RIO BRANCO

Mundo

MP decide que promotor pode dar surra na mulher por “razão de fé”

O Conselho Superior do Ministério Público Federal decidiu não haver motivos para exonerar o procurador da República Douglas Kirchner, acusado de torturar física e psicologicamente a própria mulher.

Publicados

Mundo

O Conselho Superior do Ministério Público Federal decidiu não haver motivos para exonerar o procurador da República Douglas Kirchner, acusado de torturar física e psicologicamente a própria mulher.

Mais deprimente que a resolução do Conselho, em si, só a intervenção do conselheiro Carlos Frederico. Para ele, Kirchner APENAS sofre de transtornos mentais, e essa “fragilidade” (encher a mulher de porrada e prendê-la num quarto sem comida e sem banho) veio da “fé”.

Mais brilhante ainda foi a advogada, Janaína Paschoal: Ao encher a mulher de porrada, Kirchner estava exercendo o saudável direito de liberdade religiosa. Isso mesmo. Por essa razão, nunca houve qualquer razão para se aplicar a Lei Maria da Penha, no caso. “Ele está sendo punido por ter acreditado. O que está acontecendo aqui é um julgamento da fé”.

Os altos salários da instituição passaram a ser alvo de uma casta de classe média que, adestrada em cursinhos intensivos de preparação para concursos públicos, tem pouco ou nenhum compromisso com a democracia e os direitos de cidadania. Livre de qualquer controle social e sem nenhum vínculo de subordinação a nada nem a ninguém, cada promotor e procurador brasileiro virou um príncipe com poderes absolutos e indiscutíveis. O fato de estarem, agora, liberados para espancar mulheres em nome da fé é só uma consequência nefasta desse estado de coisas.

Leia Também:  Cidade de (SP) Registra Dois Casamentos Gays Por Dia

Conselho Superior

Fonte: estadolaics.wordpress.com

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Mundo

Veja o vídeo: “Peixes-pênis” invadem praia da Califórnia após tempestade

Publicados

em

Metrópoles – Os moradores de Marin County, Califórnia, Estados Unidos, levaram um susto ao verem milhares de “peixes-pênis” na praia de Drake Beach. Após uma forte tempestade, essa espécie de verme marinho invertebrado invadiu as areias do local.

Segundo o site BayNature.org, esses vermes, que tem como nome científico Urechis caupo, vivem em locais de lama e arenosos no fundo do mar. Eles ganharam esse nome por se parecerem com pênis. Com a força da tempestade, eles foram retirados do fundo do mar e levados para o litoral.

Os “peixes-pênis” se alimentam de bactérias e plânctons e não representam risco aos seres humanos. Quando são arrastadas para a praia, acabam virando comida para lontras, tubarões e gaivotas. Segundo a página, humanos também podem comer esses vermes. O mesmo fenômeno já ocorreu em anos anteriores nos Estados Unidos.

Veja o Vídeo:

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: A câmara de Brasiléia aprovou por 8 votos o Anteprojeto de Lei, de autoria da Vereadora Neiva Badotti, que dispõe acerca de procedimentos e limites de pagamentos das Requisições de Pequeno Valor (RPV) devidas pelo município de Brasiléia-Acre. Atualmente, portanto, qualquer débito judicial transitado em julgado em desfavor da Fazenda Pública no município de Brasiléia superior a R$ 6.600,00 (seis mil e seiscentos reais), estará sujeito ao regime de expedição de precatórios, ou seja, respeitando-se a ordem cronológica de suas apresentações.

Leia Também:  Cidade de (SP) Registra Dois Casamentos Gays Por Dia

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA