Polícia

Policial militar espanca suposto usuário de drogas no centro

Publicados

Polícia

Agressão aconteceu no centro da cidade, em frente ao Fórum do Tribunal de Justiça

Veja abaixo as imagens capturadas em vídeo:

Praça da Justiça, em frente ao Fórum do Tribunal

Praça da Justiça, em frente ao Fórum do Tribunal

FONTE-JANELÃO.NET

Um policial militar foi flagrado na manhã desta quarta-feira, 25, espancando um jovem que, supostamente, seria usuário de drogas e teria usado maconha na Praça da Justiça, em frente ao Fórum do Tribunal de Justiça e atrás da catedral Nossa Senhora de Nazaré. O militar não portava no colete o adesivo com a sua identificação.

Parte da agressão foi filmada pelo jornalista Tião Vitor e publicada na manhã desta sexta-feira, 27, no You Tube. Nas imagens é possível ver com clareza o policial dando um chute no rosto do rapaz que está caído ao chão.

Antes, porém, o militar teria atingido o rapaz com diversos golpes de cassetete nas costas, obrigando-o a abrigar-se no chão para evitar mais agressões.

“Foi a partir desse momento que comecei a filmar, mas houve muitos outros golpes antes”, revelou o jornalista. “O policial não demonstrou nenhum pudor em sua ação. À luz do dia, em um lugar de tanto movimento de pessoas que se dirigem ao fórum ali perto, ele não se preocupou de esconder o ato criminoso”, complementa Tião Vitor.

Tudo teria começado, explicar o jornalista, quando dois policiais militares abordam o jovem que, supostamente, teria usado maconha instantes antes. “O rapaz ia caminhando cerca de uns dez metros à frente dos policiais. Eles o chamaram; ele parou e o policial agressor tirou o cassetete da cintura e perguntou: ‘você ainda vai fumar maconha aqui?’. Antes que ele respondesse, o policial já passou a desferir os golpes de cassetete”, relata.

Ainda de acordo com o jornalista, ao perceber que estava sendo filmado, o policial cessa a agressão e se aproxima para determinar que ele parasse de filmar.

Policial truculento retirou o adesivo da farda para não ter o seu nome identificado

Policial truculento retirou o adesivo da farda para não ter o seu nome identificado

“Esse policial se aproximou de mim e tentou me intimidar, afirmando que eu não o poderia filmar, disse que havia na lei impedimentos de ‘direito de uso de imagem’ que eu estava desrespeitando a partir do momento em que eu o filmava. Eu retruquei que podia, sim e que publicaria o vídeo e que o denunciaria na corregedoria da PM. Ele ficou exaltado e eu resolvi sair do local temendo alguma reação mais agressiva”.

O outro policial não agrediu o suposto usuário de drogas, mas sua conduta demostrava conivência e aceitação ao ato praticado pelo colega.

O jornalista disse que, a primeira vista, não dava para confirmar se realmente o rapaz agredido pelo policial teria consumido maconha. Ele aparentava ser menor ter idade entre 16 e 19 anos. Após a agressão, os policiais algemaram o rapaz e o teriam levado para uma delegacia

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em Sena acusados de aterrorizar moradores são presos pela PM

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Polícia

Homem é morto com facada nas costas em avenida Chico Mendes, no Segundo Distrito de Rio Branco

Publicados

em

Corpo da vítima foi levado para o IML de Rio Branco — Foto: Arquivo/Instituto de Análise Forense do Acre

Um homem ainda não identificado foi morto nesta quinta-feira (26) na Avenida Chico Mendes, no bairro Areal, região do Segundo Distrito de Rio Branco, próximo ao estádio arena da Floresta.

De acordo com o Centro de Operações Policiais Militares (Copom), o homicídio ocorreu por volta das 5h. A informação é que a vítima passava de bicicleta pelo local quando foi atacada e levou, pelo menos, uma facada nas costas.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local fez os primeiros atendimentos e, por conta da gravidade do ferimento, acionou apoio da 01, ambulância de suporte avançado.

Conforme o Samu, o paciente teve uma parada cardíaca ainda no local, foi intubado e a equipe iniciou a reanimação, mas sem sucesso. Ele morreu dentro da ambulância e foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos e de identificação.

Leia Também:  Polícia Civil e PM prende mulher com arma, veículos e produtos furtados

Policiais Militares fizeram buscas na região e prenderam um suspeito em flagrante. Segundo o Copom, pelas informações levantadas inicialmente, os dois não se conheciam e a vítima estava no local e hora errada.

O homem teria confirmado o crime, disse que era hora de matar e ao ver a vítima passando na rua, decidiu dar o golpe de faca. O g1 não conseguiu contato com o delegado Alcino Júnior, da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa. Do G1 Acre

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA