RIO BRANCO

Polícia

Foragido da Justiça se passa por pastor, mas acaba preso pela PRF em Rio Branco

Humberto disse aos policiais que era pastor evangélico mas acaba preso pela PRF em Rio Branco.

Publicados

Polícia

Humberto disse aos policiais que era pastor evangélico mas acaba preso pela PRF na capital

Na manhã desde sábado (18), a Polícia Rodoviária Federal em revista de rotina em um ônibus que chegava em Rio Branco conseguiu prender Humberto dos Santos, foragido da Justiça de Goiás.

Os agentes perceberam o nervosismo do passageiro e resolveram averiguar qual o motivo.

Segundo agente da PRF, Celso Oliveira, o foragido que chegava a Rio Branco de ônibus, teria se passado por pastor evangélico, mas ao fazer a consulta no sistema da polícia foi contatado que ele estava foragido da polícia.

Humberto foi detido e encaminhado à delegacia onde estará à disposição da Justiça acreana.

pastor

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Jovem de 22 anos morre ao ser esfaqueado em um clube na Estrada da Borracha, na entrada de Xapuri

Propaganda

Polícia

Vídeo: Sargento Erisson Nery, do “trisal de Brasileia”, atira em estudante de medicina supostamente por motivo de ciúmes

Publicados

em

De acordo com informações que começaram a circular a partir de grupos de rede social o sargento Erisson Nery, da PM, famoso pela história do trisal acreano de Brasiléia, que ganhou grande cobertura midiática nos últimos três anos, atirou em um homem na madrugada deste domingo (28), em um dos bares mais frequentados de Epitaciolândia, o QGIV Gastrobar. As informações são do ac24horas

Dois vídeos gravados por testemunhas, momentos após os tiros, mostram parte do tumulto em uma rua. Em um deles, algumas pessoas aparecem aparentemente socorrendo a vítima, que está ferida no chão. No segundo, um homem que seria o sargento Nery surge desferindo um soco contra o rosto do homem no chão, sendo contido por um casal que prestava assistência ao ferido.

De acordo com relatos de pessoas que estavam no local e presenciaram os fatos, a confusão que resultou nos tiros começou por conta de a vítima, supostamente um estudante de medicina, estar dançando com a também sargento Alda Radine, esposa de Erisson Neri.

Em um áudio que também foi divulgado nas redes sociais, um homem diz que “o Nery acabou de acabar com a vida dele. Acabou de dar dois tiros em um cara, do nada”. Em novo áudio, um outro homem se refere à motivação. “Meu mano, foi porque o estudante de medicina foi dançar com a mulher dele, a Alda. Aí ele endoidou”.

Erisson Neri e Alda Radine ganharam notoriedade a partir de 2018 ao assumir uma relação de poliamor com outra mulher, Darlene Oliveira, e divulgar isso massivamente por meio das redes sociais. O caso ganhou repercussão nacional se tornando pauta de reportagens em diversos veículos de comunicação.

Leia Também:  Suspeito do sequestro de Rosheco de Brasiléia fugiu com R$ 100 mil

O delegado Luis Tonini, que está de férias, informou que tomou conhecimento do fato por meio do Ciosp – Centro Integrado de Operações de Segurança – e disse que entrou em contato com a comandante Ana Cássia.

“Entrei em contato com ela no sentido de que fosse feito o contato com ele, porque a informação era de que ele teria fugido, para que ele se apresentasse para que fosse feito o flagrante, mas não sei ainda se isso de fato aconteceu, pois ela ainda não me deu retorno. Mas o procedimento não está comigo, mas com o delegado que me substitui nesse período”, explicou.

As últimas informações obtidas pelo ac24horas dão conta de que o sargento Nery está sendo procurado. De acordo com uma fonte que pediu sigilo da identidade, o militar teria informado a seus superiores que se apresentará apenas nesta segunda-feira (29), acompanhado de seu advogado. O caso será conduzido pela delegada Carla Ivane, de Brasiléia, que é esposa do delegado Tonini.

Não há, ainda, informações sobre o estado de saúde do estudante baleado e nem a sua identidade. Fontes no Hospital Regional do Alto Acre informaram que o estudante foi encaminhado para o Pronto Socorro de Rio Branco.

A reportagem também entrou em contato com o proprietário do QGIV Gastrobar, onde o fato ocorreu, o empresário Walter Brega. Ele confirmou o que foi veiculado nas redes sociais, ou seja, que o militar atirou em um estudante e que a vítima não teria ido a óbito até aquele momento.

Leia Também:  Após discutir com esposa, jovem é esfaqueado nas costas pelo cunhado

O ac24horas tentou manter contato com a major Ana Cássia, comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar em Brasiléia, mas não conseguiu retorno até o fechamento desta nota e também está tentando falar com a defesa do sargento Nery, mas ainda não conseguiu sucesso. O espaço encontra-se à inteira disposição para qualquer manifestação.

Veja os vídeos:

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Muitas são as dúvidas, e eu esclareço algumas. Quem tem direito a receber o abono pago com a sobra do recurso do Fundeb, anunciado pelo Governo do Acre? Uma grande manifestação foi realizada durante todo dia pela manhã em frente à casa civil e a tarde na sede da PGE – Procuradoria Geral do Estado.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA