Polícia

Mulher de 51 anos morre após ser atropelada ao voltar da igreja no bairro das Placas, em Rio Branco

Publicados

Polícia

Família diz que vítima voltava sozinha da igreja para casa quando foi atropelada por motorista que fugiu do local – Foto: Arquivo pessoal

A dona de casa Antônia Leandro da Silva, 51 anos, morreu após ser atropelada na noite dessa terça-feira (5) na rua Joaquim Macedo no bairro das Placas, em Rio Branco.

Conforme o Centro de Operações Policiais Militares (Copom), um vizinho relatou ter ouvido um barulho de batida e quando saiu para verificar o que tinha acontecido, encontrou a mulher caída ao lado do meio-fio. No entanto, não tinha nenhum carro no local.

A sobrinha da vítima Rebeca Leandro da Silva, de 20 anos, contou que Antônia voltava sozinha da igreja quando foi atropelada perto de casa. A família só soube do acidente cerca de 30 minutos depois do ocorrido e quando chegou ao local, a vítima estava sendo atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

A equipe ainda tentou reanimar Antônia, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu dentro da ambulância. A vítima era viúva e deixou dois filhos. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para os devidos procedimentos.

Leia Também:  Condutora de veículo morre afogada após o automóvel cair dentro de açude AC-40, em Rio Branco

“Ninguém viu quem atropelou, mas conseguimos identificar três câmeras que podem ter flagrado a situação e vamos tentar ter acesso hoje. Não sabemos dizer se era homem ou mulher o motorista. Ela estava perto de casa quando aconteceu. A gente está muito abalado, porque além de não saber como que foi, qual carro, quem é o assassino, que não prestou socorro, bateu e saiu. Vamos correr atrás da Justiça para que seja preso”, disse a sobrinha. Iryá Rodrigues, G1 Acre

Mulher morre após ser atropelada ao voltar da igreja em Rio Branco – Foto: Arquivo pessoal

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Homem é morto e mulher ferida por dupla encapuzada na região do Caquetá, em Porto Acre

Publicados

em

Antônio André de Araújo, de 41 anos, foi morto ao ser alvejado com vários disparos de arma de fogo. O crime ocorreu no Ramal Santa Bárbara, região do Caquetá, em Porto Acre. Uma mulher ficou ferida no braço, mas sem gravidade.

A Polícia Militar foi acionada no sábado (30) para atender a ocorrência e, ao chegar no local, encontraram duas mulheres, que disseram ter passado a noite com Araújo e de outro homem e que eles estavam armados e teriam agredindo-as fisicamente.

Já na manhã de sábado, apareceram duas pessoas encapuzadas e armadas com pistolas e começaram a atirar contra elas e os dois homens.

Foi quando a vítima foi alvejada com vários tiros e não resistiu. O outro homem conseguiu fugir e não foi localizado. Uma das mulheres chegou a ser ferida no braço, foi encaminhada ao Pronto Socorro de Rio Branco, recebeu atendimento e liberada depois, segundo informações da polícia.

As mulheres escaparam com vida porque fugiram e se esconderam em outra propriedade. Ainda segundo informaram à polícia, a dupla encapuzada levou as armas e celulares de todos que estavam na casa.

Leia Também:  Confira a programação: Na Semana da Mulher, Seplag realiza atividades voltadas para as servidoras

A Perícia e Instituo Médico Legal (IML) estiveram no local e fizeram os procedimentos de praxe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA