Polícia

Jovem de 20 anos que teria sido morto em Tarauacá durante bebedeira ainda não foi achado e polícia segue com buscas

Publicados

Polícia

A polícia continua com as buscas para tentar localizar o jovem Adejane Alves da Silva, de 20 anos, que teria sido morto com um tiro na cabeça, na zona rural de Tarauacá, próximo ao Rio Muru. 

O crime teria ocorrido no dia 22 de dezembro. No dia 29, a polícia recebeu denúncias de que teria ocorrido o homicídio, mas só nesta semana a família conseguiu fazer o boletim por morar em uma região de difícil acesso.

Conforme o delegado, já existem informações sobre o suspeito, que também está sendo procurado. O local onde o crime teria ocorrido fica a cerca de quatro horas de subida no rio, saindo da cidade.

“Estamos apurando ainda e vamos ter novas informações em breve. O corpo ainda não foi encontrado, mas estamos diligenciando também, porque ele escondeu o corpo no seringal. Até agora, nós estamos trabalhando com [a motivação] ter sido uma discussão durante bebedeira.”

O boletim de ocorrência sobre o desaparecimento e suposto homicídio do jovem foi registrado na última quinta-feira (6), em Tarauacá.

Leia Também:  Indígena que atirou na cabeça de homem durante assalto, é preso com droga em Rio Branco

As informações da Polícia Militar são de que a vítima estaria na casa do suspeito, no dia 22 de dezembro, quando os dois tiveram um desentendimento, e o suspeito deu um tiro no rosto da vítima com uma espingarda. O jovem teria morrido na mesma hora, segundo o relato de uma testemunha.

Depois disso, a informação é de que o suspeito teria saído, mas voltou e escondeu o corpo da vítima e não foi mais visto.

Testemunhas ainda informaram à polícia que o suspeito costumava andar na região com mais dois companheiros armados e usando fardas de militares do Exército e da PM.

E Veja Também no Plantão 3 de Julho Notícias:

Filho de Jair Bolsonaro, o deputado Eduardo Bolsonaro acentua sua submissão ao atual presidente dos Estados Unidos, que pode sofrer um impeachment a toque de caixa nesta semana.

Acompanhe nossas redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Instagram 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Por Iryá Rodrigues, G1 Acre

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Polícia

Homem é morto e mulher ferida por dupla encapuzada na região do Caquetá, em Porto Acre

Publicados

em

Antônio André de Araújo, de 41 anos, foi morto ao ser alvejado com vários disparos de arma de fogo. O crime ocorreu no Ramal Santa Bárbara, região do Caquetá, em Porto Acre. Uma mulher ficou ferida no braço, mas sem gravidade.

A Polícia Militar foi acionada no sábado (30) para atender a ocorrência e, ao chegar no local, encontraram duas mulheres, que disseram ter passado a noite com Araújo e de outro homem e que eles estavam armados e teriam agredindo-as fisicamente.

Já na manhã de sábado, apareceram duas pessoas encapuzadas e armadas com pistolas e começaram a atirar contra elas e os dois homens.

Foi quando a vítima foi alvejada com vários tiros e não resistiu. O outro homem conseguiu fugir e não foi localizado. Uma das mulheres chegou a ser ferida no braço, foi encaminhada ao Pronto Socorro de Rio Branco, recebeu atendimento e liberada depois, segundo informações da polícia.

As mulheres escaparam com vida porque fugiram e se esconderam em outra propriedade. Ainda segundo informaram à polícia, a dupla encapuzada levou as armas e celulares de todos que estavam na casa.

Leia Também:  "Homem Aranha" ataca novamente e é preso pela polícia em Tarauacá

A Perícia e Instituo Médico Legal (IML) estiveram no local e fizeram os procedimentos de praxe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA