Polícia

Urgente: Grave acidente é registrado na BR-317 e deixa pelo menos 5 vítimas fatais, veja o vídeo

Publicados

Polícia

Na manhã desta quarta-feira (27), um acidente gravíssimo envolvendo uma van que transportava vários passageiros, foi registrado em um trecho da BR-317, precisamente próximo da Comunidade Araxá, onde segundo informações, ao menos 5 vítimas foram a óbito e 11 feridos.

Informações extra oficiais dão conta de que o deputado estadual Antônio Pedro teria alugado essa van de placa QLV9C85 para transportar pacientes que tinham que fazer o procedimento de hemodiálise em Rio Branco, com isso, após todos embarcar na Van, o veículo saiu nas primeiras horas do dia do município de Xapuri, com destino a Rio Branco.

Ao se aproximarem de Araxá, houve uma colisão entre a Van e um caminhão baú, com o impacto da batida algumas dessas vítimas tiveram seus membros dilacerados, não se sabe que teria causado este acidente que vitimou pelo menos 4 pessoas, as vítima eram do bairro da Sibéria.

Condutor da van chega ao PS de Rio Branco – Foto: Reprodução

Vítimas encaminhadas ao Pronto Socorro de Rio Branco:

Lenilda Silva, 20 anos;

Mayane do Nascimento Mendonça, 19 anos

Jean Lopes Oliveira Júnior, 31 anos (motorista da van);

“Os pacientes já estão aqui, todos foram atendidos e estão sendo encaminhados para fazer exames e estão sendo avaliados por cirurgiões. São quatro vítimas do acidente que estão aqui no Pronto Socorro”, disse Dora Vitorino, diretora do PS.

Conforme o comando dos bombeiros na cidade, a van seguia de Xapuri para Rio Branco e bateu em um caminhão. O motorista do caminhão teria sofrido apenas escoriações. A Polícia Rodoviária Federal (PRF-AC) informou que seriam pelo menos 16 passageiros, sendo que vários ficaram feridos.

Leia Também:  Homem é encontrado amarrado e morto a tiros, em Rio Branco

A violência da batida foi tão grande que a van perdeu toda a lateral e a porta do veículo ficou presa ao caminhão.

“Fomos acionados. A nossa equipe está no local e, a princípio, a informação que temos é que foi uma colisão entre uma van e um caminhão. Até o momento já foram identificados cinco óbitos, segundo a informação da equipe que está no local, alguns na van, outros no meio da estrada”, informou a comandante dos bombeiros de Xapuri, tenente Laiza Mendonça.

Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram enviadas ao local para atender os sobreviventes.

De acordo com o Samu, os óbitos são todos de mulheres e entre os feridos estão três mulheres e um homem. Equipes da PRF fazem o isolamento do local. As vítimas ainda não foram todas identificadas.

Equipes do Instituto Médico Legal (IML) também foram deslocadas para o local do acidente. Por volta de 9h40, uma mulher identificada como Mayane Mendonça, de 19 anos, que foi transportada da ambulância de suporte avançado do Samu, chegou ao PS.

“Um momento de muita dificuldade não apenas para nós, mas para todas as famílias que foram alcançadas por essa tragédia. Nesse momento, a gente fica feliz em saber que ela sobreviveu. Ela procurava atendimento médico, se deslocava acompanhada da sua sogra e infelizmente aconteceu essa tragédia”, disse Consílio Oliveira, padrasto de Mayane.

Em seguida, o motorista da van chegou ao PS em estado de choque. Ele sofreu ferimentos leves.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde do Acre (Sesacre) lamentou a tragédia e afirmou que todo apoio está sendo prestado às vítimas.

Leia Também:  Deputado Estadual Leo de Brito quer leis mais rígidas para crimes de apologia ao nazismo

“A Sesacre se solidariza com os familiares e a sociedade, colocando-se à disposição para mais esclarecimentos, salientando que todo o apoio está sendo prestado, com cinco viaturas do Samu e o apoio aéreo necessário.”

Ouça o áudio l:

Ouça o áudio ll:

Ouça o áudio lll:

Veja na nota da Sesacre na íntegra

Nota de esclarecimento

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) vem a público informar a situação das vítimas do acidente ocorrido na manhã desta quarta-feira, 27, na BR-317, próximo à região do Araxá, em Xapuri.

As equipes do Atendimento Móvel de Urgência (Samu) se dirigiram ao local para prestar socorro às vítimas e, de acordo com as primeiras informações enviadas, em razão da gravidade do ocorrido, infelizmente cinco óbitos foram confirmados.

Além disso, quatro pessoas ficaram feridas e estão sendo encaminhadas para o Pronto-Socorro de Rio Branco, cujas equipes estão preparadas para o atendimento especializado. Os corpos das vítimas fatais também serão encaminhados para a capital, para a realização dos devidos procedimentos.

A Sesacre se solidariza com os familiares e a sociedade, colocando-se à disposição para mais esclarecimentos, salientando que todo o apoio está sendo prestado, com cinco viaturas do Samu e o apoio aéreo necessário.

Paula Augusta Maia de Faria Mariano

Secretária de Estado de Saúde do Acre

Veja as fotos abaixo proibido para menores de 18 anos

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Homem é morto e mulher ferida por dupla encapuzada na região do Caquetá, em Porto Acre

Publicados

em

Antônio André de Araújo, de 41 anos, foi morto ao ser alvejado com vários disparos de arma de fogo. O crime ocorreu no Ramal Santa Bárbara, região do Caquetá, em Porto Acre. Uma mulher ficou ferida no braço, mas sem gravidade.

A Polícia Militar foi acionada no sábado (30) para atender a ocorrência e, ao chegar no local, encontraram duas mulheres, que disseram ter passado a noite com Araújo e de outro homem e que eles estavam armados e teriam agredindo-as fisicamente.

Já na manhã de sábado, apareceram duas pessoas encapuzadas e armadas com pistolas e começaram a atirar contra elas e os dois homens.

Foi quando a vítima foi alvejada com vários tiros e não resistiu. O outro homem conseguiu fugir e não foi localizado. Uma das mulheres chegou a ser ferida no braço, foi encaminhada ao Pronto Socorro de Rio Branco, recebeu atendimento e liberada depois, segundo informações da polícia.

As mulheres escaparam com vida porque fugiram e se esconderam em outra propriedade. Ainda segundo informaram à polícia, a dupla encapuzada levou as armas e celulares de todos que estavam na casa.

Leia Também:  “O povo do Acre não aguenta mais tanta enrolação”, diz deputado Leo de Brito ao denunciar descaso de Bolsonaro com a BR-364

A Perícia e Instituo Médico Legal (IML) estiveram no local e fizeram os procedimentos de praxe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA