Política Destaque

Deputado Roberto Duarte diz que Gladson Cameli é incompetente. Tanta falta de gestão! Tanta falta de planejamento!

Publicados

Política Destaque

Veja o Vídeo:

Durante a sessão desta terça-feira (17) que aconteceu na Assembleia Legislativa do Estado do Acre – ALEAC, o deputado estadual Roberto Duarte iniciou falando da incompetência na gestão de Gladson Cameli que tem afetado todos os seguimentos da administração pública, mas o parlamentar falou especificamente da Diretoria de Esportes do Governo de Gladson Cameli.

O parlamentar afirma que alocou uma emenda a este departamento, no valor de R$ 70.000,00 (setenta mil reais), apresentado em 2020 para execução em 2021, com o objetivo de contemplar inúmeras escolinhas que tem projeto social para a compra de bolas e redes para as traves de futebol, mas até agora esse material não foi adquirido, mesmo o deputado tendo cobrado mais de cinquenta vezes por essa aquisição.

De acordo com Duarte, esta situação mostra a incompetência da gestão do atual governador, e essa não é a única emenda que está pendente, ainda em 2020 ele alocou outra emenda no valor de R$ 190.000,00 (cento e noventa mil reais) para a aquisição de um castra móvel e até hoje, nada! Por esse e muitos outros motivos, o deputado afirma que isso é crime de responsabilidade e que irá denunciar no Ministério Público.

Leia Também:  Major Rocha prestigia a troca de Comandos e critica Gladson pelas promessas que não cumpriu com a categoria

“Chega dessa balburdia! Quero saber aonde estão as emendas dos deputados estaduais?! Chega de tanta balburdia! Chega de tanta incompetência!… A gente perde a paciência, não têm quem suporte tanta incompetência! Tanta falta de gestão! Tanta falta de planejamento! Quantos cargos comissionados têm nesse governo? Quantos secretários? Quantas diretorias? O que estão fazendo pelo povo do Acre?”, questiona o deputado Roberto.

O deputado Roberto Duarte também não poupou palavras para relatar o abandono do Governo com todos os municípios do Estado do Acre, usando como bom exemplo o parlamentar falou sobre a Cidade natal do Governador Gladson Cameli, a segunda maior cidade do Acre (Cruzeiro do Sul) que encontra-se em total abandono.

A pista de caminhada apresenta inúmeros problemas de infraestrutura problemas este que coloca em perigo a própria população, dentre os problemas estão: urubus, ponte quebrada, bancos destruídos, iluminação pública deteriorada e esta não é uma realidade só de Cruzeiro do Sul, os demais municípios vivem esta mesma realidade.

Veja o Vídeo:

Leia Também:  Na administração Cameli, MP instaura procedimento para investigar possível fraude no concurso dos Bombeiros

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política Destaque

Quase chorando em grupo de whatsapp, Gladson pede para aliados pararem de qualquer opinião sobre vice porque está lhe prejudicando

Publicados

em

Em se tratando de Marcia Bittar, é problema na certa! Prova disso é a insatisfação do grupo do governador, que se dividiu após Gladson aceitar Marcia como sua vice, ocasião em quê, a angústia e desespero está tomando conta do despreparado governador do Acre que vem tendo muitos problemas por ter aceitado a referida senhora de goela abaixo.

Em um grupo de whatsapp dos aliados do Governador Cameli, denominado de “Primeiro Turno”, diante de tantas críticas, Gladson apelou e publicou uma mensagem nada agradável onde em tom de lamentações pede para que aliados pararem de qualquer opinião sobre vice porque está lhe prejudicando e pede união.

Na mensagem, Gladson ainda garante que até o último dia de seu mandato como governador, todos estarão seguro; difícil de se acreditar pois o que Cameli diz, não se escreve.

“Amigos vcs parem de qualquer opinião sobre vice pq isso está me prejudicando por favor se concentrar em fazer um trabalho de unir todo mundo. Depois não chorem o leite derramando, garanto que até 31 de dezembro todos estão seguro. Pergunta: Querem mais 4 anos? Se sim vamos agir”.

Leia Também:  Líder comunitário diz que Gladson Cameli abandonou os conjuntos habitacionais de Cruzeiro do Sul

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA