Política Destaque

Deputado Bestene abandona reunião com Gladson e diz que vai romper com o governo

O ex-parlamentar não teria gostado do tom da conversa e nem do acordo proposto

Publicados

Política Destaque

Um dos deputados mais insatisfeitos com a decisão da exoneração dos 340 cargos comissionados na tarde desta quinta-feira, era o deputado estadual e ex-presidente do Progressistas no Acre, José Bestene.

Após o início da reunião na noite desta quinta-feira (19), com a presença do vice-governador Werles Rocha (PSDB), Bestene tomou uma tira decisão: Vai abandonar a base do governo Gladson Cameli.

O deputado Bestene não gostou do tom da conversa e nem do acordo proposto pelo governo. Por isso, radicalizou e a partir de agora, deve integrar a base da oposição à Cameli.

“Bestene, durante o início da gestão, perdeu a Secretária de Saúde do Estado do Acre (Sesacre), que era comandada pelo seu sobrinho Alysson Bestene. Desde então, não vinha comungando as ideias governamentais”, disse um aliado do governo.

Por Saimo Martins / contilnet

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Secretário de Saúde, Alyson Bestene, foi sabatinado na Câmara de Rio Branco, sobre a organização para conter, pacientes suspeitos de coronavírus

Propaganda

Política Destaque

Enquanto a diária do servidor público custa R$ 150 reais (diária miserável), a do Governador custa mais de R$ 1.700 reais, denuncia Daniel Zem

Publicados

em

“Gladson despreza a nossa história mas se apega às suas diárias”, afirma Daniel Zen

Acreinfoco – O deputado estadual Daniel Zen (PT-AC) comentou, em sessão ocorrida nesta terça-feira (05), na ALEAC, sobre o vandalismo praticado contra a estátua de Chico Mendes, localizada na Praça Povos da Floresta, no centro de Rio Branco, capital do Acre.

“Chico não é só Patrono do Meio Ambiente Brasileiro e Herói Nacional, com o nome inscrito no Livro dos Heróis da Pátria. Ele é um dos fundadores da Aliança dos Povos da Floresta, criador do conceito de sócio-ambientalismo. Seu legado transborda o Acre e o Brasil, pois sua luta teve, tem e terá importância mundial: ontem, hoje e sempre. O ataque à sua estátua – e o descaso do governo em reparar os respectivos danos – são ataques a tudo o que ele representa. Chico merece muito mais respeito!” afirmou o deputado de oposição ao governo bolsonarista de Gladson Cameli (PP-AC).

Zen ainda prosseguiu: “Enquanto o governo permite que a memória de um de nossos mártires seja violada, desprezando nossa cultura em uma tentativa insistente de reescrever a nossa história, o governador publica um decreto aumentando o valor de suas diárias para deslocamentos para fora do Estado para mais de R$ 1.400,00.”

Leia Também:  Será que a câmara de Rio Branco terá que agir no seu direito constitucional para a prefeitura poder agir? Questiona N.Lima

Entendendo se tratar de uma situação absurda e vexatória, o Líder do Partido dos Trabalhadores na ALEAC complementou: “Enquanto o trabalhador assalariado tem que escolher entre pagar a talão de luz, comprar a botija de gás ou adquirir uma cesta básica para dar de comer à sua família, uma única diária do governador equivale a mais de um salário mínimo. Com esse valor, dava pra consertar a estátua do Chico, devolvê-la para o seu lugar e, assim, demonstrar algum respeito pela memória dos acreanos”, concluiu o parlamentar

Veja o Vídeo:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA