Polícia

Garoto de 14 anos vai andar a cavalo e sofre abuso sexual

Família recebeu notícia de que adolescente tinha caído durante cavalgada

Publicados

Polícia

Família recebeu notícia de que adolescente tinha caído durante cavalgada

Um adolescente, de 14 anos, teve ferimentos graves na cabeça após andar a cavalo em um haras na cidade de Orlândia, a 350 km da capital paulista, no interior do Estado. No entanto, os laudos da perícia comprovaram que o menino foi vítima de violência sexual. Por conta das lesões, o garoto enfrenta hoje dificuldades para falar e andar.

Em setembro de 2011, a família recebeu a notícia que o adolescente tinha caído durante uma cavalgada. Foram 19 dias em coma e uma notícia chocante que a mãe, Salete Cristiane Barbosa, teve dos médicos.

— As pancadas na cabeça não têm como ter sido um tombo de cavalo, porque não quebrou o pescoço, o menino não tinha um arranhão no corpo, ele não tinha nada quebrado.

Ainda de acordo com a mãe, quando o suposto criminoso percebeu que o garoto ira contar sobre o estupro, ele decidiu matar o menino, agredindo-o com pancadas na cabeça.

Quando o adolescente voltou a falar, ele confirmou a violência. Ele disse que foi agredido por um funcionário do haras e que já tinha sido abusado outras vezes.

A polícia começou uma investigação e a prisão temporária de 30 dias do suspeito foi decretada pela Justiça, mas o rapaz foi liberado dois dias depois a pedido do próprio delegado. Ele ouviu frequentadores do haras, que afirmaram ter visto o menino cair do cavalo e não testemunharam qualquer agressão contra o garoto.

O delegado disse que não pode dar mais detalhes pois o processo corre em segredo de Justiça. O inquérito já foi concluído e a promotora do caso aguarda uma decisão da Justiça para se manifestar.

Um adolescente, de 14 anos

Um adolescente, de 14 anos

Fonte-R7

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Ossada de casal é achada em cova rasa; uma das vítimas é irmã de adolescente morta com tiro no rosto

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Polícia

Criança de 1 ano morre afogada enquanto brincava dentro de caixa d’água em Acrelândia

Publicados

em

Uma criança de 1 ano e 4 meses morreu afogada após cair em uma caixa d’água na manhã dessa quinta-feira (26), na cidade de Acrelândia, no interior do Acre.

O menino, identificado como Moisés Marcos dos Santos Silva, brincava na caixa, quando caiu dentro dela e acabou morrendo afogado, segundo a polícia.

“Até agora, a informação que temos é que a criança caiu na caixa d’água, quando estava brincando. Foi levado ao hospital e fomos acionados”, informou o delegado Dione dos Anjos.

O menino ainda chegou a ser levado para o hospital da cidade, mas não resistiu. Por não ser uma morte natural, o médico da unidade acionou a polícia.

O corpo do menino foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), em Rio Branco, onde passou pelos exames cadavéricos. O delegado disse que aguarda o resultado do laudo e só deve ouvir a família, caso o documento aponte uma causa diferente para a morte. Com informações do G1 Ac.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Suspeito de matar jovem decapitado após ser levado de casa em Rio Branco é preso e confessa crime
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA