RIO BRANCO

Geral

Urgente: Xapuri decreta estado de Emergência

A água se aproxima dos pés da imagem de São Sebastião, na praça que leva o seu nome.

Publicados

Geral

A água se aproxima dos pés da imagem de São Sebastião, na praça que leva o seu nome.

Xapuri

Ainda que os efeitos da enchente histórica que afeta Xapuri neste ano de 2015 estejam causando danos inferiores aos que a vizinha Brasileia está enfrentando, o panorama não deixa de ser desolador na terra de Chico Mendes, onde a própria casa do ícone da cidade e a imagem de seu santo padroeiro não escapam do avanço das águas impiedosas do Rio Acre.
s
Não é exagero dizer que Xapuri vive um dos momentos mais dramáticos da sua história. O nível das águas chegou a 16,16 a 01h desta terça-feira. A Coordenação de Defesa Civil discute nesse momento a remoção da estrutura da hospital Epaminondas Jácome. Não se sabe ainda para onde transferir a unidade de saúde. As opções são o prédio do IFAC e um posto de saúde recém-construído mas ainda não inaugurado. O quartel da Polícia Militar já começou a ser transferido para a escola estadual Divina Providência.
s
A Coordenação Municipal de Defesa Civil estima que cerca de 200 famílias foram removidas de suas residências. Destas, 90 estão nos 10 abrigos preparados até o momento para receber vítimas da enchente. O restante foi acolhido por parentes e amigos. Nos bairros, asituação mais grave é a do Braga Sobrinho (Bolívia), que é separado do centro da cidade pelo igarapé Santa Rosa. A rápida subida das águas já cobriu a ponte que dá acesso ao local e ameaça deixar a comunidade isolada.
s
Diante do agravamento da enchente, a prefeitura resolveu decretar a Situação de Emergência nas áreas do município de Xapuri afetadas pela inundação. O decreto considera a quebra da situação de normalidade e da rotina da população atingida pela enchente, bem como o impacto negativo causado aos sistemas de transporte, saúde pública e segurança global, afetando a integridade e a incolumidade da população, além do exaurimento da capacidade de o município arcar com o imenso ônus causado pela ocorrência e magnitude do evento.
s
Para atender a crescente demanda de remoções a Defesa Civil está contando com um efetivo de oito equipes compostas por 22 policiais, entre Bombeiros e PM’s, e 36 civis. Essas equipes estão dispondo de 4 caminhonetes, 9 caminhões e 3 barcos a motor. A secretária de Estado de Comunicação, Andréa Zílio, está mantendo contato neste momento com o Cel. Gondim, comandante do Corpo de Bombeiros do Acre, que deverá enviar mais uma equipe para dar suporte ao trabalho que já está sendo desenvolvido.

Leia Também:  Acidente deixa vítima gravemente ferida na Avenida Rui Lino, em Brasileia

P2230006[6]

Fonte: raimari9.blogspot.com

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Geral

Poder Judiciário do Acre retoma plantão extraordinário com 30% da força de trabalho

Publicados

em

Portaria Conjunta Nº 5/2022 institui novas medidas administrativas para afastar a propagação do vírus neste momento – Foto Reprodução

Nesta segunda-feira, 17, a presidência do Tribunal de Justiça juntamente com a Corregedoria-Geral da Justiça tornou pública a Portaria Conjunta n° 5/2022, determinando a redução do quantitativo de servidores e colaboradores em regime presencial da instituição até o dia 24 de janeiro.

Deste modo, está autorizada a retomada do trabalho remoto e atuação, por meio de escala de revezamento, do trabalho presencial com no máximo 30% dos integrantes de cada setor, excetuando os casos em que se observe prejuízos aos serviços prestados pela unidade.

A medida considerou o aumento progressivo no número de casos de Covid-19 em todo o estado, principalmente nas últimas semanas, assim como o teor da Portaria GDG Nº 4, de 08 de janeiro de 2022, em que o Supremo Tribunal Federal autoriza a adoção do regime de teletrabalho excepcional ou, na impossibilidade, que se promova escala de revezamento para os servidores e colaboradores.

Leia Também:  Esqueleto de mulher que foi enterrada com uma vaca

Assim, a gestão decidiu manter a política instaurada desde o início da pandemia para o resguardo e segurança à saúde dos magistrados e magistradas, servidores e servidoras, estagiários e estagiárias, todas e todos terceirizados e público externo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA