Polícia

Mulher escapa da morte ao cair com veículo em buraco na BR 317

Publicados

Polícia

É verdade que alguns trechos estão sendo recuperados, mas, os mais críticos ode existem essas crateras que necessitam de uma atenção urgente 

Veículo ficou com rodas para cima e condutora escapou ilesa – Fotos: Cedidas/oaltoacre

Veículo ficou com rodas para cima e condutora escapou ilesa – Fotos: Cedidas/oaltoacre

A história até parece se repetir, mas, não seria pelo fato de ter acontecido na noite desta sexta-feira, dia 16, por volta das 20 horas, quando uma mulher tentava chegar na cidade de Epitaciolândia dirigindo seu veículo.

Faltando cerca de 27 quilômetros, existe uma das diversas crateras que estão quase rompendo e isolando a fronteira do Acre da Capital e outras cidades. Os alertas feitos por vários meios de comunicação e vítimas, pouco sensibilizou às autoridades do Estado.

É verdade que alguns trechos estão sendo recuperados, mas, os mais críticos ode existem essas crateras que necessitam de uma atenção urgente e estão fazendo vítimas, estão sendo deixados por último, talvez quando uma vida seja perdida.

J.R.S. de 40 anos, pouco percebeu que havia uma cratera pouco sinalizada na BR em sua frente. Caiu de uma altura de quase cinco metros e que deixou seu veículo de rodas para cima. Milagrosamente e com ajuda do cinto de segurança, escapou sem nenhum arranhão pelo corpo.

Cratera já foi protagonista em outros acidentes – Foto: Arquivo

Cratera já foi protagonista em outros acidentes – Foto: Arquivo

O ferimento que sofreu, foi um arranhão numa as pernas ao tentar subir o barranco e pedir ajuda. A mesma iria procurar uma unidade de saúde para exames de rotina e retornou para casa para acionar o reboque e retirar o carro da cratera.

Foto: Cedida/oaltoacre

Foto: Cedida/oaltoacre

Fonte-oaltoacre

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícia recupera veículo e prende suspeito de roubo em Rio Branco

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Polícia

Duas mulheres são presas ao tentar entrar em presídios com trouxinhas de maconha nas partes íntimas

Publicados

em

Policiais penais acharam trouxinhas de maconha durante revista – Foto: Arquivo/Iapen-AC

Duas mulheres foram presas em flagrante ao tentar entrar com droga nas unidades penitenciárias Moacir Prado, em Tarauacá, e Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, ambas no interior do Acre. As prisões ocorreram no domingo (22) durante visita dos familiares aos detentos.

As suspeitas esconderam o entorpecente nas partes íntimas. O Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen-AC) divulgou as prisões.

O primeiro flagrante ocorreu em Tarauacá. A visitante estava com 31 trouxinhas de maconha e papel para cigarro escondidos em preservativos. O material foi descoberto quando a mulher passou no scanner corporal e os policiais perceberam um volume anormal nas partes íntimas dela.

Já em Sena Madureira, os policiais receberam uma denúncia informando sobre o crime. A equipe questionou a visitante se as informações procediam, ela negou em um primeiro momento, mas depois acabou confessando o crime.

Durante a revista foram achadas 21 trouxinhas de maconha dentro de um preservativo. Segundo o Iapen-AC, a suspeita confessou que levaria o material para o marido vender dentro do presídio.

Leia Também:  Homem foi interrogado pelo “Tribunal do Crime” antes de ser decapitado em Rio Branco

As duas suspeitas foram levadas para as delegacias das cidades, juntamente com os presos que iriam receber a visita. Veja mais no G1 Acre 

Suspeitas carregavam drogas dentro de preservativos – Foto: Arquivo/Iapen-AC

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA