RIO BRANCO

Polícia

Aposentado de 68 anos é preso suspeito de abusar de criança de 10 anos em Cruzeiro do Sul; família denunciou caso

Publicados

Polícia

Polícia Civil recebeu denúncia ano passado e, após investigações, pediu a prisão do suspeito — Foto: Reprodução

Um idoso de 68 anos foi preso pela Polícia Civil de Cruzeiro do Sul, interior do Acre, suspeito de abusar de uma criança de 10 anos. A vítima é neta da companheira dele. Familiares buscaram a polícia, ano passado, e denunciaram o caso. A prisão ocorreu na última quarta-feira (5).

Na época, a polícia chamou o idoso para prestar esclarecimentos e ele negou o crime. Outros familiares e a criança também foram chamados para depor e, segundo a polícia, a vítima relatou que o suspeito abusava dela.

A Polícia Civil seguiu com as investigações, fez exames na menina, comprovou os abusos e pediu a prisão preventiva do suspeito. “Com os elementos que foram colhidos tivemos mais certeza dos indícios de que o fato ocorreu. Ela contou o que aconteceu, os abusos eram sem penetração, ele passava a mão nela”, relatou o delegado responsável pelo caso, Rômulo Carvalho.

A menina não soube precisar quando os abusos iniciaram, mas confirmou que não foi apenas uma vez. Ela foi encaminhada para atendimento psicológico e assistência no município.

Leia Também:  Mais uma operação no governo Gladson, desta vez, o Deracre de Cruzeiro do Sul é alvo de busca e apreensão da Polícia Civil

‘Passou pomada’

Carvalho contou também que, ainda durante as investigações, o idoso alegou que o contato íntimo que teve com a vítima foi quando passou uma pomada para assaduras nas partes íntimas dela. “Mas, os elementos, a versão da criança e das testemunhas levaram a crer que não foi só a pomada, é uma questão criminal mesmo para satisfazer a lacívia dele”, confirmou.

A avó da criança alegou para a polícia que não percebeu comportamentos estranhos do companheiro. A criança chegou a morar com o casal, mas foi tomada pela mãe após ela saber dos abusos.

“Era uma prisão que pedi há um tempinho e só saiu agora. O crime tem mais de um mês. A mãe da criança desconfiou [dos abusos], mas a companheira [do suspeito] não. A mãe levou [a menina embora] porque ouviu que estava tendo essa situação”, explicou.

O delegado destacou ainda que o inquérito policial está pronto para ser relatado ao Poder Judiciário. “Foi feito atendimento social dela, o exame de conjunção carnal e tudo certinho”, concluiu. Com informações do G1 Acre.

Leia Também:  Mais corrupção com dinheiro público: Policial penal é preso por desviar cerca de 10 mil litros de combustível por mês do Iapen

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O ex-deputado federal, Sibá Machado, gravou um vídeo polêmico onde fez um desabafo contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, o Juiz Sérgio Moro e o governador do Acre, Gladson Cameli. Sibá não perdeu a oportunidade de alfinetar o gestor em se tratando do escândalo de corrupção no qual para a Polícia Federal, Cameli é tido como o chefe de uma organização Criminosa que desviou quase R$ 1 bilhão de reais dos cofres públicos do Estado.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Suspeitos de estuprar menina de 13 anos e filmar crime são presos no Jordão

Publicados

em

Trio foi preso e levado para Tarauacá para ser interrogado e, posteriormente, conduzido para o presídio — Foto: Arquivo/Polícia Civil

Três homens, de 18, 20 e 22 anos, foram presos preventivamente por estupro de vulnerável na cidade de Jordão, interior do Acre. Segundo as investigações, o trio abusou sexualmente de uma adolescente de 13 anos em dezembro do ano passado.

A Polícia Civil informou que os suspeitos são conhecidos da vítima. No dia do crime, a menina tinha saído para pagar uma conta para a mãe quando um dos suspeitos a chamou para a casa dele para tomar tereré. Porém, no local, o trio passou a dar bebida alcoólica para a menor.

“Posteriormente saíram da casa e foram para outra casa, que é abandonada, onde deram mais bebida alcoólica para a menor e ocorreu o abuso sexual. Os três abusaram dela”, confirmou o delegado responsável pelo caso, Valdinei Soares.

Ainda segundo Soares, o crime foi filmado pelos suspeitos. Eles a deixaram no local e uma tia a encontrou no local e levou para casa. A mãe da menina ficou sabendo do crime e procurou a polícia.

Leia Também:  Mais de 10 denúncias de agressão e abuso de autoridade durante prisões são investigadas pelo MP-AC

“A mãe registrou um boletim de ocorrência, mas, a princípio, a vítima não quis dizer quem era e só foi ouvida na delegacia agora em janeiro, quando citou as pessoas. A Polícia Civil do Jordão acabou diligenciando para identificar os suspeitos, mostrou fotos deles para a vítima, que reconheceu e, a partir de então, representamos pela prisão, busca e apreensão”, complementou o delegado.

A Polícia Civil pediu a prisão dos suspeitos e, nesta terça (18) e quarta (19), cumpriu os mandados de prisão e busca e apreensão.

Os três foram levados para a cidade de Tarauacá, também no interior, para serem ouvidos e, posteriormente, levados para a Unidade Prisional Moacir Prado.

A polícia destacou que as equipes viajaram por mais de cinco horas de barco para prender o suspeito que estava na zona rural do Jordão. Por G1 Ac.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Em meio a maior crise do sistema de transporte coletivo dos últimos tempos, a população de Rio Branco vive um dilema e acorda todo dia sem saber se terá ônibus passando em sua região. O prefeito Tião Bocalom tentou amenizar o problema repassando R$ 2 milhões e quatrocentos mil para as empresas quitar os débitos com empregados, acordo não cumprido e que foi um dos motivos para a intervenção no setor.

Leia Também:  Prefeito Zequinha Lima realiza ações em alusão ao novembro azul em Cruzeiro do Sul

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA