RIO BRANCO

Política Destaque

Emenda de R$ 126 milhões do senador Marcio Bittar para a Santa Casa merece ser investigada pelos órgãos de controle federais

Publicados

Política Destaque

Os órgãos de controle federais têm a obrigação de verificar como R$ 126 milhões serão aplicados na Santa Casa da Amazônia, que um dia foi chamada de Santa Casa de Misericórdia. Isso é o mínimo a ser feito para que não paire qualquer dúvida. Clique aqui e veja mais no Portal do Rosas

Essa investigação se faz necessária para que venha à luz se houve ou não legalidade na alocação de emenda parlamentar feita pelo senador Marcio Bittar (MDB) para fazer investimentos na unidade de saúde.

Semana passada, a população acreana foi pega de surpresa com um investimento tão vultoso numa unidade de saúde particular, quando as unidades públicas no Estado e nos municípios se ressentem do básico para funcionar.

É de domínio público que a Santa da Casa de Misericórdia foi à falência, que teve os seus bens indo a leilão para pagar dívidas com funcionários. Será que, de repente, tudo foi normalizado?

Segundo fonte deste Portal, toda trama passa pela Santa Casa do Amazonas, que, não faz, muito tempo, foi à leilão também para arcar com despesas junto ao Fisco e a funcionários.

Leia Também:  Deputado Jesus Sérgio se reúne com freteiros e cobra do Governo do Acre regularização da categoria

Ninguém é culpado de nada, até que haja prova ao contrário. Por isso, é importante a investigação.

Na solenidade pomposa do lançamento da pedra fundamental da “nova Santa Casa” vários políticos estiveram presentes, rasgando elogios ao “proprietário” do hospital José Alex.

José Alex foi deputado federal, assumiu na vaga de Hildebrando Pascoal, que perdeu o mandato em setembro de 1999, sob a suspeita de mandar executar desafetos por meio de motosserra.

Alex, há pouco tempo, foi considerado foragido da Justiça. Ele fora condenado a 13 anos de prisão por ter falsificado o certificado de um curso nunca feito em Brasília, em 1999.

Foi interessante ver o vice-governador Wherles Rocha e os senadores Sérgio Petecão (PSD) e Marcio Bittar aplaudirem os feitos de Alex.

Essa turma diz ser contra todos os tipos de irregularidades. Certamente defendem uma apuração na forma como os recursos serão aplicados.

Ano que vem haverá eleição. Comenta-se nos bastidores que a esposa de Marcio Bittar, a senhora Márcia Bittar, terá muito dinheiro para disputar uma vaga no Senado. É bom verificar a origem dessa grana.

Leia Também:  Ministério Público Federal entra na Justiça para descentralizar pagamento de auxílio emergencial no Acre

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Major Rocha, participou, representando o Governo do Acre, da abertura do Seminário Regional Etnodesenvolvimento e Sustentabilidade, promovido pela Secretaria de Governo da Presidência da República e Fundação Nacional do Índio (Funai). ‌Ofertar aos povos indígenas a oportunidade de decidir o próprio futuro parece simples? Pelo contrário, graças ao massivo discurso de desenvolvimento sustentável que no Acre ganhou novas tonalidades com a “Florestania” dava-se a entender que tudo que era feito pelos governos era decidido pelas comunidades, mas nada passava, segundo eles, de opções diante dos caminhos expostos.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política Destaque

Os Bittar sufocaram Gladson: Mailza Gomes, Alan Rick, Vanda Milane e Jéssica Sales, apenas se conformem em ter que pedir votos para Márcia Bittar

Publicados

em

Por

Márcia Bittar e Gladson Cameli, em um dos muitos eventos que andam juntos. Imagem/Arquivo pessoal de Márcia Bittar

Quem acha que a vaga de candidatura ao senado na chapa do governador Gladson Cameli não está definida, precisa sair da bolha da esperança. Márcia Bittar e seu ex-esposo Márcio, fizeram articulação que os bambambãs do palácio deixaram de fazer.

O debate mais acirrado dentre os aliados do governo de Gladson Cameli (PP), acontece que como Gladson já afirmou que o vice não entrará na guerra de partidos e que ele próprio irá escolher, as atenções se voltam para a guerra para ver quem indicaria a vaga de senado na chapa; esta já praticamente definida que será de Márcia Bittar.

A sorte de Márcia, não foi somente ser Bolsonarista , mas ter como defensora de sua candidatura, o senador e ex-esposo Márcio Bittar. Márcio é o relator do Orçamento Geral da União de 2021 e aproveitou para render Gladson.

Com estado cheio de necessidades financeiras, Bittar sufocou o governo e vários prefeitos, os deixando refém de muitos recursos a ser indicados pelo relator do orçamento, isso serviu de moeda de troca. Márcio mexeu bem os pausinhos e deixou os demais pretendentes; Alan Rick-DEM, Vanda Milane – PROS, Jessica Sales – MDB e a presidente do PP, senadora Mailza Gomes, que sequer consegue achar uma articulação que garanta sua tentativa de disputar o mandato em 2022.

Leia Também:  Gestão comprometida: Prefeitura de Guajará irá pavimentar 25 ruas, o maior investimento em infraestrutura dos últimos anos

Nenhum esforço e montagem do desenho foi feito por Gladson e seu fraco time de assessores, isso resultou em uma lambada dos Bittar. Márcia só não será a candidata ao senado de Gladson se acontecer algo muito fora do normal, o que dificilmente ocorrerá.

Ao restante dos derrotados, cabe se organizar e disputarem reeleição para federal, isso em um ambiente difícil e acirrado.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti solicita do secretário de Ação Social providências sobre as crianças Haitianos que fica na ponte todo os dias pedindo dinheiro, e que o Poder Público proporcione dignidade para essas crianças. Neiva solicita também que seja encaminhado um oficio para a gerente do hospital para saber se chegou algum saco funerário doado pela prefeitura, comprado com o dinheiro do covid, e que solicita que seja agendado novamente a reunião com a secretaria de segurança pública do estado, para se tratar sobre o IML, pois a mais de 20 anos o problema se arrasta e até o momento nada foi resolvido.

Leia Também:  Deputado Jesus Sérgio se reúne com freteiros e cobra do Governo do Acre regularização da categoria

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA