pelo governador Gladson Cameli, já apresenta falhas na estrutura e precisa de reparos

A redação do jornal 3 de Julho Notícias tentou contato com a assessoria de comunicação do Governo, mas até a publicação desta matéria não obtivemos êxito, desde já o espaço fica aberto caso os mencionados queiram fazer algum esclarecimento a respeito do assunto.

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA