RIO BRANCO

Geral

Sem IML na regional, Alto Acre sofre com falta de profissionais e corpos são transportados em carro comum

Publicados

Geral

A regional do Alto Acre – composta pelos municípios de Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia e Xapuri, no interior , enfrenta falta de estrutura como o um posto do Instituto Médico Legal (IML) e médicos para fazer exames mais complexos, como em casos de estupros. Além disso, está há mais de 8 meses sem rabecão. Com informações do G1 Acre.

Sem sede do IML na região, as vítimas de mortes violentas, ou acidentes de trânsito precisam ser transportadas para a capital acreana e, com isso, encara outro problema que é a falta de veículo adequado para o transporte.

No início deste mês, a boliviana Maria Eugênia Alavi Burgoa, de 40 anos, foi morta no Mercado Municipal de Epitaciolândia, e o corpo foi transportado em uma caminhonete da polícia. A falta de estrutura, já foi motivo de reunião entre as autoridades destes municípios, com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sejusp), por meio do programa Sejusp Itinerante.

A coordenadora da regional, delegada Carla Ívane confirmou a situação e disse que desde o final do ano passado, estão sem o rabecão e já foi enviado documento registrando o caso à direção. Além disso, disse que é uma preocupação porque o transporte feito sem a devida adequação coloca, inclusive, os servidores em risco.

Leia Também:  Sebrae Itinerante Estará Em Brasiléia Nesta Quarta (16)

“Estava apresentando problemas mecânicos e foi preciso parar por questão de segurança das pessoas e quando se viu que estes reparos não estavam satisfazendo, uma vez que o rabecão funcionava por um determinado tempo e depois voltava a dar problemas então enviamos para o setor de transportes da Polícia Civil”, contou.

O titular da Secretaria da Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp), coronel Paulo Cézar Santos, disse que as demandas estão sendo levantadas e devem ser encaminhados dois rabecões para a regional, mas não deu data.

“São pontos da Sejusp Itinerante, levantamos estas demandas e já estamos em processo de aquisição de dois rabecões para atender lá e mais outro para atender a região de Feijó e Tarauacá/Envira”, disse.

Instalação da sede

Sobre a falta de profissionais e instalação da sede do instituto na região, Santos disse que procuram por um espaço para locação para instalar uma sede do instituto, equipar com o necessário, além de disponibilizar os médicos e demais profissionais.

“Quanto ao IML estamos buscando um espaço para locação e atender a demanda de IML lá e também em Sena Madureira. É um assunto que está sendo tratado na Sejusp Itinerante, assim como estamos hoje na região do Juruá. Todos os IMLs vão ter um espaço para fazer exames de conjunção carnal, com atendimento humanitário. Estamos na busca do imóvel e fazendo as adequações sanitárias e no máximo em dois meses, vamos cumprir esta demanda”, concluiu.

Leia Também:  Acidente deixa dois feridos na BR-364, próximo de Manoel Urbano

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: A gestão do prefeito Jailson Amorim e seu vice-prefeito Pr. Nilson vem desenvolvendo ao longo destes sete meses um excelente trabalho voltado para o bem star da população e visando o desenvolvimento do município. Durante o início da gestão, houve alguns problemas que o município enfrentou como por exemplo a alagação em algumas comunidades rurais o que gerou prejuízos para os moradores. Mas apesar de tantos transtornos a prefeitura de Rodrigues Alves prestou todo o apoio às famílias atingidas, inclusive levou atendimento médico a comunidades rurais.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Geral

Inscrições estão abertas: Jornalistas de todo o país podem concorrer ao Prêmio Paulo Freire de Jornalismo

Publicados

em

Por

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Paulo Freire de Jornalismo, promovido pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação – Consed, com o apoio da Unesco no Brasil.

A iniciativa tem o objetivo de premiar produções jornalísticas com o tema “Educação Pública na Pandemia: inovação para manter a aprendizagem e o vínculo do aluno nas escolas das redes estaduais”.

Poderão concorrer trabalhos jornalísticos que abordem a temática estabelecida, por meio de reportagens ou série de reportagens publicadas no período de 1º de março de 2020 a 10 de janeiro de 2022, mesmo dia em que serão encerradas as inscrições.

São seis categorias: Jornalismo impresso, para reportagens em jornais ou revistas; Radiojornalismo, para reportagens em emissoras de rádio; Telejornalismo, para reportagens em emissoras de televisão; Webjornalismo, para reportagens em sites ou blogs de notícias; Fotojornalismo, para fotografias publicadas em matérias ou reportagens de jornal impresso, revista, sites ou blog de notícias; e Mídias digitais, para conteúdos jornalísticos e/ou informativos veiculados em plataformas digitais de áudio ou vídeo.

Leia Também:  Brasileia recebe últimas doações da campanha SOS Enchente Rio Acre

Os critérios Adequação ao Tema, Linguagem, Estética, Originalidade e Utilidade Social serão considerados na avaliação da Comissão Julgadora.

A cerimônia de premiação deve ocorrer no primeiro trimestre de 2022. O primeiro colocado de cada categoria receberá R$ 7.000,00 (sete mil), enquanto o segundo colocado ficará com R$ 5.000,00 (cinco mil). Já o terceiro colocado de cada categoria vai ganhar R$ 3.000,00 (três mil). O valor total em prêmios a serem distribuídos nas seis categorias é de R$ 90.000,00 (noventa mil).

O edital e o formulário de inscrição estão disponíveis, Clique aqui e se escreva no Consed

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti solicita do secretário de Ação Social providências sobre as crianças Haitianos que fica na ponte todo os dias pedindo dinheiro, e que o Poder Público proporcione dignidade para essas crianças. Neiva solicita também que seja encaminhado um oficio para a gerente do hospital para saber se chegou algum saco funerário doado pela prefeitura, comprado com o dinheiro do covid, e que solicita que seja agendado novamente a reunião com a secretaria de segurança pública do estado, para se tratar sobre o IML, pois a mais de 20 anos o problema se arrasta e até o momento nada foi resolvido.

Leia Também:  Veja o Vídeo Menina de 11 anos engrávidou de seu próprio irmão

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA