RIO BRANCO

Polícia

Homem sai para matar com moto roubada e acaba executado na Capital

A vítima estava em uma moto com restrição de roubo e teria ido ao local pra matar um desafeto da facção rival.

Publicados

Polícia

A vítima estava em uma moto com restrição de roubo e teria ido ao local pra matar um desafeto da facção rival.

Um homem de nome ainda não identificado foi assassinado na tarde desta segunda-feira (15), na Rua Santa Cecília, região do bairro João Eduardo, em Rio Branco. A vítima estava em uma moto com restrição de roubo e teria ido ao local pra matar um desafeto da facção rival, segundo o coletado pela polícia.

A informação extraoficial é de que a vítima era o condutor da moto e chegou acompanhado do garupa que estaria em posse de uma arma de fogo e teriam tentado matar um desafeto que reagiu efetuando disparos. O garupa conseguiu fugir correndo tomando rumo ignorado e o condutor, mesmo ferido, ainda teria tentado correr deixando a moto para trás, mas caiu após alguns metros e foi alcançado pelo homem que efetuou mais dois disparos diretamente na cabeça.

Uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel Urgência (Samu) , esteve no local para socorrer a vítima, mas só pode atestar o óbito.

Leia Também:  Dependente químico é preso após furtar colete e algemas de policial

A perícia criminal esteve presente com uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), estiveram no local, que após pesquisa no sistema, detectaram que a moto usada pela vítima era oriunda de roubo.

“Nós encontramos ao chegarmos aqui essa situação de homicídio e uma moto caída lá atrás e estamos trabalhando para identificar a vítima que não seria morador da região, por isso, não foi reconhecido, bem como identificar os autores desse crime. Temos essa informação de que houve troca de tiros antes dele ser encontrado caído no chão, mas, vamos apurar todas as linhas”, disse o delegado Remulo Diniz.

Veja o Vídeo: 3 de Julho Entrevistas

Veja nesta entrevista o Gerente regional do Sebrae, Jorge Saad, explicando as principais ações do Sebrae durante o primeiro semestre e quais foram as principais atividades do Sebrae voltadas para o agronegócio, indústria e comércio, Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de ativar as notificações clicando no sininho.

Leia Também:  Polícia Militar apreende drogas em veículo de aplicativo na BR-364, nas proximidades da cidade de Sena Madureira

Com informações de Ac24horas

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Polícia

Homem conhecido por Sombra é preso enquanto carregava corpo com pernas decepadas em barco pelo Rio Môa

Publicados

em

Homem é flagrado enquanto carregava corpo de vítima torturada em barco na zona rural do AC – Foto: Arquivo

Claudinei Sombra dos Santos, de 19 anos, foi flagrado enquanto carregava o corpo de um homem dentro de um barco pelo Rio Môa, na zona rural do município de Mâncio Lima. A vítima, que ainda não foi identificada, foi morta com tiros e teve as pernas decepadas. O corpo segue no Instituto Médico Legal (IML) em Cruzeiro do Sul.

Segundo o portal G1 Acre, o suspeito descia de barco pelo rio saindo da comunidade Timbaúba em direção a Mâncio Lima, quando passou pela base do Exército na comunidade São Salvador. Foi então que os militares fizeram uma abordagem e perceberam que ele estava muito nervoso e, ao verificarem o barco, encontraram o corpo da vítima.

A polícia foi acionada e foram enviadas duas equipes – uma da Polícia Civil e outra da Polícia Militar – para fazer o translado do corpo e a condução do preso. O local onde o suspeito foi flagrado fica a cerca de 10 horas de barco da cidade de Mâncio Lima e ele foi preso nesse domingo (16).

Leia Também:  Após ser presa por exercer função de farmacêutica de forma ilegal, jovem é exonerada no Acre

Conforme o delegado responsável pelas investigações, José Obetaneo do Santos, a motivação do crime ainda está sendo apurada.

“Vamos concluir o flagrante e verificar qual foi a verdadeira motivação desse crime. Na conversa preliminar com o acusado, ele apenas disse que se desentendeu com esse homem e que não o conhecia e que por conta desse desentendimento veio o dolo de matar e ele matou. O médico legista disse que ele foi alvejado por disparo arma de fogo e teve as pernas decepadas. A vítima foi torturada”, disse o delegado.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA