RIO BRANCO

Polícia

PRF apreende maconha dentro de ônibus no trevo de Xapuri na BR 317

A maconha somou mais de um Kg e seria entregue no município de Brasiléia o suspeito foi conduzido para a delegacia de Xapuri.

Publicados

Polícia

A maconha somou mais de um Kg e seria entregue no município de Brasiléia o suspeito foi conduzido para a delegacia de Xapuri.

A Policia Rodoviária Federal, pararam um ônibus de linha intermunicipal na BR 317 (KM 237), em frente ao Posto PRF no entroncamento de Xapuri, que faz a linha Rio Branco/Brasiléia no horário noturno, conhecido como ‘corujão’.

Dentro do coletivo foi abordado um homem maior de idade (nome não divulgado), indagado sobre as razões, destino e duração da viagem, ele não convenceu a equipe policial a respeito do que falava, tendo em vista as contradições de seu discurso e do nervosismo aparente.

Diante da suspeita, foi efetuada busca pessoal no indivíduo e nos seus pertences, mas nada foi encontrado. Insistindo na busca, foi encontrado atrás da última poltrona do coletivo, uma sacola envolta numa jaqueta jeans.

Dentro da sacola havia aproximadamente 1.080,00 gramas de substância com características de maconha. Após entrevista preliminar e buscas nos outros passageiros do coletivo, chegou-se a certeza de que a droga estava sendo transportada pelo conduzido, fato por ele mesmo confirmado.

Leia Também:  PM cumpre mandado de busca e apreensão em escola de Cruzeiro do sul

Segundo o cobrador da empresa, o conduzido vinha na última poltrona do coletivo desde o município de Senador Guiomar e mudou de cadeira no momento em que o ônibus foi abordado pela equipe PRF.

Mesmo assim, o passageiro estava sentado mais ao fundo do veículo e mais próximo de onde estava a droga. Além disso, a jaqueta que envolvia a droga era muito semelhante ao resto da roupa que trazia consigo na sua mochila.

Após ser retirado do coletivo, ele confirmou que recebeu a droga na rodoviária da Capital acreana de uma pessoa que ele diz não conhecer. Disse ainda que levaria a droga até Brasiléia e que entregaria na própria rodoviária para uma pessoa que diz também não conhecer.

Por fim , falou que receberia R$ 500,00 pelo transporte e entrega do entorpecente. Diante do flagrante delito, foi efetuada a prisão do indivíduo, que foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Xapuri, para procedimentos de praxe.

Suspeito foi conduzdio para a delegacia de Xapuri

Com Informações PRF

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Polícia

Homem conhecido por Sombra é preso enquanto carregava corpo com pernas decepadas em barco pelo Rio Môa

Publicados

em

Homem é flagrado enquanto carregava corpo de vítima torturada em barco na zona rural do AC – Foto: Arquivo

Claudinei Sombra dos Santos, de 19 anos, foi flagrado enquanto carregava o corpo de um homem dentro de um barco pelo Rio Môa, na zona rural do município de Mâncio Lima. A vítima, que ainda não foi identificada, foi morta com tiros e teve as pernas decepadas. O corpo segue no Instituto Médico Legal (IML) em Cruzeiro do Sul.

Segundo o portal G1 Acre, o suspeito descia de barco pelo rio saindo da comunidade Timbaúba em direção a Mâncio Lima, quando passou pela base do Exército na comunidade São Salvador. Foi então que os militares fizeram uma abordagem e perceberam que ele estava muito nervoso e, ao verificarem o barco, encontraram o corpo da vítima.

A polícia foi acionada e foram enviadas duas equipes – uma da Polícia Civil e outra da Polícia Militar – para fazer o translado do corpo e a condução do preso. O local onde o suspeito foi flagrado fica a cerca de 10 horas de barco da cidade de Mâncio Lima e ele foi preso nesse domingo (16).

Leia Também:  Menores assaltam salão de beleza e levam dinheiro e celular em Tarauacá

Conforme o delegado responsável pelas investigações, José Obetaneo do Santos, a motivação do crime ainda está sendo apurada.

“Vamos concluir o flagrante e verificar qual foi a verdadeira motivação desse crime. Na conversa preliminar com o acusado, ele apenas disse que se desentendeu com esse homem e que não o conhecia e que por conta desse desentendimento veio o dolo de matar e ele matou. O médico legista disse que ele foi alvejado por disparo arma de fogo e teve as pernas decepadas. A vítima foi torturada”, disse o delegado.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA